Tecnologia

Os torrents tiveram o ano de 2016 com perdas

computador-copias-piratas-digitando-notebook-teclado-01
Foto: ilustrativa

2016 provavelmente não será lembrado como um ano bom por muitas pessoas. Em meio a muitas notícias ruins, os usuários de tecnologias de compartilhamento de arquivos também tiveram maus momentos. Diversas plataformas de arquivos .torrent fecharam durante o ano, deixando muitos internautas desamparados. Listamos aqui abaixo algumas das principais plataformas do ecossistema torrent que encerraram suas atividades em 2016. Os três sites aqui listados integravam a lista dos dez mais procurados pelos internautas.

KickassTorrents – um dos websites mais procurados pelos “baixadores” de filmes e séries teve seu fim em julho, quando a polícia polonesa prendeu o suposto fundador do site, Artem Vaulin. A prisão era parte de um caso norte-americano que buscava eliminar sites de torrent. Na época, o KAT era o primeiro lugar entre os endereços mais acessados por quem buscava torrents com novidades como a séie Game of Thrones, por exemplo.

Torrentz.com – este site não era um repositório como o KickassTorrents, mas sim funcionava como um motor de buscas de arquivos em diversos sites diferentes, e era visitado por milhões de pessoas diariamente, sendo o terceiro com mais acessos. Diferentemente do KAT, o Torrentz.com resolveu encerrar suas atividades voluntariamente, deixando uma única mensagem aos fãs: “Torrentz sempre amará vocês. Adeus”. Apesar do fim do site, muitos outros metabuscadores de torrent surgiram pouco tempo depois. Atualmente, outros endereços como o Torrentz2.eu já estão entre os mais procurados.

TorrentHound – outro site que estava entre os 10 mais visitados do gênero, ele também fechou suas portas inesperadamente, sem dar uma explicação oficial. Embora ele tivesse um porte menor que o KAT e o Torrentz, ele tinha um público fiel, mas segundo os seus criadores, isso não foi o suficiente. O fim do site se deu a uma combinação de baixa receita e a pressão constante de grupos anti-pirataria.

Do TorrentFreak

 




Mais Lidas da Semana

Topo