Brejo/Agreste

Operação das Polícias Militar e Civil na região do Brejo prende oito pessoas e apreende armas

APREENSAO_OPERACAO

Seis homens e duas mulheres foram presos por policiais do 4º e 10º Batalhões de Polícia Militar e agentes da Polícia Civil de Areia, na tarde desta terça-feira (22), em uma residência localizada no Sítio Gavião, entre Areia e Alagoa Grande. Eles são acusados de um assalto a passageiros de um ônibus e do roubo de um veículo, crimes praticados entre as duas cidades na noite desta segunda-feira (21). Com os oito, os policiais apreenderam o veículo que tinha sido roubado, três revólveres e uma espingarda calibre 12, além de aparelhos de telefone celular, relógios e outros objetos pessoais pertencentes às vítimas do assalto ao ônibus.

ARMASEntre os presos, três deles, sendo dois irmãos e um primo, residem na região do Brejo. As duas mulheres são de Mataraca e os demais, de Santa Rita onde, de acordo com os policiais, também seriam responsáveis por outros crimes, inclusive a morte de um policial militar no ano passado. Alguns objetos encontrados na residência, como cosméticos e roupas com etiquetas, podem ser de outros roubos praticados pela quadrilha.

A participação de um deles em um homicídio praticado na semana passada na região do Vale do Mamanguape e que teria feito com que eles tivessem se mudado para a região do Brejo também será investigada. Os policiais militares e civis chegaram até a quadrilha depois que receberam informações de que havia um veículo escondido em um engenho e algumas pessoas desconhecidas estariam circulando pelas redondezas.

Ao realizarem diligências, os policiais encontraram e abordaram um deles, que indicou a residência onde estavam escondidos os demais integrantes da quadrilha. Os oito presos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, onde foram autuados por formação de quadrilha, roubo e porte ilegal de arma. Dois deles tinham mandados de prisão expedidos pela Justiça.

Assessoria/4º BPM




Mais Lidas

Topo