Guarabira

Promotoria de Guarabira realiza audiência com representantes de unidades de saúde do município

saude

A Promotoria da Saúde de Guarabira realizou, na última quarta-feira (30), uma audiência com representantes das unidades do município para discutir os principais problemas que afetam a saúde pública de Guarabira.

A audiência foi presidida pela promotora de Justiça Andréa Bezerra Pequeno de Alustau e contou com a participação do secretário municipal de Saúde, Wellington Oliveira; do diretor do Hospital Regional de Guarabira, Cleonaldo Freira; da coordenadora regional do Samu, Cássia Cilene Melo; da representante do 3º Batalhão dos Bombeiros, capitã Vivicleia Soares; do coordenador administrativo da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Guarabira, Gilson Cândido; e gerente da 2ª Região de Saúde, Alcione Beltrão.

Os representantes do Samu e dos Bombeiros informaram problemas com a retenção de macas no Hospital Regional. A direção do hospital relatou que, por ser de referência, o hospital atende a pacientes de 43 municípios, 25 dos quais com pactuação. Ele falou ainda que, no primeiro semestre de 2017, a maioria dos pacientes atendidos foi classificada a triagem como verde ou azul, o que significa que poderiam ser atendidos em unidades básicas de saúde e UPA.

A promotora sugeriu uma solução em conjunto para melhorar o atendimento na rede pública de saúde de Guarabira, através da adoção de um protocolo padrão de atendimento e triagem no Hospital Regional, de forma que os casos simples sejam encaminhados à UPA e às unidades básicas, através de contato prévio do hospital. Ela sugeriu ainda que esse protocolo seja adotado como projeto piloto e que deverá contar com o envolvimento de todos os integrantes da rede pública.

Uma nova reunião será realizada no dia 13 de setembro, na qual o secretário de Saúde deverá apresentar a relação da equipe médica das unidades básicas de Guarabira com carga horária e dias de atendimento;e a confecção de panfleto para divulgar as principais atribuições de cada integrante da rede pública.

A direção do Hospital Regional e a coordenação da UPA devem apresentar, cada uma, na próxima reunião, a relação dos atendimentos, por município, no primeiro semestre do ano; o quantitativo dos pacientes atendidos de Guarabira, relacionados por bairro.

Ascom/MPPB




Mais Lidas

Topo