Conecte-se conosco

Cultura

Orquestra de Câmara de JP abre inscrições para músicos, até o dia 3

Publicados

em

Já estão abertas as inscrições para preenchimento de vagas para músicos da Orquestra de Câmara Cidade de João Pessoa (OCCJP). As inscrições, para a primeira etapa da seleção, pedem ser realizadas até a próxima terça-feira (3), de segunda a sexta-feira, em horário comercial, na Unidade Cultural Casarão 34, situado na Praça Dom Adauto, número 34, no Centro da Capital.

O processo seletivo realizado através de Edital Público abre vagas para instrumentistas de violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta, oboé, clarinete, fagote, trompa, trompete, trombone, tuba, percussão e piano, sendo disponibilizada uma vaga para cada instrumento.

A seleção será realizada em duas etapas, sendo a primeira, destinada a analise dos currículos, onde os candidatos deverão obter nota igual ou superior a sete. O resultado da primeira etapa com os nomes dos músicos aptos a realizarem prova prática, de acordo com cada instrumento, será publicado na sexta-feira (6 de agosto) no site www.joaopessoa.pb.gov.br, da Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP).

Já a prova prática, referente à segunda etapa, que será uma audição pública, acontece no Auditório Gerardo Parente, localizado no Departamento de Música da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), sempre a partir das 18h.

A banca examinadora da audição será composta pelo Maestro da Orquestra, Gustavo De Paco de Gea, a Spalla da Orquestra, Marina Zenaide, o Consultor de Música Erudita da Funjope, Carlos Anísio e mais quatro professores mestres da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), especialmente contratados para compor esta banca.

Confira o calendário de provas práticas, de acordo com cada instrumento:

Sexta-feira (13 de agosto) – trombone, trompa, trompete e tuba

Terça-feira (17 de agosto) – clarinete, oboé, fagote e flauta

Sexta-feira (20 de agosto) – percussão e piano

Terça-feira (24 de agosto) – contrabaixo e violoncello

Sexta-feira (27de agosto) – violino e viola

Da Assessoria

Avalie esta postagem
Apoio
Comentários

Cultura

Nesta quarta-feira: Guarabira dá início à maior exposição internacional de Arte Naif no Brasil

Publicados

em

Foto: Codecom/Arquivo

Tem início nesta quarta-feira (22), e segue até 30 de junho na cidade de Guarabira, a maior exposição internacional de arte naif no Brasil. Trata-se do FIAN – Festival Internacional de Arte Naif, que acontece em sua segunda edição reunindo um acervo de 174 obras pertencentes a 115 pintores de 13 países.

Realizado pela Prefeitura Municipal de Guarabira, numa parceria com o Ateliê Adriano Dias, o II Fian vai promover o encontro de artistas naifs de várias nacionalidades, além de ser uma vitrine de importantes obras desse segmento das artes plásticas. Além da exposição, haverá a premiação das obras vencedoras com entrega do Troféu Pavão Misterioso, numa referência ao cordelista José Camelo de Mello Rezende, filho de Guarabira e autor do famoso folheto “Romance do Pavão Misterioso”.

Cerca de 60 artistas, de outros estados do Brasil e de alguns dos países participantes, estarão presentes à vernissage que acontece a partir das 7 da noite, no Centro de Documentação Cel. João Pimentel, localizado na Praça da Matriz. Após a abertura do salão, haverá atração musical na Praça João Pessoa, com participação do cantor Tinho Santos (da cidade de Areia) e do guarabirense Artur Neto.

O festival irá homenagear três importantes nomes ligados à arte naif. O baiano Waldomiro de Deus, um dos maiores expoentes dessa estética da pintura, já está na cidade desde a última segunda-feira e será o homenageado especial. O outro homenageado será Josenildo Suassuna, em memória, que faleceu no ano passado e será representado por familiares. Finalmente, como convidada especial, a museóloga Jacqueline Finkelstein, diretora do Museu Internacional de Arte Naif, sediado no Rio de Janeiro, será homenageada por seus serviços prestados à promoção e difusão de vários artistas naifs no Brasil e exterior.

O prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano, fará a recepção dos artistas convidados e disse que tomou a iniciativa para a realização desse evento por entender que Guarabira é um celeiro de grandes pintores, em especial da linguagem naif, e tem no povo seu povo uma grande identificação com essa arte. “Podemos afirmar que Guarabira está se tornando a Capital da Arte Naif do Brasil, por ser aquela que vem se consolidando entre os criadores dessa linguagem de todos os estados, além de ser o único município do Nordeste a possuir um museu com um valioso acervo de obras naifs que têm vindo de várias partes do mundo”, disse o prefeito.

SERVIÇO:

FIAN – Festival Internacional de Arte Naif
Data: 22 de maio (quarta-feira)
Hora: 19:30h
Local: Centro de Documentação/Museu de Arte Naif
(Praça da Catedral)
Centro de Guarabira

 

Secult/PMG

Avalie esta postagem
Continue lendo

Cultura

Festival Internacional de Arte Naif em Guarabira vai movimentar a cidade durante 40 dias

Publicados

em

O município de Guarabira, no Brejo paraibano, se prepara para um grande movimento de estudantes, turistas e a sociedade em geral para contemplar as cores e a beleza da Arte Naif durante 40 dias. O FIAN (Festival Internacional de Arte Naif) será lançado oficialmente na próxima quarta-feira (22/5), a partir das 7 horas da noite, com abertura da exposição e atrações musicais. Depois, o salão ficará aberto até 30 de junho, atendendo ao público e caravanas de visitantes de outras cidades.

Para tanto, a Secretaria de Cultura e Turismo de Guarabira já está montando um sistema de agendamento para grupos pertencentes a instituições de ensino, agências de turismo ou quaisquer órgãos e entidades que tenham interesse em conhecer as obras expostas. Ao todo, estarão em exposição 174 trabalhos de autores de vários estados do Brasil e mais 12 países, os quais foram selecionados entre centenas de pintores inscritos, no último mês de fevereiro.

Como um festival de abrangência internacional, o salão vai contar com artistas e obras do Uruguai, Nicarágua, México, Itália, Cuba, Eslováquia, Lituânia, Argentina, Costa Rica, Burkina Faso, Portugal e Romênia. Do Brasil, além de vários artistas participantes, o evento fará homenagens ao pintor baiano Waldomiro de Deus, considerado um dos principais expoentes da Arte Naif brasileira, e também ao paraibano Josenildo Suassuna, recentemente falecido, que será representado por familiares. No ano passado, o pintor guarabirense Clóvis Júnior foi o homenageado.

A vernissage, na noite do dia 22, vai contar com a presença da museóloga Jacqueline Finkelstein, diretora do Museu de Arte Naif do Brasil (MIAN), localizado no Rio de Janeiro, que estará em Guarabira como convidada de honra, em virtude do seu trabalho à frente do Mian e uma das maiores promotoras desse segmento artístico no país e no exterior.

A exposição será aberta pelo prefeito de Guarabira, Zenóbio Toscano, que em 2016 teve a iniciativa de inaugurar um museu de Arte Naif na cidade, restaurando uma velho sobrado que se encontrava em ruínas e que hoje é um dos pontos turísticos mais visitados no município, conhecido como Casarão da Cultura. No local, além de um acervo de obras em Naif, ainda funciona o Museu da Imagem e do Som e valiosas relíquias da cultura popular.

A abertura do festival será no Centro de Documentação Cel. João Pimentel (CEDOC), localizado na praça da catedral de Nossa Senhora da Luz, centro da cidade. O evento será aberto ao público a partir das 7 horas da noite dessa quarta-feira (22), mesmo local onde aconteceu a primeira edição, também em maio do ano passado. Pessoas interessadas em agendar visitas poderão entrar em contato com a Secretaria de Cultura e Turismo, pessoalmente ou pelo seguinte endereço eletrônico: secultgba@gmail.com . O Fian é uma realização da Prefeitura Municipal de Guarabira em parceria com o Ateliê Adriano Dias.

Com informações Secult / PMG

Avalie esta postagem
Continue lendo

Cultura

Apresentações musicais, visuais e teatrais marcam abertura do Festival das Mulheres Artistas – ELAS

Publicados

em

A Prefeitura de Guarabira realizou, na noite desta quarta-feira (20), a abertura do Festival de Mulheres Artistas – ELAS, com três atrações que encantaram o público no centro da cidade. O ELAS é fruto da parceria das secretarias de Cultura e Turismo e de Políticas Públicas Para a Mulher.

O Festival ELAS tem o objetivo de comemorar o Dia Internacional da Mulher. No entanto, foi aberto no dia em que se comemora os contadores de história. Dessa forma, o evento presta uma homenagem a guarabirense Luzia Tereza (In Memoriam), considerada a maior contadora de estórias do mundo.

O Teatro Geraldo Alverga foi o palco da abertura do evento, onde o prefeito Zenóbio Toscano agradeceu a todos pela presença ao mesmo tempo em que ressaltou a importância em promover este evento, que tem como objetivo propagar o talento da mulher brasileira por meio de diversas vertentes culturais. Após o discurso do chefe do Executivo, o público prestigiou o vídeo que conta a história de Luzia Tereza seguido da peça teatral “Violetas”, da Cia Violetas de Teatro.

Dando prosseguimento, foi aberta a exposição “Mulheres Que Pintam” na Galeria de Artes Antônio Sobreira, com obras de dez artistas de Guarabira e demais cidades do Estado. Por fim, o público dançou ao som da dupla de eletrococo Cumadi, tal como a dupla Nathanna & Marylanne. Ambas realizadas na Praça João Pessoa.

 

Codecom/PMG

Avalie esta postagem
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas