Conecte-se conosco

Política

ALPB aprova requerimento do deputado Raniery que propõe Sessão Especial para debater extinção de comarcas na Paraíba

Publicados

em

Na sessão ordinária dessa terça-feira (25) a Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) aprovou o requerimento nº 230/2017, de autoria do deputado estadual Raneiry Paulino (PMDB), que propõe que seja realizada uma Sessão Especial para receber o presidente do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba, desembargador Joás de Brito Pereira Filho, ou representação do Poder Judiciário paraibano, com o objetivo de debater projeto de extinção e agrega comarcas.

Segundo o deputado Raniery, é de conhecimento público a elaboração do projeto do Tribunal de Justiça da Paraíba visando a reestruturação de unidades judiciárias de 1º grau, ou seja, mecanismos que objetivam extinguir e agregar comarcas em diversas regiões do Estado.

Para Raniery, o tema provoca um clima de instabilidade tanto para operadores do direito, servidores públicos, quanto para população em geral, uma vez que altera o cotidiano das pessoas e a história dos municípios envolvidos.

O deputado disse que a sessão tem o objetivo de debater o planejamento estratégico do TJ, tomar conhecimento sobre o diagnóstico que embasam os critérios de transformação e extinção de unidades judiciárias, bem com a situação dos servidores do Tribunal, dentre outros temas de relevância que envolvem a equalização da força de trabalho. “Apresentei a propositura visando a promoção de um debate profícuo e esclarecedor sobre a atual situação, na expectativa de que sejam apresentadas e encaminhamentos sobre o tema em debate”, acrescentou.

Ainda na noite de terça, o deputado Raniery Paulino participou de uma Audiência Pública, na Câmara de Vereadores, em Araçagi, ou lado de outros deputados e autoridades do município para tratar da extinção comarca, que preocupa toda aquela população.

Assessoria

Cidades

PL estabelece atendimento no térreo para pessoas com dificuldade de locomoção

Publicados

em

O projeto de Lei 2.592/21, de autoria da deputada Camila Toscano (PSDB), tramita na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) e obriga o atendimento, no pavimento térreo de prédios públicos ou privados, de idosos, gestantes, pessoas com deficiência física, dificuldade ou restrição de locomoção. O atendimento será realizado quando não existir equipamento interno para acesso a pavimentos superiores, independentemente da modalidade do atendimento.

“É fundamental oferecer uma alternativa para o atendimento daquelas pessoas que possuem mobilidade reduzida. Muitos prédios públicos e privado, principalmente os mas antigos, não possuem a devida acessibilidade e esse projeto visa corrigir essa falha, assegurando o atendimento”, destacou Camila.

De acordo com a deputada, o atendimento deverá ser disponibilizado de modo a permitir o livre acesso à informação ou prestação dos serviços a serem requeridos, sempre respeitada a dignidade da pessoa humana.

O projeto ainda destaca que deverá ser providenciado nos prédios públicos todos os equipamentos e materiais necessários para o atendimento, no mesmo modelo daquele existente em outro pavimento onde não seja disponibilizado o acesso.

Da Assessoria

Continue lendo

Política

COVID: Assembleia autoriza Estado de Calamidade Pública em Guarabira, Sapé, Solânea e mais 57 cidades da PB

.

Publicados

em

A Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) autorizou, nesta terça-feira (6), o Decreto de Estado de Calamidade Pública em 60 municípios paraibanos em consequência da pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19). A Casa Epitácio Pessoa aprovou também atendimento preferencial para doadores de sangue regulares e doadores de medula óssea no Estado. Ao todo, 255 matérias foram aprovadas na sessão ordinária desta terça.

O Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 02/2020 busca reduzir a burocracia nas ações administrativas no combate ao novo coronavírus, como compra de insumos e equipamentos.

De acordo com o PDL, o estado de calamidade pública desobriga o cumprimento de restrições e prazos definidos na Lei de Responsabilidade Fiscal, desta forma, as prefeituras poderão adotar as medidas necessárias para o enfrentamento à covid-19. O decreto deverá perdurar até o término do período de emergência internacional de saúde.

Já o projeto de Lei 1589/2020, do deputado Felipe Leitão, garante aos doadores de sangue regulares e a doadores de medula óssea o atendimento preferencial em estabelecimentos comerciais, a exemplo de supermercados, bancos, eventos culturais e lotéricas de todo o estado.

Para ter direito ao benefício, os doadores de sangue deverão comprovar a realização de quatro doações no período de 12 meses. Já os doadores de medula óssea deverão apresentar carteira de doador emitida pelo Instituto Nacional de Câncer (INCA) ou de qualquer outra entidade saúde credenciada junto ao Ministério da Saúde.

Confira lista com municípios abaixo:

Alagoa Grande, Alagoa Nova, Alcantil, Areia, Aroeiras, Baraúna, Boa Ventura, Boa Vista, Brejo do Cruz, Cabaceiras, Cajazeirinhas, Camalaú, Caraúbas, Cuitegi, Curral de Cima, Curral Velho, Desterro, Diamante, Dona Inês, Guarabira, Gurinhém, Igaracy, Itabaiana, Jacaraú, Juazeirinho, Livramento, Massaranduba, Monteiro, Ouro Velho, Parari, Patos, Pedra Lavrada, Pilar, Pilões, Pilõezinhos, Pocinhos, Prata, Princesa Isabel, Quixaba, Riachão, Riachão do Bacamarte, Riacho de Santo Antônio, Rio Tinto, Salgadinho, Salgado de São Félix, Santo André, São Bento, São João do Tigre, São Mamede, São Miguel de Taipu, São Sebastião de Lagoa de Roça, São Sebastião do Umbuzeiro, São Vicente do Seridó, Sapé, Solânea, Soledade, Sumé, Teixeira, Umbuzeiro e Várzea.

Assessoria/ALPB

Continue lendo

Guarabira

Marcus Diogo é reeleito prefeito de Guarabira

Publicados

em

Foto: Assessoria/PSDB

O candidato Marcus Diogo (PSDB) foi reeleito prefeito de Guarabira neste domingo (15). Ele venceu a eleição contra Roberto Paulino (MDB) e Teotônio (PDT), respectivamente.

Embora sob liderança de Camila e Léa Toscano, a eleição de Marcus marca um momento na política guarabirense onde o gestor não tem o sobrenome Toscano.

Caderno de Matérias

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas