Conecte-se conosco

Esporte

Pleno do STJD vai julgar nesta quinta-feira ação de Auto Esporte e Desportiva Guarabira

Publicados

em

Foto: Lucas Barros/TV Cabo Branco

Clubes ainda lutam para conseguir na Justiça rebaixar Botafogo-PB e Campinense e herdar as vagas no Campeonato Paraibano de 2019. Processo também deseja anular o estadual de 2018.

O Campeonato Paraibano de 2019 já está chegando à metade da primeira fase. Porém, nos bastidores, dois clubes que foram rebaixados na edição passada ainda lutam para participar do estadual da 1ª divisão nesta temporada. É que a ação de Auto Esporte e Desportiva Guarabira contra Botafogo-PB e Campinense em decorrência da Operação Cartola, que expôs esquemas de corrupção no futebol do estado, chegou ao Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e vai ser julgada pela auditora Arlete Mesquita nesta quinta-feira, em sessão agendada para começar às 11h (horário de Brasília). O processo também tem o objetivo de anular a edição passada do campeonato, na qual o Macaco e o Azulão foram os últimos colocados e, portanto, rebaixados.

Desde que assumiu a presidência do Auto Esporte, Helamã Nascimento traçou como um dos seus principais objetivos levar para os tribunais o apelo para que o seu clube não seja punido diante do Campeonato Paraibano de 2018, que acabou manchado pela Operação Cartola. Vários casos divulgados na investigação da Polícia Civil e Ministério Público mostram dirigentes de Botafogo-PB e Campinense, campeão e vice do estadual do ano passado, expostos em ligações telefônicas com árbitros ou o próprio ex-presidente da Comissão Estadual de Arbitragem de Futebol da Paraíba (Ceaf-PB), José Renato Soares. Inclusive, os principais nomes do Belo, com destaque para o vice-presidente de futebol, Breno Morais, além do presidente da Raposa, William Simões, foram banidos pelo próprio STJD.

Com isso, Helamã ganhou o apoio de Domingos Sávio, presidente da Desportiva Guarabira, clube que foi rebaixado junto com o Auto Esporte no Paraibano em questão, com a meta de entrar na Justiça e rebaixar Belo e Raposa e herdarem as vagas dos dois grandes na elite do futebol da Paraíba.

Em conjunto, os dois clubes entraram com uma ação junto ao Tribunal de Justiça Desportiva de Futebol da Paraíba (TJDF-PB), e, como o tribunal local está sob intervenção do STJD, o trâmite seguiu para a principal instância desportiva do país.

Em dezembro, o procurador do TJDF-PB, Pablo Juan Nóbrega de Sousa da Silveira, chegou a dar o parecer favorável à inclusão de Auto e Desportiva no Paraibano da 1ª divisão. O próprio jurista considera que é preciso julgar o mérito e, além da inclusão da liminar, acredita ser o correto os rebaixamentos de Botafogo-PB e Campinense e a devolução dos prêmios do estadual de 2018.

E, após meses de imbróglio judicial, o STJD enfim vai julgar o caso que pode mudar os rumos do futebol paraibano, mesmo com a competição de 2019 já em andamento. A sessão está marcada para começar às 11h (horário de Brasília) desta quinta-feira. Porém, como o caso Auto Esporte e Desportiva Guarabira é apenas o oitavo processo a ser julgado, a tendência é que aconteça durante o turno da tarde.

Fonte: Globo Esporte

Rate this post

Esporte

Inscrições para a “Copa Guarabira de Futsal 2022 – Categoria Adulto” estão abertas até o próximo dia 25

Publicados

em

As inscrições para a Copa Guarabira de Futsal 2022, categoria adulto, estão abertas até o próximo dia 25, de acordo com a Secretaria de Esporte, Juventude e Lazer. As agremiações interessadas devem se dirigir até a sede da Secretaria, no turno da manhã, e informar a relação de jogadores e o nome do time que disputará o campeonato. O telefone para contato é (83) 98673-7401 / Anderson Luis (Mãozinha).

O secretário da pasta Renato Toscano afirmou que, com essa Copa, espera que o público se faça presente no ginásio “O Zenobão”, e que as grandes torcidas sejam o ponto alto da competição, uma vez que a cidade passa pelo processo de retorno dos eventos e atividades presenciais. Renato ainda destacou que aguarda com expectativa a participação de equipes da zona rural, agregando maior movimento e espírito esportivo.

Codecom

Rate this post
Continue lendo

Esporte

Domingos Sávio não vai entregar presidência da Desportiva Guarabira, afirma site

Publicados

em

(Foto: Reprodução)

O atual presidente do time da Desportiva Guarabira, Domingos Sávio disse, com exclusividade ao Fato a Fato, que não pretende convocar eleição nem entregar a diretoria do clube brejeiro, pois ainda faltam 3 anos para concluir seu mandato.

Ex-atleta do Alviazulino do Brejo, Rangel Martin disse ao editor de Fato a Fato que está montando uma nova diretoria do clube, inclusive com um empresário de fora do País e outros da cidade que possam contribuir com a gestão administrativa e o setor do futebol da Desportiva Guarabira.

Rangel disse que estava conversando com Domingos Sávio para um grupo de desportistas assumir a Presidência da Desportiva. Ele revelou ainda que essa nova diretoria teria o retorno de dois ex-presidentes do clube, esses dispostos a contribuírem com a gestão a se formar.

Em conversa com Fato a Fato, o atual presidente revelou que não é assim. “Faltam 3 anos para o término do meu mandato. Esse pessoal tem boa intenção, mas precisamos conversar mais. Vou convocar o vice-presidente do clube para deixá-lo sabedor da situação”, disse Sávio.

Domingos revelou também que tentou vender a Desportiva Guarabira, mas o preço oferecido foi uma humilhação. Depois que soube do valor, decidi não mais fazer o negócio. “Vou continuar na presidência e tentar procurar ajuda para disputar os campeonatos vindouros”, afirmou.

Do Fato a Fato

Rate this post
Continue lendo

Esporte

Olimpíada: com 13 anos, Rayssa Leal é a caçula da delegação brasileira

Maranhense é destaque no skate, modalidade que estreia em Tóquio

Publicados

em

Modalidade que estreia no programa da Olimpíada, o skate ganha, dia a dia, cada vez mais popularidade. E uma das responsáveis é a maranhense Rayssa Leal, de apenas 13 anos. A caçula da delegação brasileira em Tóquio encoraja, com sua trajetória, meninas e meninos a praticarem o esporte.

Rayssa Leal garantiu sua vaga em Tóquio durante o Mundial de Street, disputado em Roma (Itália) em junho. Ela foi a única brasileira a subir no pódio da competição, garantindo a medalha de bronze.

O Brasil é um dos destaques do skate, e em Tóquio será representado no street por Pâmela Rosa, Leticia Bufoni, Kelvin Hoefler, Felipe Gustavo e Giovanni Vianna, além de Rayssa. Já no park, a seleção brasileira é formada por Dora Varella, Isadora Pacheco, Yndiara Asp, Luizinho Francisco, Pedro Barros e Pedro Quintas.

Sendo um dos principais nomes de uma modalidade que é vista como uma esperança de medalhas olímpicas, a maranhense de 13 anos conquistou o respeito dos moradores de sua cidade. “Aqui na cidade muita gente olhava o skate de uma forma negativa. Após o mundial e a vaga olímpica eles começaram a olhar de uma forma positiva, o que é muito bom”, disse Rayssa em entrevista ao Tarde Nacional – Amazônia.

Com mais de 600 mil seguidores no Instagram, a skatista compartilha vídeos de seus treinos. Além disso, é pelas redes sociais que recebe mensagens de crianças e jovens que se inspiram nela: “Isso me faz não querer desistir do skate. É muito gratificante saber que muitas meninas e meninos, que queriam andar de skate e não podiam, conseguiram após mostrarem meus vídeos para os pais”.

A maranhense aproveita para mandar um recado para aqueles que pensam que o skate é um esporte apenas para meninos: “Estamos nas Olimpíadas provando que o esporte não é só para eles. As meninas arrasam também”.

O skate estreia em Tóquio no dia 25 de julho, com a disputa do street masculino. No total serão 80 skatistas buscando a glória olímpica.

* Colaboração de Thamiris Teza (estagiária) sob supervisão de Verônica Dalcanal.

Agência Brasil

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas