Conecte-se conosco

Cidades

Hospital em João Pessoa oferece 40 vagas de emprego

Foto: Ilustração

Publicados

em

O Hospital Nossa Senhora das Neves está ofertando 40 oportunidades de emprego em João Pessoa. Vagas são de estágio, cargo efetivo e banco de talentos.

Para estágio, está sendo oferecido o cargo de técnico de segurança do trabalho. Para o banco de talentos, há oportunidades em técnico de enfermagem e enfermeiro.

Para as funções de Analista de Gente e Gestão, Assistente de Atendimento, Auxiliar de Farmácia, Gerador de Conteúdo, Hotelaria e Maqueiro há vagas efetivas. Os currículos para as novas vagas podem ser enviados através do próprio site do HNSN, através da seção Trabalhe Conosco.

Do G1 PB

Apoio

Cidades

Cagepa atende Promotoria de Itabaiana e modifica captação de água beneficiando habitantes de três municípios

Publicados

em

Foto: Ernane Gomes

A Companhia de Águas e Esgoto da Paraíba (Cagepa) atendeu ao Ministério Público da Paraíba e instalou o conjunto motor bomba, tipo flutuante, para modificação do tipo de captação do Sistema Integrado de Salgado de São Félix. A medida beneficia o abastecimento dos municípios de Itabaiana, Juripiranga e Salgado de São Félix, que sofriam com interrupções no fornecimento de água.

De acordo com a promotora do Meio Ambiente de Itabaiana, Miriam Pereira Vasconcelos, essa medida foi implementada após muita persistência da Promotoria de Justiça. A promotora explicou que tudo começou em 2017, quando os prefeitos dos três municípios solicitaram apoio do MPPB em relação à crise hídrica que assola a região do Baixo Paraíba. Foi então instaurado um procedimento administrativo e promovida uma audiência com os prefeitos e representantes da Cagepa, Superintendência de Administração do Meio Ambiente (Sudema) e Agência Executiva de Gestão das Águas da Paraíba (Aesa).

Na audiência, a Cagepa informou que tinha havido descontrole no serviço de fornecimento de água por conta da vazão que baixou, mas que de pronto adotou providências e promoveu a limpeza dos barramentos. Também informou que duas bombas novas seriam instaladas em Itabaiana, até dezembro de 2017, e um flutuante seria destinado para Salgado de São Félix, estando a instalação dependendo apenas de procedimento licitatório.

O representante da Aesa se comprometeu, na audiência, a editar uma nova resolução com o escopo de transformar o regramento das normas até então vigentes sobre o uso da água, modificando assim a forma do sistema de captação por microaspersão e microcaptação. Posteriormente, foi encaminhada cópia da Resolução 01/17, que dispõe sobre o estabelecimento de restrições ao uso da água do Rio Paraíba e dá outras providências.

Ficou deliberado ainda que a Sudema, por meio da Coordenação de Educação Ambiental, iria fazer uma campanha educativa para conscientizar a população sobre o uso racional da água. A Superintendência Ambiental solicitou que os municípios encaminhassem representantes para participar de uma capacitação sobre o combate à crise hídrica, a fim se transformar em agentes multiplicadores, o que restou por todos atendido.

Após ser notificada, a Cagepa comunicou que a aquisição do conjunto motor bomba, tipo flutuante, para modificação do tipo de captação do Sistema Integrado de Salgado de São Félix estava sob o crivo de procedimento licitatório e que a demora em dar início ao certame se deu porque houve uma reanálise técnica por parte da equipe de manutenção em relação ao modelo a ser aplicado, levando em conta a relação custo-benefício.

“Finalmente, depois de imensurável persistência deste Órgão de Execução, Curador do Meio Ambiente, com a expedição de vários ofícios, notificações, e-mails, além de inúmeros contatos telefônicos, aportou o ofício 601/2019/PRE, da Cagepa, confirmando que a instalação da motor bomba e do flutuante ocorreu no dia 18 de outubro de 2019 em Salgado de São Félix”, informou a promotora.

Na sequência, o prefeito de Salgado enviou ofício comunicando que o novo sistema de captação de água vem funcionando a contento, vez que não há mais necessidade de represar grande quantidade de água da Barragem de Acauã Mirim, podendo ser liberado um maior volume, beneficiando, assim, a cidade de Itabaiana.

Já o prefeito de Juripiranga encaminhou expediente com ações planejadas para o uso racional das águas no exercício 2019. A Prefeitura de Itabaiana aderiu ao projeto piloto de Juripiranga, mas criou seu próprio projeto denominado “Aliança pela Água”, com o objetivo de combater a crise hídrica local.

“O Ministério Público exulta de contentamento, pois após incisiva e contundente intervenção desta Promotoria, todos os órgãos que participaram da audiência realizada nesta Curadoria em 2017 para deliberar sobre a crise hídrica cumpriram os compromissos assumidos durante o ato, tanto a Aesa, como a Cagepa, como a Sudema. Já os prefeitos idealizaram projetos e campanhas pedagógicas para conscientizar a população a usar de forma racional a água. E com a instalação do motor bomba e do flutuante na Barragem de Salgado de São Félix, o serviço de fornecimento de água nesta região do Baixo Paraíba teve melhoria significativa e relevante, o que impedirá as constantes interrupções dantes havidas do referido serviço”, concluiu a promotora Miriam Vasconcelos.

Assessoria/MPPB

Continue lendo

Cidades

UNOPAR Guarabira realiza ação no Enem 2020. Inscrições gratuitas!

Publicados

em

Fotos: Divulgação/UNOPAR Guarabira

A UNOPAR Guarabira realiza ação no Enem 2020 com inscrições grátis por tempo limitado. Garanta já sua inscrição em um dos cursos superiores. Ligue: (83) 3271 3834.

Do brejo.com

Continue lendo

Cidades

Bolsonaro chega a Campina Grande nesta segunda e entrega casas

Publicados

em

Divulgação/Jair Bolsonaro

Presidente vai marcar presença na inauguração do Complexo Habitacional Aluízio Campos a convite do prefeito Romero Rodrigues. Evento está previsto para começar às 10h.

O presidente Jair Bolsonaro vai participar, às 10h desta segunda-feira (11), da entrega das casas e apartamentos do Complexo Habitacional Aluízio Campos, em Campina Grande, no Agreste da Paraíba. A visita foi confirmada na agenda oficial divulgada pelo Palácio do Planalto.

A vinda do presidente se deve a um convite feito pelo prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSD). O complexo campinense começou a ser erguido em 2015, na gestão da ex-presidente Dilma Rousseff. A construção vai diminuir o déficit habitacional da cidade em 31,5%.

O Aluízio Campos foi construído com o conceito de smart city (cidade inteligente). São 3.012 casas e 1.088 apartamentos. A obra teve investimento de R$ 300 milhões em verbas do governo federal com contrapartida da Prefeitura de Campina Grande. O complexo é considerado o maior já construído na Paraíba e está entre um dos principais do país.

Campina Grande, inclusive, foi a primeira prefeitura do país a enviar um ofício para o Ministério da Educação (ME) pedindo a implantação do Programa Escola Cívico Militar em duas unidades de ensino do município, mostrando assim uma ligação com o presidente brasileiro. As escolas escolhidas foram Dr. Chateaubriand, no José Pinheiro, e a Lafayete Cavalcante, nas Malvinas.

Em abril deste ano, a primeira-dama Michelle Bolsonaro visitou Campina Grande e se tornou madrinha do programa de assistência às famílias com crianças com microcefalia. Na época, ela ainda inaugurou o Centro Dia, que é uma unidade de serviço do Sistema Único de Assistência Social especializada no acolhimento dessas famílias.

Assessoria/PMCG

Continue lendo

Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas