Conecte-se conosco

Policial

Dois são presos por porte de entorpecente e um por desacato, resistência à prisão e lesão corporal

Publicados

em

Policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) realizaram nessa segunda-feira (7), três prisões, sendo duas por porte de entorpecentes e uma por embriaguez, desordem, desacato, resistência à prisão e lesão corporal contra dois policiais da guarnição que tentaram imobilizá-lo. A primeira prisão aconteceu no Bairro do Rosário, em Guarabira, quando os militares da Rotam realizavam rondas e se depararam com um homem em atitude suspeita recebendo um pacote de outro homem. De imediato, a guarnição comandada pelo cabo Fernando pediu que eles se posicionassem para que fosse feita a abordagem. Um dos homens colaborou, porém, o outro se evadiu do local, adentrando uma residência e pulando o muro por trás do imóvel. Feita a abordagem, foi encontrado com o suspeito uma quantia em dinheiro, duas facas, um isqueiro, uma quantidade de substância semelhante a crack e um ‘dólar’ de uma substância similar à maconha. Ele e o material apreendido foram conduzidos à delegacia.

Também na cidade de Guarabira, ao realizar rondas nas proximidades da saída para Pirpirituba, a guarnição do CPU (Coordenador de Policiamento da Unidade), tenente Diniz, visualizou um homem em uma moto em atitude suspeita. De imediato, os policiais saíram em perseguição e conseguiram interceptar o suspeito, que tem 19 anos de idade, no Loteamento Cidade Jardim. Durante a busca pessoal, foi encontrada com ele uma quantia em dinheiro e na moto, uma substância similar à maconha. Os policiais o conduziram à delegacia.

Em Belém, a guarnição local foi acionada pelo Copom para atender a uma ocorrência de perturbação de sossego e, de imediato, os policiais, comandados pelo sargento Dinarte, foram até o local e se depararam com o homem, de posse de uma caixa de som em alto volume. Os militares pediram para que ele desligasse o som, mas ele não atendeu e começou a proferir palavras de baixo calão contra a guarnição. Foi dada voz de prisão, porém, ele estava muito agitado, chegando a causar pequenas escoriações em dois policiais no momento da imobilização. O homem foi preso e conduzido à delegacia.

Assessoria/4º BPM

Policial

Em JP: Polícia prende acusado de sequestrar motorista de aplicativo e praticar roubos

Publicados

em

A Polícia Militar prendeu, na noite dessa quarta-feira (16), no bairro de Manaíra, em João Pessoa, um suspeito que se passou por passageiro de um carro que faz transporte por aplicativo para praticar roubos com o veículo da vítima, que foi levada no porta-malas. O suspeito, que completou 18 anos no começo deste mês, teria assaltado outras cinco pessoas.

O carro foi interceptado após um cerco realizado pelas equipes do Batalhão Especializado em Policiamento Turístico (BEPTur) e 6ª Companhia Independente da PM (6ª CIPM). Com o rapaz, foi apreendida uma arma de brinquedo e recuperados os objetos das vítimas. O motorista de aplicativo, que estava no porta-malas, foi resgatado pelos policiais sem nenhum ferimento.

O preso foi apresentado na Central de Flagrantes, no Geisel, e reconhecido por todas as vítimas.

Assessoria/PMPB

Continue lendo

Policial

Polícia prende suspeita de tráfico ao intervir em aglomeração na cidade de Campina Grande

Publicados

em

A Polícia Militar prendeu uma mulher de 27 anos que é suspeita de atuar no tráfico de drogas, no bairro das Malvinas, em Campina Grande. A prisão foi realizada nessa quarta-feira (16), quando os policiais da Força Tática do 2° Batalhão faziam rondas na rua Valdair Pequeno de Melo e presenciaram uma aglomeração de pessoas.

Ao intervir para desfazer a aglomeração, que reunia cinco homens, quatro mulheres e três crianças na porta de um residencial, os policiais visualizaram embalagens com drogas na parte interna do apartamento. Na revista, foram achadas no quarto da suspeita embalagens com cocaína, maconha e balança de precisão.

Ela foi apresentada na Central de Polícia, em Campina Grande.

Assessoria/PMPB

Continue lendo

Educação

Golfinho encontrado morto em praia da Paraíba será usado em ações de educação ambiental

Publicados

em

O golfinho da espécie cabeça-de-melão, que foi encontrado morto, na manhã desta quarta-feira (16), na Praia de Formosa, em Cabedelo, será usado em ações de educação ambiental, para conscientizar crianças e adultos sobre a importância da preservação da fauna marinha. O animal apresentava visíveis sinais de que foi machucado por rede de pesca, antes de morrer.

Equipes do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) já estão com o golfinho e vão fazer um trabalho de taxidermia (popularmente conhecido como empalhamento) para que o animal seja usado nas ações educativas.

O golfinho tem mais de 2 metros de comprimento. A presença dele no litoral paraibano não é muito comum, mas chega a ser registrada em períodos de passagem. Os ferimentos da rede foram constatados principalmente na parte da cabeça do animal. O BPAmb alerta que a pesca predatória é considerada crime ambiental, com detenção de até 3 anos e multa que varia de 700 reais até 100 mil.

Assessoria/BPAmb

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas