Conecte-se conosco

Paraíba

Jovens Embaixadores: Estudante da Rede Estadual é selecionada e vai para os EUA

Publicados

em

A estudante Emily Nicole Alves de Sousa da Escola Cidadã Integral Técnica Pastor João Pereira Gomes Filho, conhecida como ECIT Mangabeira, de João Pessoa, é a única paraibana que está entre os 50 alunos da Rede Pública de Ensino de todo o país selecionados pela Embaixada e o Consulado brasileiros para participar do programa Jovens Embaixadores 2020 e viajar para os Estados Unidos. A relação foi divulgada nessa quarta-feira (30).

O programa seleciona os estudantes que têm boa habilidade com a língua inglesa, além de um bom desempenho acadêmico e um desenvolvimento para a liderança e o empreendedorismo. No próximo mês de janeiro, os jovens embarcam para a capital dos Estados Unidos, Washington, onde terão a oportunidade de conhecer pontos turísticos e monumentos históricos do local, além de participar de oficinas de liderança e empreendedorismo para jovens.

A estudante conta que viu na oportunidade a possibilidade de realizar o sonho de viajar para fora do país. Emily explica que, ao perceber a chance de se candidatar ao programa Jovens Embaixadores, deu início à preparação. “Eu vi que seria difícil porque era só uma vaga em todo o estado e eu teria que me esforçar muito. A sensação de ter visto o resultado foi muito gratificante, eu estou muito feliz. Contei à minha professora de inglês que foi muito importante em todo o processo e ao meu líder no projeto de empreendedorismo social, porque eu teria a oportunidade de levar o nosso projeto para os Estados Unidos”, explica a aluna.

Emily está na 3ª série do Ensino Médio e ainda tem dúvidas sobre o que deseja cursar na universidade, mas revela que comércio exterior é uma de suas opções. O recado da estudante para os demais colegas é de motivação. “O mais engraçado é que eu pensei em desistir, por conta das dificuldades que eu senti, mas eu fiz a inscrição e fui até o fim, e o resultado foi muito positivo. A minha mensagem é para que as pessoas não desistam”, conta.

Após a primeira semana, os estudantes serão divididos em grupos e encaminhados para outros estados do país, onde serão recebidos por famílias-anfitriãs. Para uma maior imersão, os jovens irão frequentar as escolas locais, participando de atividades da cultura local e apresentando um pouco sobre o país para os demais colegas.

O programa Jovens Embaixadores está completando 18 anos, por esse motivo, no ano de 2020 haverá mudanças na programação. A partir de janeiro, o foco estará voltado para o cuidado e habilidades para o ambiente de transformação do século atual. A ideia é ofertar as ferramentas necessárias para a solução de problemas de maneira criativa, estimulando os estudantes a expandir a visão de mundo e colaborar para um bom relacionamento entre Brasil e Estados Unidos.

Secom-PB

Paraíba

Lei na Paraíba proíbe empresas envolvidas em corrupção de receber incentivos fiscais

Publicados

em

Foto: Divulgação

As empresas que estiverem envolvidas em casos de corrupção de qualquer espécie ou ato de improbidade administrativa por agente público estão proibidas de receber incentivos fiscais do estado da Paraíba. A proibição consta na lei 11.643 que entrou em vigor nesta quarta-feira (12) após ser publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) da Paraíba.

De acordo o norma, de autoria do deputado Eduardo Carneiro (PRTB), “o Poder Público Estadual fica proibido de conceder programas de incentivos fiscais a empresas envolvidas em corrupção de qualquer espécie ou ato de improbidade administrativa por agente público”.

Na justificativa, ainda enquanto projeto de lei, o deputado autor do texto explica que a moralidade, a legalidade e a eficiência devem ser os princípios norteadores da gestão pública e que a concessão de incentivos fiscais a empresas envolvidas em corrupção pelo estado é inadmissível e incongruente com os preceitos democráticos.

“Neste sentido, é indispensável que as empresas beneficiadas por incentivos fiscais possuam reputação ilibada”, explicou o Eduardo Carneiro na justificativa da lei.

A proibição fica suspensa caso as empresas envolvidas em casos de corrupção assinem acordos de leniência. A lei foi sancionada pelo presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Adriano Galdino, por meio da sanção tácita, quando o governador, chefe do executivo estadual, não se pronuncia pela sanção ou veto da lei aprovada na ALPB.

Fonte: G1 PB

Continue lendo

Paraíba

200 vagas de emprego são disponibilizadas por operadora de telemarketing na Paraíba

Publicados

em

Uma operadora de telemarketing está com seleção para até 200 vagas de emprego para ingresso imediato, em Campina Grande. As oportunidades são destinadas a quem busca o primeiro emprego e tenha concluído o ensino médio ou esteja cursando o ensino superior.

Pelo menos 190 vagas já estão disponíveis, mas a empresa Orbitall poderá contratar até 200 pessoas. As inscrições podem ser feitas pela internet.

As etapas de seleção consistem em inscrição, prova e uma redação online. Os candidatos selecionados dessa etapa ainda serão convocados para uma entrevista presencial para que a seleção seja concluída.

Fonte: G1 PB

Continue lendo

Paraíba

Concurso da prefeitura de Pedra Lavrada na Paraíba tem inscrições abertas

Publicados

em

Foto: Ilustração

Foi divulgado o edital do concurso da prefeitura de Pedra Lavrada, no Cariri paraibano, com 36 vagas de emprego em cargos de todos os níveis de escolaridade. As inscrições já estão abertas e devem ser feitas até 10 de fevereiro, exclusivamente pela internet, no site da organizadora.

De acordo com o edital, os salários variam de R$ 1.039 a R$ 2.523,94. Os cargos com mais vagas são os de condutor de veículo de urgência, que exige ensino médio completo, CNH tipo B e curso de primeiros socorros com habilitação ou Atendimento Pré-Hospitalar (APH); e vigilante, que exige ensino fundamental completo. Ambos os cargos têm quatro vagas.

O cargo com maior salário é o de professor de língua portuguesa, com uma vaga para quem tem o curso de licenciatura plena em letras – português.

Também há vagas para os cargos de agente administrativo, agente comunitário de saúde, assistente social, auxiliar administrativo, auxiliar de serviços gerais, coveiro, enfermeiro, enfermeiro do trabalho, lavadeira, motorista categoria B, motorista categoria D, odontólogo, operador de máquinas, procurador jurídico, psicólogo, psicólogo educacional e técnico em enfermagem.

As taxas de inscrição custam R$ 60 para cargos de nível fundamental, R$ 85 para cargos de níveis médio e técnico e R$ 100 para cargos de nível superior.

As provas escritas do concurso estão previstas para acontecer no dia 10 de março, na cidade de Pedra Lavrada.

Concurso da Prefeitura de Pedra Lavrada

Fonte: G1 PB

Continue lendo

Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas