Conecte-se conosco

Policial

Polícia reforça segurança perto das agências bancárias durante pagamento dos aposentados

Publicados

em

Foto: Divulgação/4º BPM

A Polícia Militar da Paraíba vai atuar com um reforço específico para garantir a segurança perto das agências bancárias, a partir desta quarta-feira (25), durante o pagamento dos aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social). Cada Batalhão no estado vai empregar um plano operacional em sua área, com apoio das tropas especializadas da instituição, a exemplo do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

A orientação é que, sendo possível, evite realizar o saque neste momento para reduzir o risco de contágio do novo coronavírus, já que os segurados são em sua grande maioria os idosos, que estão no principal grupo de risco da COVID-19. Os bancos e o próprio INSS recomendam que os idosos prefiram pagar suas despesas através do cartão de débito.

O calendário de pagamentos do benefício vai até o dia 7 de abril.Além das orientações, a PM paraibana vai reforçar também as rondas pertos desses locais, com policiais fazendo Pontos-Base (PB) e até ocupando paradas de ônibus que ficam perto dessas localidades. O planejamento operacional leva em conta um mapeamento feito sobre as rotas onde ficam as agências que têm maior fluxo de pessoas, pela quantidade de aposentados e pensionistas.Aumento dos acionamentos – A demanda policial aumentou nos últimos dias para a verificação de denúncias sobre aglomerações de pessoas, bares abertos e outras atitudes contrárias ao Decreto Estadual nº 40.135, com medidas emergenciais de prevenção de contágio pelo COVID-19.

Um estudo do Centro Integrado de Operações Policiais (CIOP) da 1ª Região Integrada de Segurança Pública, que atende a Grande João Pessoa, mostra que houve um aumento de 90,8% das chamadas pelo 190, quando comparado com a média da semana passada, anterior ao decreto.

Assessoria PMPB

Rate this post

Policial

Polícias prendem investigados por duplo homicídio na zona rural de Cuité

Publicados

em

Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar da Paraíba, e a Polícia Civil do Rio Grande do Norte, prendeu nessa quarta-feira, 20 de outubro, dois homens investigados pelo assassinato de duas pessoas na zona rural de Cuité, ação criminosa que resultou em mais três pessoas feridas. O ataque aconteceu no dia 3 de outubro deste ano.

A investigação é do Núcleo de Homicídios da 13ª Delegacia Seccional (sede em Picuí). De acordo com os levantamentos, vítimas e investigados estavam jogando sinuca e vieram a se desentender. Em determinado momento, os dois homens passaram a efetuar disparos de armas de fogo contra os desafetos, resultando na morte de Rui Barbosa Santos Júnior, 19 anos, e Alison Costa Santos, 21 anos.  Duas mulheres e um adolescente de 17 anos de idade ficaram feridos.

A Polícia Civil identificou os executores e conseguiu na justiça os mandados de prisão. Eles são do Rio Grande do Norte e foram presos nas cidades de Japi e Natal, naquele estado. Durante as buscas, os policiais apreenderam uma espingarda calibre 12 e uma pistola. Na delegacia, eles confessaram os crimes pelos quais foram presos.

“Mais uma operação integrada com excelentes resultados. A Polícia Civil do Rio Grande do Norte deu um apoio crucial neste caso, bem como a nossa Polícia Militar da Paraíba, sempre parceira nas ações contra os criminosos”, destacou o delegado seccional Iasley Almeida.

A Polícia Civil investiga ainda se a mesma dupla está envolvida em um homicídio em Japi (RN).

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

“Cocaína de 20”: Polícia Civil prende mais um suspeito de tráfico em Campina Grande

Publicados

em

Mais um suspeito de tráfico de drogas foi preso pela Polícia Civil, desta vez no bairro da Liberdade, em Campina Grande. A prisão foi realizada por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), na tarde dessa quarta-feira, 20 de outubro.

Os policiais estavam em busca de envolvidos em uma troca de tiros entre grupos rivais, fato ocorrido no mês de junho. Ao entrar na casa de um dos suspeitos, com o consentimento dele, os investigadores encontraram várias porções de maconha e cocaína, além de dinheiro fracionado e plásticos utilizados em embalagens de entorpecentes.

Na delegacia, o homem preso confirmou que autorizou a entrada dos policiais em sua residência, mas negou possuir arma de fogo. Nas buscas, os policiais não encontraram armas, porém se depararam com a droga e os demais materiais apreendidos.

Ainda no seu depoimento, o suspeito confirmou que vendia as porções de maconha ao preço de R$ 5,00 por unidade, ao passo em que as porções de cocaína eram vendidas por R$ 20,00 cada fração.

O confronto com inimigos em junho também foi confirmado pelo homem preso, embate do qual também participaram seus irmãos.

A Polícia Civil continua investigando o caso.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende suspeito de tráfico e apreende armas e drogas em Campina Grande

Publicados

em

A Polícia Civil da Paraíba prendeu nessa quarta-feira, 20 de outubro, um homem de 26 anos de idade, suspeito de tráfico de drogas. A prisão foi realizada por policiais da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF) de Campina Grande.

O flagrante aconteceu no bairro do Ligeiro. Os policiais estavam em busca de um foragido da justiça, e no endereço do procurado havia porções de maconha, crack e ecstasy, além de duas espingardas calibre 28 e munições de calibre 38. Uma grande prensa também foi apreendida.

O foragido da justiça não estava no local. O proprietário do imóvel foi conduzido à delegacia e, acompanhado de seu advogado, admitiu guardar o material apreendido em sua casa, mas disse que a droga e os demais objetos pertencem a outra pessoa, cujo nome ele não quis revelar.

Ele foi autuado em flagrante por tráfico de drogas e está recolhido, à disposição da justiça.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas