Conecte-se conosco

Cidades

Paraíba confirma 90 novos casos de Covid-19 e três óbitos nas últimas 24h

Publicados

em

Dos 633 casos confirmados até esta segunda, 27 de abril, 119 já se recuperaram, 53 estão hospitalizados, 9 deles em leitos de UTI e 53, infelizmente, faleceram. Os demais se recuperam em isolamento domiciliar acompanhados pelas Secretarias Municipais de Saúde.

Casos Confirmados: 633
Casos Descartados: 1482
Óbitos confirmados: 53
Casos recuperados: 119

Os casos estão distribuídos em 40 municípios: João Pessoa (410); Campina Grande (42); Santa Rita (47); Cabedelo (22); Sapé (18); Bayeux (17); Patos (12); Sousa (06); Cajazeiras (4); Conde (5); Junco do Seridó (3); Guarabira (3); São João do Rio do Peixe (5); Pombal (2); Itapororoca (3); Itabaiana (2); Pedras de Fogo (3); Serra Branca (1); Riachão do Poço (1); São Bento (4); Congo (1); Queimadas (1); Bom Jesus (1); Cruz do Espírito Santo (3); Igaracy (1); Alagoa Grande (1); Barra de São Miguel (1); Alagoa Nova (1); Coremas (1); Taperoá (1); Brejo Do Cruz (1); Caaporã (1); Coxixola (1); Boqueirão (1); Areia (1); Marizópolis (1), Gurinhém (1), Esperança (2), Lagoa Seca (1), Mari (1).

Três óbitos foram confirmados nas últimas 24 horas:

Homem de 54 anos, residente em Boqueirão, tabagista, estava interno em UPA no município de Campina Grande, foi a óbito dia 26/04.

Mulher, idosa, 72 anos, residente em Santa Rita, hipertensa e diabética, estava interna em hospital público, foi a óbito em 27/04.

Mulher, 52 anos, residente em Mari. Portadora de obesidade e transtornos psiquiátricos. Foi a óbito em 24 de abril em sua residência. O material foi coletado pelo Serviço de Verificação de Óbitos.

No momento, 38% dos leitos de UTI disponíveis no Plano Estadual de Contingência para Covid-19 estão ocupados.

Veja o boletim epidemiológico deste dia 27/04:

Paraiba.pb

Rate this post

Cidades

Itapororoca tem o primeiro abacaxi orgânico certificado da Paraíba

Publicados

em

Fotos: Reprodução

A cidade que sempre foi destaque nacional na produção de abacaxi tem mais um motivo de orgulho ao ter em sua área, a primeira produção de abacaxi com selo orgânico do Estado e uma das primeiras do Brasil.

O Sítio São José, recebeu o selo de produção orgânica após dois anos de mudança do sistema convencional, e poderá comercializar em toda região nacional com um produto saudável, nobre e de alto valor de mercado. A comercialização iniciará apenas em 2022 mas já tem lista de espera para compra.

A produção orgânica não utiliza agrotóxicos e nem adubos químicos, sendo tudo feito com soluções naturais, microorganismos e técnicas de manejo diferenciadas, além de promover a preservação do meio ambiente e a redução dos impactos na natureza.

Itapororoca está inserida no Arranjo Produtivo da Abacaxicultura do Estado sendo protagonista enquanto atividade econômica com relevante geração de empregos e renda.

BlogChicoSoares

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Saúde de Guarabira vacina adolescentes a partir de 12 anos sem comorbidades

O menor deve se dirigir ao local de vacinação munido dos documentos solicitados e acompanhado dos pais ou responsável.

Publicados

em

Após o recebimento de uma remessa de vacina Pfizer nesta quarta-feira (20/10), para primeira dose, a Secretaria de Saúde através da Coordenação de Epidemiologia e Imunização informa que, a vacinação para adolescentes sem comorbidades será retomada na manhã desta quinta-feira, com uma excelente novidade; avançando para 12+. 

O menor a ser vacinado deve se dirigir ao local de vacinação munido de CPF, RG, cartão do SUS e comprovante de residência. Bem como, acompanhado dos pais ou responsável. 

A atividade acontece no auditório da própria Secretaria, das 8h30 às 11h e das 13h30 às 16h30 – de segunda a quinta-feira, e na sexta, até às 11h. 

No mesmo local também segue sendo aplicada a primeira dose para adolescentes 12+ com comorbidades e para adultos de 18 a 59 anos (remanescentes), além da segunda dose da AstraZeneca para quem está concluído o esquema vacinal. Já a segunda dose da Pfizer ainda não se encontra disponível, por enquanto.

Codecom

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Governo inicia topografia de local onde será construída a vila olímpica de Guarabira

A equipe técnica da Suplan deve ficar vários dias na cidade, realizando esse trabalho de levantamento topográfico.

Publicados

em

Os primeiros estudos técnicos de engenharia a cargo da SUPLAN – Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado, foram iniciados nesta quarta-feira, dia 20 de outubro, em Guarabira, no local onde deverá ser construída futuramente a Vila Olímpica da “Rainha do Brejo”. Esse trabalho atende um pedido feito diretamente pelo secretário-chefe da Casa Civil, Roberto Paulino (MDB) ao governador João Azevedo (Cidadania).

Inicialmente será feita toda a Topografia da área, com medições do campo altimétrico, aferindo também a interferência com as ruas que passam próximo ao local do futuro canteiro de obras, cuja extensão a ser ocupada deverá ficar em até 100% do terreno disponibilizado pelo Governo do Estado, além da sua integração através de pavimentação das vias de mobilidade urbana que levam ao asfalto da rodovia PB-073, que permite acesso ao Distrito Industrial.

“Esse é mais um passo importante dado pelo Governador João Azevedo no sentido de concretização dos planos da obra esportiva”, disse o deputado estadual Raniery Paulino (MDB). “É o pontapé inicial para a implantação efetiva da Vila Olímpica de Guarabira”, reafirmou o parlamentar emedebista. O terreno em questão fica localizado próximo à ECIT “Dom Marcelo Pinto Carvalheira” (Escola Técnica Cidadã Integral), inaugurada há apenas dois anos pelo atual governador João Azevedo.

A equipe técnica da Suplan deve ficar ainda durante vários dias na cidade, realizando esse trabalho de levantamento topográfico. No primeiro dia do serviço de mapeamento do terreno, os funcionários do Estado foram acompanhados pelo Chefe de Gabinete de Roberto Paulino no Palácio da Redenção, Rafael Rabelo, que também é engenheiro e tem bastante experiência nesse ramo profissional, atuando junto a empresas de loteamento, condomínios e construção civil.

Ele vai contribuir muito para o sucesso dessa primeira fase de medição do terreno, etc, por também ser guarabirense e conhecer bem de perto a área em estudo para implantação da Vila Olímpica, que deverá atender toda a região metropolitana da “Rainha do Brejo”, além de outras cidades próximas e demais municípios da circunvizinhança.

Por Giovanni Meireles/Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas