Conecte-se conosco

Cidades

Prefeitura e IV BPM se manifestam sobre lista de infectados com o Covid-19 vazada em Guarabira

Secretaria de Saúde do município e o IV BPM abriram sindicâncias para apurar o caso que caracteriza crime

Publicados

em

Uma lista, contendo nomes, endereços e até contatos telefônicos de infectados com o novo coronavírus em Guarabira, vazou e foi divulgada nas redes sociais no último dia 09 de maio, pondo em situação de pleno constrangimento os pacientes acometidos da Covid-19.
O vazamento caracteriza crime e se enquadra no Artigo 268 do Código Penal Brasileiro.

O vazamento da lista pode ter ocorrido da parte da Secretaria Municipal de Saúde ou do IV Batalhão de Policia Militar. A relação dos infectados com o novo coronavírus em Guarabira é feita pela a pasta da Saúde do município e, posteriormente, enviada ao IV BPM.

A secretária de Saúde do município, Fernanda Macedo, afirmou que as informações não vazaram da Secretaria, pois a lista foi feita por ela, em sua residência e depois enviada, por email, ao Batalhão da Polícia Militar em Guarabira.

O comandante do IV BPM, Tenente Coronel Gilberto Felipe, em entrevista à imprensa local, admitiu que a lista pode ter vazado da corporação, por isso mandou abrir sindicância para apurar o caso.

A Prefeitura de Guarabira, através da Secretaria Municipal de Saúde, também instaurou inquérito administrativo destinado a apuração do vazamento das informações.

Veja abaixo, as notas da Prefeitura de Guarabira e do IV BPM

Em nota, o comando do 4ºBPM diz que fará investigação para apurar vazamento de lista com pacientes de Covid-19

NOTA DE ESCLARECIMENTO
O Comando do 4º BPM, sediado nesta cidade de Guarabira, após nota divulgada pela Prefeitura Municipal de Guarabira, que cita que somente o 4º BPM, além da Secretaria Municipal de Saúde, possuía conhecimento de uma lista nominal de pessoas infectadas pela Covid-19, a qual vazara por intermédio da internet no último dia 9 do mês corrente, vem a público esclarecer o que segue:

1 – O 4º BPM, a exemplo da própria corporação Polícia Militar da Paraíba, é, e sempre foi, uma instituição ética, profissional, defensora dos direitos, das garantias e da dignidade da pessoa humana;

2 – Todas as ações desta Unidade Policial Militar são escudadas nos princípios constitucionais e, sobretudo, objetivando o bem comum da coletividade, na busca incessante da cultura da paz pública;
3 – Na atual vivência desta temível crise pandêmica, este histórico e glorioso Batalhão não tem se furtado ou medido esforços para irmanar-se na dor e na aflição de toda a população, que padece, no mínimo, psicologicamente, frente às consequências devastadoras e nefastas deste inimigo quase invisível, isto sim, faz-se presente, nas mais diversas ocasiões e demandas surgidas para minorar tamanhos prejuízos e sofrimentos, realizando diuturnamente, ações e operações policiais e a aproximação integrativa com diversos órgãos para, num trabalho conjunto, formarmos, força-tarefa para uma melhor eficiência e eficácia no exercício desta missão atual tão nobre: salvar vidas das garras do Novo Coronavírus;
4 – À guisa do que consta na nota em referência, o Comando do 4º BPM determinou – incontinenti – a instauração de um procedimento administrativo para apurar, em toda a sua extensão, possíveis responsabilidades de eventuais condutas desviantes, administrativas e/ou criminosas, porventura praticadas por policiais militares que prestam serviços no Copom do 4º BPM (Centro de Operações da Polícia Militar/4º BPM), vez que, o envio da sobredita relação nominal de convalescentes da Covid-19 não fora remetida pela sua excelência, a secretária municipal de Saúde, ao comandante do BPM, mas, para o e-mail do setor, anteriormente descrito – Copom/4º BPM.

Guarabira, 12 de maio de 2020

Comandante do 4º BPM


Do Fato a Fato

Cidades

Registrada 4ª morte por Covid-19 em Guarabira e confirmado mais 07 casos

Confira o boletim epidemiológico com os números da Covid-19 no município

Publicados

em

Centro de Guarabira por Rose Vídeo

A Secretaria de Saúde de Guarabira divulgou no começo da noite desta segunda-feira (25) a atualização do boletim epidemiológico com os números da Covid-19. Os infectados na cidade já somam 346. Os números divergem dos que foram divulgados pelo Estado, que aponta a cidade com 364 casos.

Guarabira continua liderando o número de casos em toda a região. Dos infectados, 122 pacientes já foram recuperados.

Agora, são 4 óbitos confirmados em consequência do novo coronavírus. 400 casos foram descartados e 1.427 foram notificados.

Os bairros Centro (46), Cordeiro (34), Nordeste I (31), Novo (22) e Primavera (22) continuam sendo os que mais apresentam incidência de infectados com o vírus.

Veja o boletim de Guarabira

Portal25horas

Continue lendo

Cidades

Paraíba ultrapassa 8 mil casos de coronavírus; mortes já são 279

Dados mostram que 2.218 pessoas se recuperaram da Covid-19, doença causada pelo vírus

Publicados

em

Os casos de coronavírus na Paraíba chegaram a 8.016 nesta segunda-feira (25), conforme divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES). Em 24 horas, a pasta confirmou 193 novos casos e mais 7 mortes. Os dados mostram que 2.218 pessoas se recuperaram da Covid-19, doença causada pelo vírus, e 7.284 casos foram descartados para o patógeno.

Resumo | Últimas 24h na Paraíba

  • Confirmados: 8.016 (eram: 7.823)
  • Descartados: 7.284 (eram: 7.178)
  • Cidades: 180 (eram: 178)

Dentre os confirmados

  • Recuperados: 2.218 (eram: 2.208)
  • Isolados em casa: 5.034 (eram: 4.880)
  • Internados: 485 (284 em enfermarias + 201 em UTI)
  • Mortos: 279 (eram: 272)

A ocupação de leitos de UTI em todo o estado é de 76%. Se fizermos um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa (RMJP), 88% estão ocupados. Nesse domingo (24), 54% da população seguiu a recomendação de isolamento social.

Segundo a SES, 7 mortes foram confirmadas nesta segunda, referentes a pacientes com idades entre 36 e 96 anos, sendo cinco mulheres e dois homens. Todos esses pacientes apresentaram histórico de comorbidades.

As cidades de Assunção e Tenório registraram os primeiros casos do novo vírus, conforme boletim da SES nesta segunda-feira (25). A cidade de Mamanguape, no Litoral Norte da Paraíba, registrou a primeira morte por Covid-19. Um homem de 78 anos, hipertenso, diabético, com início dos sintomas no dia 15 de maio. Ele foi internado em hospital público e morreu nesse domingo (24).

A SES informou que a aparente estabilidade no número de casos de algumas cidades do estado ocorre porque as secretarias municipais estão se adequando ao formato de notificação obrigatório determinado pelo Ministério da Saúde. Questionada sobre cidades que poderiam ter dificuldades em adequação e não consigam repassar esses dados da forma correta, a SES disse que os Municípios são obrigados a proceder como manda a Pasta do Governo Federal.

Portal Correio

Continue lendo

Cidades

Covid-19: Boletins de Guarabira e Estado mantém divergências e agora a diferença é de 86 casos

Confira os dados epidemiológicos deste sábado, 22

Publicados

em

Foto: Rose Vídeo/Reprodução

Pelo segundo dia, os boletins epidemiológicos de Guarabira e do Estado da Paraíba, apresentaram diferenças em número de casos confirmados. O boletim desse sábado, 23 de maio, apresentado pela Secretaria de Saúde de Guarabira foi de 313 casos e o boletim da Secretaria Estadual de Saúde – SES, foi de 399 casos acumulados no município.

Nessa sexta-feira (22), os números informados pela Secretaria de Saúde de Guarabira, foi de 257 Casos confirmados de Covid-19 no município, porém o boletim estadual apresentou Guarabira com 354 casos, superando em casos a cidade de Cabedelo, na Grande João Pessoa.

De acordo com a Secretaria de Saúde de Guarabira, até o momento foram 3 óbitos confirmados em consequência do novo coronavírus e aguarda testes conclusivos de mais um caso, que pode confirmar ou não, a causa de mais uma morte no município.

No município já foram recuperadas 101 pessoas.

Segundo a Secretaria de Saúde de Guarabira os números são os seguintes:

  • Casos confirmados 313
  • Casos notificados 1.320
  • Casos descartados  373
  • Casos recuperados  101
  • Óbitos 03
  • Óbito em investigação 01

Veja abaixo o boletim de Guarabira

Em relação as diferenças dos números divulgados, a Secretaria Municipal de Saúde de Guarabira emitiu uma Nota. Confira abaixo na íntegra:

“Prezando pela transparência e com a finalidade de informar à população de Guarabira, se faz necessário falar sobre a discrepância dos dados contidos nos boletins epidemiológicos informados, ontem, pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) e pela Secretaria Municipal de Saúde de Guarabira.

O fato acima citado não foi exclusividade do município de Guarabira, como por exemplo, na cidade de Cabedelo, a qual emitiu nota (em anexo, no 2º post) e planilha com dados da 2ª Região de Saúde, com vários municípios, atestando divergências quanto os números destes.

Não é exagero afirmar que fomos todos surpreendidos com a divulgação do boletim da Secretaria Estadual de Saúde. Em Guarabira, enquanto nossa planilha evidenciou 257 casos confirmados o boletim da SES divulgou um total de 354 casos confirmados, gerando uma diferença bastante considerável, razão pela qual, resolvemos suspender a publicação do boletim municipal naquele momento.

A Secretaria Estadual de Saúde, a partir de ontem, passou a computar os dados através do sistema de notificação (e-SUS VE), ou seja, sem fazer a conferência detalhada dos dados, como fora feito antes. Ao realizar a conferência dos nomes, a Secretária Municipal de Saúde constatou a replicação do mesmo nome no sistema por várias vezes, bem como, o acréscimo de números dos laboratórios particulares que também entraram na contabilização, de modo que, hoje, chegamos aos 313 casos confirmados, destes, 101 casos recuperados.

São estes os números reais que divulgamos à população, conferidos minuciosamente, para que toda a nossa cidade esteja bem informada. Não temos o menor motivo para omitir informações, todavia, sempre que observarmos falhas nos dados apresentados por outras entidades que também fazem o controle, estaremos prontos para estabelecer a verdade, com a responsabilidade costumeira da gestão municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde.

Por fim, reforçamos o pedido para que cumpram as recomendações de isolamento e sigam as orientações de higiene, tão importantes para o enfrentamento da COVID-19.”

Subnotificação

A SES informou que realizou mudança no sistema de coleta de notificações sobre Covid-19 na Paraíba, desde quinta (21). A partir de então, só são validados os casos informados nos sistemas oficiais de notificação (Sivep gripe e E-sus VE). “Tal medida, junto com o esforço para realização de testes na população, é de extrema importância para que tenhamos cada vez menos subnotificação no nosso estado e o real retrato do tamanho da pandemia por toda a Paraíba”, disse a SES.

A Pasta divulgou ainda que a metodologia foi aprovada pelos Municípios em reunião do Conselho Intergestores Bipartite ocorrida na quinta e não serão mais incorporados os dados que sejam notificados por outros meios. “Entram no boletim diário os dados informados até às 10h da data corrente”, disse.

Por essa razão, a SES explicou que os municípios com maior número de casos poderão necessitar de alguns dias para ajustes, considerando o volume de registros ou instabilidade no sistema. “Porém, em alguns dias, a Paraíba poderá ter todos os dados oficialmente notificados”, finalizou.

De acordo com a SES os casos confirmados já estão em 177 municípios da Paraíba, confira:

Água Branca (1); Aguiar (1); Alagoa Grande (37); Alagoa Nova (9); Alagoinha (48); Alhandra (69); Amparo (11); Aparecida (1); Araçagi (29); Arara (6); Araruna (3); Areia (37); Areial (6); Aroeiras (13); Baia da Traição (29); Bananeiras (15); Barra de Santa Rosa (1); Barra de Santana (9); Barra de São Miguel (1); Bayeux (191); Belém (13); Belém do Brejo do Cruz (1); Boa Vista (3); Bom Jesus (1); Boqueirão (6); Borborema (1); Brejo do Cruz (5); Caaporã (209); Cabaceiras (2); Cabedelo (288); Cachoeira dos Índios (3); Cacimba de Dentro (11); Cacimbas (2); Caiçara (18); Cajazeiras (44); Cajazeirinhas (1); Caldas Brandão (8); Campina Grande (713); Capim (22); Carrapateira (1); Casserengue (2); Catingueira (2), Catolé do Rocha (12); Caturité (4); Conceição (2); Condado (40); Conde (62); Congo (11); Coremas (12); Coxixola (4); Cruz do Espírito Santo (86); Cuité (8); Cuité de Mamanguape (3); Cuitegí (32); Curral de Cima (3); Damião (1); Desterro (2); Dona Inês (1); Duas Estradas (12); Emas (1); Esperança (40); Fagundes (3); Gado Bravo (15); Guarabira (399); Gurinhém (23); Gurjão (3); Ibiara (2); Igaracy (4); Imaculada (5); Ingá (16); Itabaiana (47); Itaporanga (4); Itapororoca (21); Itatuba (25); Jacaraú (7); Jericó (1); João Pessoa (2454); Joca Claudino (1); Juarez Távora (12); Juazeirinho (40); Junco do Seridó (5); Juripiranga (46); Juru (2); Lagoa (3); Lagoa de Dentro (4); Lagoa Seca (25); Lastro (1); Logradouro (7); Lucena (40); Mãe d’Água (2); Malta (7); Mamanguape (42); Manaíra (2); Mari (64); Marizópolis (4); Massaranduba (16); Mataraca (12); Matinhas (5); Mato Grosso (3); Matureia (7); Mogeiro (1); Montadas (3); Monteiro (17); Mulungu (9); Natuba (7); Nova Floresta (1), Nova Olinda (1); Olho D´Água (1); Ouro Velho (1); Passagem (3); Patos (374); Paulista (8); Pedras de Fogo (124); Piancó (10); Picuí (3); Pilar (25); Pilões (5); Pilõezinhos (19); Pirpirituba (10); Pitimbu (57); Pocinhos (5); Pombal (21); Princesa Isabel (5); Puxinanã (12); Queimadas (29); Quixaba (5); Remígio (28); Riachão do Bacamarte (49); Riachão do Poço (1); Riacho de Santo Antônio (3); Riacho dos Cavalos (2); Rio Tinto (26); Salgadinho (1); Salgado de São Felix (13); Santa Cecília (1); Santa Helena (1); Santa Luzia (24); Santa Rita (424); Santa Terezinha (5); São Bentinho (3); São Bento (50); São Francisco (1); São João do Cariri (1); São João do Rio do Peixe (11); São João do Tigre (1); São José da Lagoa Tapada (13); São José de Caiana (8); São José de Espinharas (2); São José de Piranhas (4); São José do Bonfim (6); São José do Sabugi (68); São José dos Cordeiros (3); São José dos Ramos (4); São Mamede (6); São Miguel de Taipu (12); São Sebastião de Lagoa de Roça (9); São Vicente do Seridó (8); Sapé (126); Serra Branca (2); Serra da Raíz (7); Serra Redonda (12); Serraria (5); Sertãozinho (7); Sobrado (8); Solânea (23); Soledade (4); Sousa (100); Sumé (6); Tacima (9); Taperoá (26); Tavares (4); Teixeira (12); Uiraúna (4); Umbuzeiro (17); Várzea (1); Vieirópolis (2); Vista Serrana (1).

Continue lendo
Apoio

Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas