Conecte-se conosco

Policial

Operação combate aglomerações, fiscaliza bares e reforça segurança até a quarta-feira de Cinzas

Publicados

em

As Polícias Militar, Civil, Corpo de Bombeiros Militar, Procon, Vigilância Sanitária, Guardas Municipais e Sudema já autuaram 11 bares por descumprimento de medidas sanitárias, apreenderam 4 paredões de som e aplicaram 20 mil reais em multa por poluição sonora, durante a Operação Previna-se, da noite da última sexta-feira (12) até a manhã desta segunda-feira (15). O trabalho continua até a próxima quarta-feira.

O secretário de Estado da Segurança e da Defesa Social, Jean Nunes, disse que o resultado faz parte de um trabalho integrado para combater as aglomerações no período. “São mais de 3 mil profissionais da segurança pública, do Procon, Vigilância Sanitária, Guardas Municipais e Sudema atuando para proteger as pessoas, a partir de um trabalho integrado de fiscalização e combate às aglomerações. O carnaval este ano não vai acontecer, a necessidade disso foi amplamente divulgada, e essa soma de esforços dos órgãos públicos visa tão somente o bem do cidadão”, explicou o secretário.

Ainda na operação, foram apreendidas 27 armas de fogo, detidos mais de 130 suspeitos e recuperados 16 veículos com registros de roubo, nas abordagens realizadas pela Polícia Militar. O número é maior que o registrado no ano passado, quando houve carnaval e nos dois primeiros dois dias do período foram apreendidas 16 armas e detidas 107 pessoas.

Bares autuados – Como consequência das fiscalizações do Decreto Estadual 40.989/21, que regulamenta o funcionamento de bares e outros estabelecimentos comerciais no período de 12 a 17 de fevereiro, houve a notificação de 11 bares, em João Pessoa – localizados nos bairros do Bessa, Manaíra, Torre, Roger, Cruz das Armas e Geisel. A maioria estava descumprindo as medidas sanitárias, com público acima do permitido e com outras práticas que colocavam a saúde das pessoas em risco. Seis bares acabaram sendo fechados.

Apreensões de som – 20 mil reais de multa foram aplicados e quatro aparelhos de som foram apreendidos, nas praias de Lucena, Baía da Traição e Conde. As guarnições do Batalhão de Polícia Ambiental (BPAmb) estão fazendo um trabalho de orientação para que as pessoas não façam uso de som abusivo e, quando não há colaboração, as multas e apreensões são realizadas.

Assessoria/PMPB

Policial

PM prende agressores por violência doméstica em Alagoinha e Guarabira

Publicados

em

Foto: Ilustração/IV BPM

Um homem de 55 anos foi preso em flagrante após agredir familiares, por volta das 21h, no centro da cidade de Alagoinha. Por volta das 21h, a guarnição do Destacamento de Alagoinha foi acionada através da linha direta, sendo informada que o acusado, com sintomas de embriaguez, chegou à casa da sua genitora proferindo palavras de baixo calão contra ela, e caso ela denunciasse, colocaria fogo na residência com ela dentro.

Chegando ao local, os policiais foram informados pelo irmão do acusado que não era a primeira vez que ele agia dessa forma, e que antes da chegada da guarnição, tentou agredi-lo fisicamente, tentando arrombar a porta da sua casa com uma faca na mão, e que conseguiu sair da investida do acusado se abrigando na casa da vizinha.

O irmão do suspeito ainda informou que lesionou levemente a cabeça dele, após se proteger das tentativas de agressões. Que perante a guarnição policial, o acusado disse que iria se vingar do irmão dando-lhe uma facada na garganta, assim que saísse da prisão.

Diante da situação, o agressor e as vítimas foram conduzidos à delegacia de Guarabira onde o acusado foi autuado em flagrante delito por violência doméstica e ameaça.

Em Guarabira
Já na madrugada, por volta de 01h30min, um homem de 29 anos foi preso em flagrante após agredir sua companheira.

Chegando ao local, os policiais encontraram a vítima com alguns ferimentos no corpo (perna direita e mão direita), bem como, a vítima relatou que após uma discussão com seu companheiro (acusado), ele a empurrou escada abaixo e, em decorrência dessa queda, ela sofreu os ferimentos mencionados.

Diante da situação, o acusado confirmou ter sido o autor das lesões provocadas na vítima. O agressor foi conduzido até a central de polícia civil de Guarabira onde foi autuado em flagrante delito por violência doméstica.

P25horas

Continue lendo

Cidades

Policiais militares auxiliam em parto e amparam bebê recém-nascido em Santa Rita

Publicados

em

Um bebê veio ao mundo com o auxílio de policiais militares da Força Tática da 4ª Companhia Independente, na região metropolitana de João Pessoa. O nascimento, que emocionou todos os integrantes da guarnição, aconteceu em Santa Rita, no início da tarde deste sábado (27), em frente a 6ª Delegacia Distrital

Uma família estava em um carro, em busca de ajuda médica para realizarem o parto normal da mãe, quando se deparou com a PM. Os policiais estavam em outra ocorrência na delegacia, mas imediatamente ao perceberem o desespero da família, ajudaram a mãe e ampararam o bebê que já estava nascendo dentro do veículo (foto abaixo).

“Nunca passei por esse tipo de ocorrência, mas fiquei muito emocionado por colaborar com o nascimento do bebê, e saber que ao final de tudo, a mãe e o recém-nascido estão bem e saudáveis”, disse o soldado N. Costa, que ajudou no parto (na foto acima). Mesmo tendo sido tudo muito rápido, os policiais auxiliaram no trabalho de parto, acalmaram a família e deram as ‘boas-vindas’ ao bebê, que é um menino.

Em seguida, mãe e filho – que ainda não tem nome – foram para o hospital da cidade, onde receberam atendimento médico e passam bem.  A família, que é de Santa Rita, também se emocionou durante o nascimento e agradeceu o trabalho dos policiais militares.

Assessoria/PMPB

Continue lendo

Policial

Polícia Militar prende acusados de homicídio, em Santa Rita

Publicados

em

A Polícia Militar realizou as prisões de dois homens que estavam sendo procurados pelo crime de homicídio, em Santa Rita. Os acusados foram localizados e presos, na tarde desta segunda-feira (22), durante ações preventivas da Polícia Militar na região metropolitana de João Pessoa.

Um dos acusados foi encontrado pelos policiais da Força Tática do 7º Batalhão, na região conhecida por ‘Quatro Bocas’, no bairro de Várzea Nova. O homem, de 19 anos de idade, estava em via pública quando foi abordado, e durante consulta e verificação do nome dele, os policiais constataram um mandado de prisão preventiva em aberto pelo crime de homicídio.

Já o outro acusado, que tem 21 anos, foi encontrado pela Força Tática na comunidade Santo Amaro, também no mesmo bairro. Contra ele, havia também um mandado de prisão em aberto. Os dois homens presos são apontados como autores de um homicídio que ocorreu em Santa Rita, no último dia 17 de janeiro.

Os dois presos foram encaminhados para a 6ª Delegacia Distrital para os procedimentos cabíveis.

Assessoria/PMPB

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas