Conecte-se conosco

Cidades

Programa Tá na Mesa já contempla 83 municípios

Publicados

em

Foto: Secom/PB/Divulgação

Programa Tá na Mesa chegou, nesta sexta-feira (3), a Picuí, 83º município contemplado cuja população em situação de vulnerabilidade social passa a ser beneficiada com 250 refeições servidas diariamente. Esta é uma ação de caráter emergencial adotada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Humano (Sedh), com o objetivo de promover assistência alimentar aos segmentos mais vulneráveis da população, com o fornecimento de 25.100 refeições diárias, ao preço de R$ 1,00. O investimento com recursos do tesouro estadual ultrapassa R$ 4 milhões. 

O programa é executado nas cidades que não possuem Restaurante Popular. Para isso, o Governo do Estado lançou edital de convocatória e selecionou, entre as que apresentaram propostas, as empresas do setor alimentício (restaurantes e similares) que desejavam fornecer as refeições, do tipo quentinha. 

A diretora de Segurança Alimentar e Nutricional da Sedh, Luciana Leal, comentou que o programa, iniciado há dois meses, foi acontecendo de maneira paulatina. “Na medida em que os estabelecimentos credenciados entregavam suas documentações, os contratos eram assinados e publicados, o fornecimento das refeições era iniciado”. 

O secretário do Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira, acompanhou desde o início a implantação do programa na maioria dos municípios e destacou que o Governo do Estado implantou o maior programa emergencial de segurança alimentar da Paraíba. “São R$ 4,4 milhões investidos em 83 cidades, naquelas com mais de 20 mil habitantes serão fornecidas 400 refeições diárias; em cidades com população entre 10 e 20 mil habitantes, serão 250 refeições. No total são 25.100 refeições diariamente, totalizando mais de R$ 552 mil em recursos circulando mensalmente pelos próximos três meses nestes municípios. Um programa para fazer com que a comida chegue na mesa de quem mais precisa”, declarou.  

Tibério destacou ainda que o Tá na Mesa, ao mesmo tempo que injetou recursos em um segmento da economia altamente fragilizado e penalizado por conta da pandemia, atendeu o segmento de restaurantes, bares e lanchonetes, permitindo que possam contratar novas pessoas com carteira assinada para dar conta de produzir o volume de refeições diariamente. “Estamos também atendendo aquelas pessoas mais vulneráveis, desprovidas do emprego, e de uma garantia de prover seu sustento básico. Um programa grandioso, que fecha todo um ciclo, muito bem estudado pela equipe do Governo”, ressaltou. 

O empresário Genilson Medeiros é um dos credenciados pelo programa e elogia a iniciativa do Governo do Estado. “Foi uma sacada maravilhosa do Governo do Estado, porque simplesmente nos tirou do buraco. O governo veio com esse projeto, esse programa e nos deu fôlego, não só eu, mas as pessoas que voltei a contratar, tirando as pessoas do sufoco”, comemora o empresário.  

Dona Daluz, moradora da cidade de Solânea, mãe de oito filhos, também está satisfeita com a chegada do Tá na Mesa: “Agradeço a Deus e ao pessoal que trouxe essas comidas, e um real fica mais fácil da gente arrumar. Logo eu que trabalho na carroça vendendo uns cajuzinhos, durante seis meses não tinha caju, trabalhava na rua para poder dar de comer aos filhos. Acho que todas as mães vão agradecer, não só eu, pelo Governo ter mandado essa alimentação pra nós”.  

Fonte: Secom/PB

Rate this post

Cidades

Pagamentos do Auxílio Brasil retomam nesta segunda-feira (28)

Sequência de pagamentos segue cronograma definido pelo governo federal.

Publicados

em

Reprodução

São retomados nesta segunda-feira (28), os pagamentos do Auxílio Brasil, cujos beneficiários com Número de Inscrição Social final 8 são contemplados com os valores da parcela referente ao ciclo do mês de novembro. Diferentemente de outubro, o benefício não foi antecipado neste mês. 

Os depósitos são realizados pela Caixa Econômica Federal (CEF), que seguirá o cronograma de pagamentos até o próximo dia 30 – quando recebe quem tem NIS final zero. Até lá, a sequência respeita justamente o número no NIS, em ordem crescente.

Os beneficiários podem movimentar o dinheiro pelo aplicativo Caixa Tem, que está disponível para Android e iOS nas lojas virtuais. O valor médio é de R$ 600.

Confira o calendário de pagamentos:

Final do NISCalendário de novembro
117/11
218/11
321/11
422/11
523/11
624/11
725/11
828/11
929/11
final 030/11

Portalt5

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Campanha de renegociação de contas de água atrasadas termina quarta-feira

Os clientes podem seguir aproveitando todas as condições diferenciadas de negociação.

Publicados

em

Foto: Secom/PB

Faltando poucos dias para o encerramento da campanha ‘Fique em dia com a Cagepa’, mais de 40 mil clientes já negociaram suas dívidas junto à Companhia. Com isso, já foram superados os números de negociações das últimas duas edições da campanha.

A diretoria comercial destaca que os clientes podem seguir aproveitando todas as condições diferenciadas de negociação, com descontos que vão até 100% das multas e juros por atraso e parcelamentos em até 60 meses, até o próximo dia 30.

O diretor comercial, Isaac Veras, destaca que os clientes que eventualmente estiverem com o abastecimento de água cortado podem ter a religação garantida em no máximo 48 horas após a negociação dos débitos.

Os clientes que desejarem aproveitar os benefícios da campanha poderão fazer contato com a companhia por meio dos seus canais de atendimento:

– Call Center 115.

ClickPB com Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Guarabira 135 anos: Pesquisador presenteia município com jornais da cidade da década de 1930

A doação se dará neste sábado, data da emancipação, às 9h30 no Casarão da Cultura, dentro da programação do aniversário da cidade.

Publicados

em

Neste dia 26 de novembro a cidade de Guarabira celebrou 135 anos de sua emancipação política e foi presenteada com raros registros da sua história pelo pesquisador Jocelino Tomaz de Lima, da cidade de Caiçara. Se trata de trinta e três edições do jornal “O Município”, totalizando 240 páginas de documentação, que a cidade não possui em seus acervos historiográficos.

O Jornal “O Município” circulou primeiramente entre os anos 1925 e 1929, voltando a ser publicado como órgão oficial na administração do prefeito Sabiniano Maia (01/12/1937 a 27/07/1940). Além de divulgar prestações de contas, realizações de obras e outros atos da administração, o jornal trazia interessantes notas sociais, religiosas, educacionais e esportivas. Estando na época do “Estado Novo”, de Getúlio Vargas, também é notável a presença de exaltações ao governo federal e estadual (Argemiro de Figueredo), além de citações a referências históricas da época como a Eugenia, o combate ao Comunismo e ao Integralismo.

Vale ressaltar que Guarabira, a “Rainha do Brejo”, nessa época tinha como distritos as atuais cidades de Pirpirituba, Araçagi, Alagoinha, Mulungú e Cuitegi. Seu território também abrangia a atual cidade de Pilõezinhos, que se tornou também distrito em 1951. Assim, as informação também interessam diretamente todas essas cidades.

O lote de jornais raros, que abrange quase todas as edições publicadas na segunda fase de circulação do jornal, de janeiro de 1938 a abril de 1940, estão organizados em uma encadernação, foram do acervo próprio prefeito Sabiniano Maia e adquiridos pelo pesquisador no Sebo Cultural (João Pessoa).

Ciente da importância do acervo para a história de Guarabira, Jocelino Tomaz, realizou a doação dos jornais que ampliam assim, o acervo do Centro de Documentação “Coronel João Pimentel”, principal referencial de arquivo historiográfico da cidade. A doação se dará no próximo sábado, data da emancipação, às 9:30h no “Casarão da Cultura”, dentro da programação do aniversário da cidade.

Além de doar o acervo físico, o pesquisador realizou a digitalização das 240 páginas e disponibilizará para o Centro de Documentação da cidade e para todos os interessados, que podem manter contato pelo fone (83) 99175-6171.

Na versão digital, além dos trinta e três jornais, Jocelino anexou como “bônus” uma edição do jornal “A Faísca” (1932) e parte referente a Guarabira na edição da revista paraibana “Illustração” de 30/12/1935. inclusive com interessante material fotográfico.  

Segundo o livro “Paraíba: Imprensa e Vida” (Fátima Araújo, 1986), além do jornal “O Município”, em Guarabira também foram publicados os jornais “A Estrela”(sem informação de data), “O Astro” (1907), “Correio de Guarabira” e “Correio do Interior” (1911), “Jornal da Luz”(1918), “O Gymnásio” e o “Jornal de Notícias”(1921) e “A Luz”(1922), “A Faísca” (1931), “Voz do Brejo” (1936), posteriormente circularam “O Grito” (1978), “Folha do Povo”(1980) e outros.

O prefeito da época dos jornais, Sabiniano Alves do Rego Maia (Itatuba-PB, 1903 – João Pesssoa-PB, 1994), é uma referência como administrador e escritor paraibano, eis alguns destaques do seu currículo: Promotor de Justiça, Procurador do TRT, Juiz do TRE e assessor do DER; Prefeito de Mamanguape, Guarabira (duas vezes), Campina Grande e Sapé; Secretário do Interior e Justiça, Secretário de Educação e Saúde; Sócio da Associação Paraibana de Imprensa, membro da Academia Paraibana de Poesia; Sócio Fundador do Instituto Paraibano de Genealogia e Heráldica e Membro do Instituto Histórico e Geográfico Paraibano. Livros publicados: A História das Quatro Viagens, 1973; Itabaiana, sua história, suas memórias: 1500-1975, 1977; Caminhos da Paraíba, 1978; Do alto da serra (Discurso), 1979; No Vale do Mamanguape, 1981; Flavio Ribeiro Coutinho: História de uma vida e de uma época (1882/1963; Francisco Edward Aguiar (Biografia), 1982; Superstições: 1932-1935-1936, 1983; Em Santa Catarina: 1931, 1984;Tribunal Regional da Justiça Eleitoral do Estado da Paraíba: Pareceres 1934-1935-1936-1937, 1984; Crônicas e Comentários: 1917-1977, 1988; Sapé – sua história, suas memórias (1883-1985).

Foto: Acervo da Associação Cultural Memória Viva – Memorial Itabaianense

Jocelino Tomaz de Lima, é pesquisador e ativista cultural, presidente do Grupo Atitude, que promove voluntariamente, desde 2005, a leitura e a cultura na cidade de Caiçara(PB). Licenciado em Geografia e Bacharel em Direito. Técnico Judiciário do Tribunal de Justiça da Paraíba, Comarca de Belém.

Nesse final de semana, as comemorações dos 135 de emancipação política de Guarabira se somam à rota cultural “Raízes do Brejo” e teve uma vasta programação cultural de sexta a domingo com emboladores, folheteiro e forrozeiro na feira, teatro, coral, visita aos equipamentos culturais da cidade, encontro de bandas fanfarra, festival de repentistas, shows, programação religiosa, etc. A programação completa pode ser conferida no endereço brejoparaibano.com.br/raizes-do-brejo.

Matéria Atualizada

Brejo.com com Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas