Conecte-se conosco

Saúde

Pesquisa revela piora do estilo de vida do brasileiro na pandemia

Levantamento mostrou maior tempo de tela e menos atividade física.

Publicados

em

Pixabay/ilustração

Maior tempo de tela e menos atividade física: o estilo de vida do brasileiro piorou durante a pandemia, mostra pesquisa de universidades federais mineiras. O estudo foi iniciado cinco meses após o início das medidas de distanciamento social. 

Os resultados da primeira etapa foram publicados em artigo nas revistas Public Health Nutrition e na Frontiers in Nutrition. A pesquisa foi realizada em conjunto pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e pelas universidades federais de Lavras (Ufla), Ouro Preto (Ufop) e Viçosa (UFV). 

Em relação às refeições, diminuiu a frequência de realização de café da manhã, lanche e almoço, por outro lado, aumentou a realização de lanches noturnos e outras refeições além das tradicionais. Os hábitos alimentares também pioraram, com aumento de consumo de pães, farináceos, refeições instantâneas e fast food. O consumo de frutas e vegetais, por sua vez, caiu.

Sobre o estilo de vida, houve mudança no consumo mais frequente de bebida alcoólica, aumento na frequência no hábito de fumar, e no tempo de utilização de telas e dispositivos. Antes da pandemia, os participantes da pesquisa relataram média diária de seis horas e meia de exposição. Durante a pandemia, esse número subiu para dez horas por dia.

Por outro lado, houve redução da prática de atividade física. Os voluntários que responderam ao questionário informaram praticar em torno de 120 minutos por semana no período pré-pandemia e o índice caiu para 80 minutos por semana com as restrições para evitar a circulação do novo coronavírus. A recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é uma prática semanal de 150 a 300 minutos.

Para o estudo, foram aplicados questionários online entre agosto e setembro de 2020. Os dados reúnem respostas de 1.368 pessoas de ambos os sexos, com idade a partir de 18 anos. Quase 90% são da região Sudeste e 80% são mulheres. Entre os respondentes, 97% disseram estar cumprindo as medidas de distanciamento social.

A segunda etapa da pesquisa envolve a análise de variáveis de comportamento alimentar, ganho de peso e prática de exercício físico durante a pandemia. De acordo com os pesquisadores, esta fase está em andamento e inclui a reaplicação do questionário após 10 meses.

Agência Brasil

Rate this post

Saúde

Guarabira promove Semana de Multivacinação para adultos e crianças

Publicados

em

A Prefeitura de Guarabira através da sua Secretaria de Saúde promove nos próximos dias 7, 8 e 9 de fevereiro, a “Semana de Atualização da Carteira de Vacinação para Adultos e Crianças. É a primeira Multivacinação de 2023, e tem como objetivo deixar a caderneta vacinal em dia e proteger a população de diversas doenças. inclusive contra COVID-19.

De acordo com a Coordenação de Epidemiologia e Imunização da SMS, a atividade será realizada durante três dias, com algumas UBS funcionando no período noturno (das 19h às 20h30) e outras durante o período diurno (das 11h30 às 13h). Conforme programação abaixo: 

Estarão disponíveis todas as vacinas do calendário vacinal: Hepatite A e B, Penta (DTP/Hib/Hep B), Pneumocócica 10 valente, VIP (Vacina Inativada Poliomielite), VRH (Vacina Rotavírus Humano), Meningocócica C (conjugada), VOP (Vacina Oral Poliomielite), Febre amarela, Tríplice viral (Sarampo, Rubéola, Caxumba), Tetraviral (Sarampo, Rubéola, Caxumba, Varicela), DTP (tríplice bacteriana), Varicela e HPV quadrivalente (Papilomavírus Humano). E, Ainda, as vacinas HPV, dT (dupla adulto), Febre amarela, Tríplice viral, Hepatite B, dTpa e Meningocócica ACWY (conjugada). 

Em relação a vacina contra a Covid-19, no local serão aplicadas 1ª e 2 doses para pessoas a partir dos 6 meses de idade, 1º reforço (3ª dose) para o público 5+ e 2º reforço (4ª dose) para pessoas 30+, profissionais de saúde e imunocomprometidas. 

Todos os imunizantes que integram o Programa Nacional de Imunizações (PNI) são seguros e estão registrados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Codecom

Rate this post
Continue lendo

Saúde

Paraíba aplica mais de 79 mil doses de vacina em dia D de vacinação

Publicados

em

A Paraíba realizou o primeiro dia D de vacinação de 2023 nesse sábado (4). A ação aconteceu simultaneamente em todas as regiões do estado e aplicou 79.295 doses de vacina (rotina e contra a covid) em 216 municípios. Desse total, 26.050 foram doses de vacinas de rotina, e  53.245 doses da vacina contra covid-19: 20.907 em crianças de 6 meses a 4 anos de idade;  22.478 doses aplicadas da vacina contra covid-19 para reforço na faixa etária a partir de 3 anos e 9.860 doses aplicadas para o segundo reforço na população acima de 30 anos.

A Secretaria de Saúde da Paraíba comemorou o número de doses aplicadas. “Houve uma grande adesão do público paraibano que atendeu ao chamamento para aumentar as coberturas vacinais para as crianças de nosso estado e também as doses das vacinas contra a Covid-19”, disse o secretário de Estado da Saúde, Jhony Bezerra. 

“A saúde pública tem que ser humanizada e a prevenção é um dos pré-requisitos para que isso aconteça. E a vacina é o maior símbolo da prevenção. A grande prova disso foi durante a pandemia do coronavírus, que a vacina nos salvou”, disse o prefeito Cícero Lucena durante abertura da campanha na capital. 

Ainda falando em vacina contra a Covid-19, os dois irmãos tão pequenininhos, Elias, de seis meses, e Enzo, de dois anos, foram imunizados neste Dia D. “Os dois estavam com todas as vacinas em dia. Só faltavam as de Covid. Dou muita importância à vacinação dos meus filhos para que sempre tenham boa saúde”, ressaltou a mãe, Aline Micaelen. 

Jhony Bezerra enfatiza que na Paraíba vacina é prioridade e comemorou o resultado: “muito exitoso chegar ao fim do dia, após vários dias de preparação e diálogo e termos como resultado uma das melhores campanhas realizadas”.

Os três municípios que mais vacinaram foram João Pessoa, com 7.149 doses aplicadas; Campina Grande, com 5.482 doses; e Sousa com 2.766 doses aplicadas.

Secom-PB

Rate this post
Continue lendo

Saúde

SAMU de Guarabira recebe novos kits de uniformes e certificados de capacitação em APH

Publicados

em

A equipe do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Guarabira recebeu novos kits de uniformes, na manhã desta quarta-feira, 1º de fevereiro. A entrega foi realizada pela secretária de Saúde Harlanne Herculano, juntamente com a coordenadora de Média e Alta Complexidade, Daisy Campos, no auditório da Secretaria. O kit é composto de 1 macacão e 1 gandola (jaqueta); além de 1 par de botas – todos os itens identificados com a logomarca padrão SAMU.

Na ocasião a gestora da saúde municipal guarabirense, aproveitou o ensejo para também entregar aos ‘samuseiros’ o certificado referente a participação dos mesmos no Curso de Capacitação em Atendimento Pré-Hospitalar (APH)/120 horas promovido pela gestão municipal e realizado, de 3 de novembro a 10 de dezembro 2022.

Harlanne, na oportunidade, parabenizou a equipe e agradeceu pelo essencial serviço prestado à população, ressaltando ainda que, o novo fardamento dará mais conforto e irã auxiliar cada vez mais na segurança dos profissionais socorristas e no melhor atendimento. E que será renovado anualmente.

O SAMU de Guarabira, que completa 11 anos de fundação no próximo dia 8/2, segundo o coordenador Mariélisson Urbano – é formado na atualidade por 36 profissionais; sendo 12 condutores, 17 enfermeiros e 7 médicos. Em breve a equipe será contemplada com a sede própria, que está sendo instalada no futuro Complexo Municipal de Saúde.

Codecom

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas