Conecte-se conosco

Cidades

Novembro Azul: campanha reforça atenção integral à saúde do homem na Paraíba

Publicados

em

Os exames preventivos devem ser realizados uma vez ao ano, após os 50 anos, ou conforme orientação médica, de acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia. Homens da raça negra ou com parentes de primeiro grau (pai, irmão, tios), com histórico de câncer de próstata, devem começar aos 45 anos.

O mês de novembro é dedicado à campanha de prevenção do câncer de próstata, o segundo mais comum entre os homens (atrás apenas do câncer de pele não-melanoma), denominada Novembro Azul.  O diagnóstico precoce da doença é essencial e feito por meio do toque retal e da dosagem do PSA no sangue, exames que são solicitados nas USFs.    

Os exames preventivos devem ser realizados uma vez ao ano, após os 50 anos, ou conforme orientação médica, de acordo com a Sociedade Brasileira de Urologia. Homens da raça negra ou com parentes de primeiro grau (pai, irmão, tios), com histórico de câncer de próstata, devem começar aos 45 anos. 
 
Mais do que qualquer outro tipo de câncer, o de próstata é considerado um câncer da terceira idade, já que cerca de três quartos dos casos no mundo ocorrem a partir dos 65 anos. O aumento observado nas taxas de incidência no Brasil pode ser parcialmente justificado pela evolução dos métodos diagnósticos (exames), pela melhoria na qualidade dos sistemas de informação do país e pelo aumento na expectativa de vida. 
 
O tratamento do câncer pelo SUS na Paraíba é realizado nos Hospitais Napoleão Laureano e São Vicente de Paula, em João Pessoa; na Fundação Assistencial da Paraíba (FAP) e no HU, em Campina Grande; e na Unidade de Oncologia do Sertão – Hospital do Bem, localizado no Complexo Hospitalar Regional Deputado Janduhy Carneiro, em Patos.

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) reforça as ações junto aos 223 municípios, para garantir a atenção integral à saúde do homem na Atenção Primária (Unidades de Saúde da Família – USF). Entre as ações da SES junto aos municípios, estão o estímulo à estratégia do pré-natal do parceiro; incentivo aos profissionais de saúde e à população em geral para fazerem os cursos ofertados gratuitamente pelo Ministério da Saúde; discutir a possibilidade de pensar e organizar horários alternativos de atendimento à população em geral. 
 
Ainda fazem parte das ações: favorecer acesso às informações sobre direito sexual e reprodutivo por meio de palestras e rodas de conversa; prevenção e controle de infecções sexualmente transmissíveis e da infecção pelo HIV; realizar campanhas que trabalhem questões que envolvam a higiene íntima da população masculina; divulgar e incentivar a população masculina de seu território para participarem de atividades de planejamento reprodutivo. 
 
“Com estas ações, a SES busca estimular os municípios a garantirem que os homens tenham, na Atenção Primária (USF) atendimento à saúde de forma integral. Afinal, existem doenças que matam mais que os cânceres, a exemplo das doenças cardiovasculares, como infarto agudo do miocárdio e diabetes”, disse o coordenador da Saúde do Homem, Hélio Soares da Silva.
 
As doenças que mais afetam os homens são: infarto agudo do miocárdio, fatores externos (acidentes/violência por arma de fogo ou arma branca), diabetes mellitus, pneumonia e acidente vascular cerebral hemorrágico. Dentre os cânceres, estão o de próstata, dos brônquios e dos pulmões, do estômago, do fígado e vias biliares intra-hepáticas, e da cavidade oral/ traqueia, brônquio e pulmão. 
 
“É importante atentarmos para a quantidade de óbitos por câncer de pênis, que, mesmo sendo poucos em relação a outras causas de morte, é um câncer prevenível com hábitos de higiene íntima e cuidados que podem ser diagnosticados e tratados na infância”, informou Hélio.
 
Mortes – No período de 2017 a 2021, morreram na Paraíba 6.167 homens vítimas de infarto agudo do miocárdio; 4.169 de violência por arma de fogo ou arma branca; 3.817 de pneumonia; 3.840 de diabetes e 1793 de AVC.  Os 3.882 óbitos de homens causados por câncer, de 2017 a 2021 estão distribuídos da segunda maneira: próstata – 1.518; pulmões – 1.105; estômago – 811; cavidade oral – 405 e pênis – 43.

Rate this post

Cidades

Roberto e Raniery Paulino participam de lançamento de projeto social do Governo em Guarabira

O lançamento foi na Câmara Municipal de Guarabira, com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira.

Publicados

em

O Secretário Chefe do Governo, Roberto Paulino, e o deputado estadual Raniery Paulino, participaram, nesta segunda-feira, 20, em Guarabira, do lançamento do programa “Família Acolhedora”, desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Humano do Governo da Paraíba.

O lançamento foi na Câmara Municipal de Guarabira, inclusive com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira. O secretário executivo do Orçamento Democrático, Célio Alves, também prestigiou o evento.

Família Acolhedora – Famílias cadastradas e habilitadas poderão acolher, provisoriamente, crianças ou adolescentes afastados da família devido a medida protetiva. O Estado destinará 1 salário mínimo para as despesas do menor, sendo a sua aplicação orientada e acompanhada por uma equipe do programa.

Maior município da região, Guarabira não aderiu à iniciativa, diferentemente de outros 22 que assinaram a parceria (Alagoinha, Araçagi, Araruna, Bananeiras, Belém, Borborema, Cacimba de Dentro, Caiçara, Casserengue, Cuitegi, Dona Inês, Duas Estradas, Logradouro, Pilões, Pilõezinhos, Pirpirituba, Riachão, Serra da Raiz, Serraria, Sertãozinho, Solânea e Tacima).

Do Fato a Fato

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Audiência debate municipalização do trânsito em Solânea, Arara e Casserengue

Publicados

em

O Grupo de Trabalho (GT) interinstitucional para a municipalização do trânsito – órgão integrado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) – realizou, na tarde desta terça-feira (18/01), uma audiência para tratar do processo de municipalização em Solânea, Arara e Casserengue. 

Participaram o coordenador do Núcleo de Políticas Públicas do MPPB, procurador de Justiça Valberto Lira; o promotor de Justiça de Solânea, Henrique Cândido Ribeiro de Morais; os prefeitos de Solânea, Kayser Nogueira Rocha Pinto; de Casserengue, Antônio Judivan de Sousa; o representante do Município de Arara, Antônio Gregório; o assessor juridico do Conselho Estadual de Trânsito (Centran); o psicólogo Ricácio Lima da Cruz; o membro do Conselho Estadual de Trânsito, Amauri Azevedo; o representante do  Departamento de Estradas de Rodagem (DER/PB), Fleming Cabral; o servidor do MPPB, Renato Barroso.

Durante a audiência, foram discutidas questões relacionadas ao trânsito de Caaporã, ao Código Brasileiro de Trânsito; à Resolução 811/2020 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran); a possibilidade de celebração de consórcios e convênios e as vantagens da municipalização do trânsito (como atendimento à exigência legal, gestão de trânsito voltada às necessidades do município com intervenções mais rápidas e melhor planejamento urbano voltado para a segurança viária, dentre outros). 

Também foi apresentado aos prefeitos um roteiro simplificado para a integração do município ao Sistema Nacional de Trânsito e dados estatísticos referentes ao trânsito nos três municípios.

Os prefeitos expuseram as principais dificuldades enfrentadas pelos municípios e apresentaram pontos que foram debatidos com os membros do GT Interinstitucional. O prefeito de Solânea informou que dará andamento com relação às medidas no município.

Ao final, o promotor de Justiça Henrique Cândido concedeu prazo de 15 dias para os prefeitos se manifestarem sobre o interesse de realizarem a municipalização.

Assessoria/MPPB

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Governador anuncia reajuste salarial para todos servidores e aposentados do estado

Com esse aumento implantado já nos contracheques do mês de janeiro, o impacto anual na folha de pagamento do estado será de R$ 840 milhões.

Publicados

em

Foto: Secom-PB

O governador João Azevêdo enviou nesta sexta-feira (21) para a Assembleia Legislativa, Medida Provisória reajustando os salários dos servidores públicos estaduais em 10%, mesmo índice concedido aos policiais militares, civis e penais. As forças de segurança também terão incorporados aos seus salários o valor da Bolsa de Desempenho em 100 %, sendo 20% de imediato e o restante implantados em 48 meses. Os aposentados e pensionistas, que ficavam de fora em reajustes de anos anteriores, também terão direito ao mesmo índice do pessoal da ativa.

Com esse aumento implantado já nos contracheques do mês de janeiro, o impacto anual na folha de pagamento do estado será de R$ 840 milhões, sendo R$ 253 milhões só com as forças de segurança. Os professores terão implantados em seus vencimentos o reajuste previsto do piso nacional do magistério de 31,3 %, com o governador garantindo aos dirigentes das entidades da categoria elevar ainda este índice caso sofra qualquer alteração nacional.

“Este é um esforço enorme que estamos fazendo para valorizar cada vez mais nosso servidor, mesmo com a grave crise financeira que se abate no país. Só para se ter uma ideia, tem estados que não puderam ainda colocar em dia seus salários e o Governo Federal anuncia que vai dar zero de reajuste para os servidores públicos de um modo geral. Além de promovermos mais de 20 concursos e seleções públicas e criando PCCR de algumas categorias em menos de três anos de governo, agora estamos reajustando em 10 por cento os vencimentos dos servidores, incluindo os aposentados que eram sempre esquecidos anteriormente. Também aumentamos plantões e gratificações específicas de categorias que há anos reivindicavam tais benefícios”, anunciou o governador João Azevêdo.

Do MaisPB

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas