Conecte-se conosco

Cidades

Mês das Crianças: Empresária aposta no resgate das antigas brincadeiras infantis

Publicados

em

Fotos: Amanda Jacob/Renata Virgínia/Divulgação/@cidivertindo

Vestida de princesa, Iaci Torres leva as antigas e lúdicas brincadeiras para todas as festas infantis.

Formada em Direito pela Universidade Federal da Paraíba, a empresária Iaci Torres, 28 anos, fundou nesse ano em João Pessoa, a empresa CiDivertindo Recreação Infantil, onde o resgate das antigas brincadeiras infantis é a principal diversão.

“Desde minha adolescência tenho contato com crianças: ensinando em escola bíblica, preparando brincadeiras em colônia de férias, dando aula de inglês, fazendo projetos sociais. Sempre me senti muito à vontade no meio delas: as crianças têm o poder de aprender rapidamente e de nos ensinar coisas fantásticas.” revelou.

Em 2016, foi convidada para compor o quadro de uma empresa de recreação infantil e de cara se identificou com o ofício: levar diversão para criançada! “Com a experiência adquirida ao longo dos anos fui percebendo que as brincadeiras tradicionais faziam muito sucesso entre elas: cabo-de-guerra, morto-vivo, corrida-de-saco e torta na cara estavam no topo da euforia. Com a grande incidência dos jogos eletrônicos, essas brincadeiras com contato humano, resgatando o tradicional, são algo diferente para as crianças, como uma novidade.” disse.

“Quando observo o poder que a brincadeira tem, vejo que ela pode ser instrumento para várias coisas: diversão é uma extraordinária consequência, porém, muito mais pode ser levado às crianças! Então, nesse ano tomei o importante passo de fundar minha própria empresa. Uma empresa que fosse capaz de transmitir princípios que considero essenciais.” revela Iaci.

Ela nos disse que quando pensa na execução das brincadeiras, busca identificar quais valores humanos podem ser transmitidos através delas, tais como: aprender a dividir algo com os amiguinhos, trabalhar em equipe, respeitar as diferenças, falar a verdade. entre outros.

“Coisas que com uma “simples” brincadeira podemos aprender ou reforçar o aprendizado. E essa interação entre as crianças é fantástica! Por vezes desafiadora, mas sempre muito gratificante!” diz Iaci.

“Recentemente, em um caça-ao-tesouro disse para as crianças que não dividiria meu tesouro com ninguém. Imediatamente, elas me deram razões para eu fazê-lo: “tia, temos que dividir, senão nosso amigo fica triste”; “tia, se a gente não divide, a gente é egoísta”. Experiências desse tipo não tem preço. Ainda na pouca idade, elas já sabem que existe uma escolha melhor, uma escolha que nos torna melhores…” revelou.

“É maravilhoso transmitir valores com muita alegria e diversão! Então a recreação para mim é mais que um empreendimento, é uma oportunidade de fazer o bem. Por isso, trato com muito zelo e busco sempre dar o melhor de mim para elas.” conclui Iaci Torres.

Serviço:

CiDivertindo Recreação Infantil

Contato: (83) 98863-1049

Instagram: @cidivertindo

 

Redação Brejo.com

Apoio

Guarabira

Fotos: Igreja Congregacional Nova Aliança realiza culto alusivo ao Setembro Amarelo

Publicados

em

No último dia 22 de setembro foi realizado na Igreja Congregacional Nova Aliança, no bairro Bela Vista, em Guarabira, o culto alusivo ao setembro amarelo.

O evento foi marcado pela presença do Espírito Santo e a Santa Palavra do Senhor. Vidas foram restauradas e novas perspectivas surgiram. Deus é o Deus de recomeços.

Com ascom

Continue lendo

Cidades

Governador anuncia a data de publicação do Edital do Concurso da Polícia Civil da Paraíba; veja vagas

.

Publicados

em

O governador João Azevêdo anunciou a data de publicação do esperado Edital de concurso público para a Polícia Civil do Estado da Paraíba (PCPB). A comunicação para o certame será disponibilizada na edição do Diário Oficial do Estado da próxima quarta-feira (29/09).

O certame virá com oferta de 1.400 vagas e já é considerado o maior edital de concurso público da história de corporação. Todas as oportunidades serão de nível superior, conforme atualização da lei das carreiras da PCPB. Os salários irão variar entre R$3 mil e R$9 mil.

“Esse será o maior concurso que a Polícia Civil já realizou na sua história”, disse João Azevêdo no programa Fala Governador desta segunda-feira (27).

Os inscritos serão avaliados por meio de provas objetivas e discursivas, Teste de Aptidão Física (TAF), exame psicotécnico, exame de títulos, investigação social e curso de formação.

Confira abaixo as vagas por áreas:

Delegado (120 vagas, sendo 108 na ampla concorrência e 12 para Pessoas com Deficiência – PcDs);

Escrivão (515 vagas, sendo 463 na ampla concorrência e 52 PcDs);

Técnico em perícia (68, sendo 61 na ampla concorrência e um PcD);

Necrotomista (65, sendo 25 na área Geral e 40 na área de Enfermagem);

Agente de investigação (400, sendo 360 na ampla concorrência e 40 PcDs);

Papiloscopista (60, sendo 54 na ampla concorrência e seis PcDs).

Perito médico-legal (50, sendo 40 na área Geral, cinco em Psiquiatria e cinco em Patologia);

Perito criminal (77, sendo 57 na área Geral, cinco em Biologia, dez em Engenharia e cinco em Tecnologia da Informação);

Perito odonto-legal (10, sendo nove na ampla concorrência e uma PcD); e

Perito químico (35, sendo 30 na área Geral e cinco em Química).

Wscom

Continue lendo

Cidades

‘Flores’: filme com Zezita Matos e Beto Quirino será gravado no Brejo

Publicados

em

Parte do elenco em ensaio - Divulgação

Na primeira semana de outubro, Alagoa Grande será palco para a gravação de um curta-metragem do cineasta carioca Leonardo Gonçalves. ‘Flores’ terá Hermano Queiroz, Beto Quirino, Itamê Jr e Zezita Matos no elenco, com cinco dias de gravações.

O filme realizado através da lei Aldir Blanc ainda destacará a cena cultural da cidade de Alagoa Grande, no Brejo paraibano, com participação de dois artistas importantes para a região: Turuca e Dona Soledade.

Olha a sinopse de ‘Flores’: Manoel (Hermano Queiroz) recebe de sua médica (Zezita Matos) a notícia de que tem pouco tempo de vida. Ele decide visitar seu amigo Álvaro (Beto Quirino) – homem frustrado por não ser reconhecido e valorizado como artista. Os dois, então, se aventuram na boêmia noturna para atenuar angústias e tristezas da vida.

O cineasta carioca Leonardo Gonçalves é filho de paraibanos e vive desde 2009 no Assentamento Maria da Penha II, localizado na cidade de Alagoa Grande. Ele é doutorando em Cinema na Unicamp, em Campinas-SP.

Leonardo é autor de diversos curtas-metragens nos últimos 15 anos, inclusive ‘Terra vermelha’ e ‘Isolamento rural’ (feito durante a pandemia).

T5

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas