Conecte-se conosco

Policial

Polícia Civil previne a população sobre fraude envolvendo venda de veículos na internet

Publicados

em

Foto: Ilustração/Pixabay

Desconfiar de valores muito abaixo aos praticados no mercado, sempre negociar pessoalmente com o legítimo dono ou seu representante legal e desconfiar de conversas com pedidos de mentira. Estas são as principais recomendações da Polícia Civil para a população se prevenir de um tipo de fraude na compra de veículos usados em João Pessoa. O golpe, que se utiliza de falsos anúncios em sites, está sendo investigado pela Delegacia de Defraudações e Falsificações da Capital.

De acordo com a delegada Andréa Melo, a fraude ocorre em duas etapas. Em um primeiro momento, o criminoso escolhe o vendedor que anunciou a venda de um carro na internet. O criminoso entra em contato com essa pessoa e garante a compra do veículo, mas conta uma história fictícia.

Anúncio


“Geralmente, diz que pagará o valor combinado, mas o veículo será entregue a outra pessoa, por conta de uma dívida. O estelionatário convence o vendedor a tirar o anúncio da internet. Em seguida, o falsário posta outro anúncio, com as mesmas fotos e características do veículo. Porém, o preço é menor. O estelionatário anuncia seu próprio contato e age como se fosse o dono do veículo”, explica a delegada.

Após postar o falso anuncio na internet, começa a segunda etapa da fraude. Por conta do baixo valor, o veículo logo atrai a atenção de algum interessado. Sem saber, essa pessoa começa a negociar com o estelionatário, que o convence a ir até a casa do comprador e analisar o carro. Geralmente, o estelionatário conta que o comprador vai entregar o carro como pagamento de uma dívida. Ele ganha a confiança da vítima e o consegue manter a farsa.

“Tanto o comprador quanto o vendedor são enganados. Eles são orientados pelo golpista a mentir um para o outro. O comprador acaba depositando na conta do criminoso o dinheiro pela compra do veículo”, destaca Andrea.

Somente após alguns dias é que o golpe é descoberto. “Tanto o dono do veículo quanto o interessado na compra agem de boa fé, mas são enganados por um criminoso que está em outro Estado”, afirma a delegada.

A Polícia Civil está investigando a ação desse tipo de crime em João Pessoa. Mas reforça que a população adote cuidados na hora de fechar negócios por meio da internet.

“Geralmente, esses estelionatários envolvem as vítimas em mentiras. Pedem que elas confirmem que são suas parentes ou amigas para outras pessoas, sem que nunca tenham as visto antes. As pessoas devem desconfiar sempre que estiver negociando a compra de um veiculo e ouvir essas conversas estranhas.

“Outro sinal de alerta é quando o vendedor ou comprador estiver com muita pressa em fechar o negócio, chegando ao ponto de baixar o valor para um preço muito inferior ao praticado no mercado. Isso pode ser um golpe em andamento”, destacou.

Em caso de dúvida ou suspeita de que está lidando com um criminoso, a polícia recomenda procurar a Delegacia de Polícia mais próxima ou fazer a denúncia de forma anônima pelo Disque 197.

Assessoria/PCPB

Rate this post
Anúncio


Policial

Operação prende suspeitos de homicídios, assaltos e tráfico de drogas no Brejo paraibano

Publicados

em

Reprodução/TV Cabo Branco

Um total de quatro homens suspeitos de homicídios integrantes de uma facção criminosa foram presos no município de Araçagi, na manhã desta quinta-feira (11) no brejo paraibano, durante operação da Polícia Civil, a Villano. Também foram cumpridos vários mandados de busca domiciliar, com apreensão de drogas como maconha e cocaína e armas de fogo, entre elas um fuzil.

De acordo com o delegado Walter Brandão, Araçagi se destacou na região devido aos homicídios e assaltos nos últimos meses, razão pela qual vem sendo um dos municípios com maior concentração de investigações e consequentemente de operações policiais.

Anúncio


“Dezenas de criminosos vêm sendo presos e também indiciados por homicídios, roubos, além de serem autuados em flagrante por tráfico de entorpecentes apreendidos por ocasião da execução dos mandados de busca domiciliar”, destacou o delegado.

Segundo ele, os presos atuavam na linha de frente da facção. Um confronto ocorreu com a polícia, resultando na prisão de um dos suspeitos e apreensão de sua arma. Não houve feridos.

Créditos: G1 PB

Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Policial

Polícia Militar apreende arma de fogo, munições e drogas, em Mulungu

Publicados

em

A Polícia Militar realizava rondas no Conjunto Aquiles Leal, em Mulungu-PB, na noite de ontem (11), quando os policiais visualizaram alguns homens que ao perceberem a chegada das viaturas correram em direção a um matagal. A localidade é conhecida como “Cangote do Urubu”.

Onde os indivíduos estavam a polícia encontrou uma sacola plástica com 29 trouxas de substância análoga a maconha, duas munições calibre 12 e R$ 2,00 de moedas. As guarnições do CPSU da 2ª Cia/ 4ºBPM, juntamente com as guarnições de Rádio Patrulha de Mulungu, Alagoinha, Força Regional, guarnição do Pelotão Rural de Duas Estradas e do CPU do 4º BPM estavam juntas na operação.

Anúncio


Alguns policiais seguiram a operação a pé e ficaram em torno de onde o material ilícito foi encontrado. Três indivíduos apareceram saindo do matagal e apontaram uma arma de grosso calibre contra os policiais, os quais revidaram e atiraram contra os suspeitos, que conseguiram fugir novamente.

Um rastro de sangue foi encontrado na rua e seguindo ele os policiais localizaram 04 (quatro) munições pinadas e 1 (uma) intacta. Em buscas pelos indivíduos, os policiais entraram em quintais de várias casas e em uma delas foi encontrado uma espingarda calibre 12 carregada com 6 (seis) munições intactas, prontas para uso.

As diligências continuaram com a ajuda do Comando de Operações Aéreas, com o uso de drones, no entanto até o momento, nenhum suspeito foi localizado. Todo material encontrado foi apreendido e encaminhado para a delegacia em Guarabira para seguir os trâmites legais.

FontePB

Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem com quase 10 quilos de maconha

Publicados

em

A Polícia Civil da Paraíba prendeu um homem com aproximadamente 10 quilos de maconha, nessa segunda-feira, 08 de abril. O flagrante aconteceu no momento em que o investigado chegava a uma residência, no bairro do Varadouro, em João Pessoa.

A investigação é da 4ª Delegacia Seccional (sede em Bayeux) e aponta que a droga foi trazida do interior da Paraíba para ser comercializada na região metropolitana de João Pessoa. O homem preso não tem histórico criminal registrado, mas estava sendo monitorado após informações obtidas pelas equipes da 4ª DSPC. 

Anúncio


Com a prisão do suspeito, a Polícia Civil investiga outros envolvidos no tráfico de drogas na capital paraibana.

Ascom 

Rate this post
Anúncio


Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas