Conecte-se conosco

Policial

Aglomerações, poluição sonora e prisões marcam o período de carnaval na Paraíba

Publicados

em

Foi encerrada na manhã desta quarta-feira (17) a operação realizada pelas forças de segurança do Estado no período destinado aos festejos carnavalescos, que foram suspensos este ano. Por causa da pandemia, a atuação da Polícia Militar, da Polícia Civil e do Corpo de Bombeiros Militar foi diferente: mais de 3 mil profissionais trabalharam no combate ao crime e também às aglomerações, para evitar a proliferação do novo coronavírus, de forma integrada com a Vigilância Sanitária, Procon, Guardas Municipais e Sudema.

Como resultado dessa ação conjunta: 18 bares e outros estabelecimentos foram notificados ou fechados com apoio da PM em João Pessoa. Todos por descumprirem medidas sanitárias estabelecidas em decretos estaduais, e quase 45 mil reais em multas foram aplicadas por poluição sonora (11 autos de infração e 7 aparelhos de som apreendidos).

O número de mandados de prisão cumpridos dobrou em relação ao carnaval do ano passado. Foram 14 este ano contra 7 cumpridos no período de 21 a 25 de ferreiro de 2020. 216 pessoas foram conduzidas até as delegacias por vários tipos de crime, com destaque para a prisão do suspeito de liderar o tráfico na comunidade Torre de Babel, no bairro do Valentina, na zona sul de João Pessoa. 47 armas de fogo apreendidas em todo o estado. Esse número representa um aumento de 88% em relação ao período do carnaval do ano passado. 32 veículos com registros de roubos foram recuperados.

Nas delegacias de Polícia Civil foram instaurados 150 procedimentos entre flagrantes, inquéritos por portaria, procedimentos especiais de menor infrator e Termos Circunstanciados de Ocorrência (TCO). O total de Boletins de Ocorrências registrados foi de 394 presencialmente e 1013 na modalidade on-line, por meio do endereço www.delegaciaonline.pb.gov.br

Em relação à violência contra a mulher, 39 procedimentos foram instaurados e confeccionadas 47 medidas protetivas.

O Corpo de Bombeiros, que empregou operacionalmente homens e mulheres nas diversas áreas de atuação da instituição em todo território paraibano, realizou 2.425 atendimentos entre emergência e ações de prevenção. Não foi registrado nenhuma morte por afogamento, bem como acidente de trânsito grave.

Redução de homicídios – De acordo com os números do Núcleo e Análise Criminal e Estatística (Nace) da Secretaria de Estado de Segurança e da Defesa Social (Sesds), o período (sexta a terça-feira) deste ano foi o terceiro melhor dos últimos dez anos, no que se refere à redução de Crimes Violentos Letais Intencionais – CVLI, que são os homicídios dolosos ou qualquer outro crime doloso que resulte em morte.

Os destaques são a 2ª Região Integrada de Segurança Pública, que durante o período registrou um homicídio, que aconteceu na sexta feira, na cidade de Queimadas – e a 3ª Região Integrada de Segurança Pública que, como no ano anterior, computou apenas dois assassinatos, sendo um em Cajazeiras e outro em Jericó.

Assessoria/PMPB

Rate this post

Policial

Polícia Civil da Paraíba, Pernambuco e Ceará prendem investigados por roubo de cargas

Publicados

em

Uma operação das polícias civis da Paraíba, Pernambuco e Ceará prendeu nessa quinta-feira, 13 de janeiro, três homens investigados por roubos de carga e tráfico de armas. A Operação Transbordo é da Polícia Civil pernambucana, com o apoio dos outros dois estados.

Na Paraíba, equipes da Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) e do Grupo Tático Especial (GTE) de Patos cumpriram um mandado de prisão e dois mandados de buscas domiciliares, nas cidades de Campina Grande e Maturéia. O homem preso tem 34 anos de idade e é investigado por compor uma organização criminosa especializada em roubo de cargas.

De acordo com o delegado Victor Melo, da DRACO, outros dois integrantes da quadrilha foram presos em Pernambuco e no Ceará. Três armas de fogo foram apreendidas durante a operação. 

O preso na Paraíba aguarda decisão judicial para ser transferido ao estado de Pernambuco.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Polícia Civil evita homicídio no Centro de Mamanguape

Publicados

em

Assessoria/PCPB

Policiais civis de Mamanguape evitaram um homicídio na manhã desta quarta-feira, 12 de janeiro, em frente a uma farmácia daquele município. A vítima chegou a ser ferida a facadas, mas o agressor foi preso em flagrante pelos investigadores.

De acordo com o delegado seccional Sylvio Rabelo, os policiais cumpriam diligências nas proximidades e foram informados pela Delegacia Seccional de que estava ocorrendo uma tentativa de homicídio no local indicado.

“As equipes, então, foram até o local e conseguiram desarmar o agressor, prendendo-o em flagrante. A ação despertou aplausos da população que presenciou o fato”, disse Sylvio Rabelo.

A vítima foi levada para o hospital da cidade, onde foi atendida. O homem ferido não corre risco de morte.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Polícia Civil prende homem e recupera objetos roubados que somam mais de R$ 20 mil

Publicados

em

A Polícia Civil da Paraíba, a partir de investigações realizadas pelo Núcleo de Homicídios e Repressão Qualificada de Cabedelo, prendeu, nesta quarta-feira, 12, um homem suspeito de vários roubos e recuperou mais de R$ 20 mil em produtos subtraídos das vítimas. 

Segundo o delegado Diego Garcia, o homem foi preso em flagrante e entre os objetos roubados estavam em seu poder uma câmera fotográfica profissional, um drone e diversos aparelhos celulares, além de munições de pistola e um coldre balístico. Todos esses objetos foram  encontrados na casa do suspeito de cometer o crime.

“As investigações, que fazem parte de uma serie de ações que visam inibir tais crimes, continuam durante toda a estação de Verão e pretende, em breve, tirar de circulação mais investigados”, destacou Diego Beltrão.

A população pode colaborar com a Polícia Civil fazendo qualquer tipo de denúncia através do número 197 (Disque-Denúncia). A ligação é gratuita e anônima, sendo garantido sigilo absoluto. 

Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas