Conecte-se conosco

Policial

Padre é afastado pela Arquidiocese de Natal por suspeita de abuso sexual de adolescente

Caso teria acontecido no último fim de semana em São Gonçalo do Amarante.

Publicados

em

Pixabay/ilustração

Um padre que atua em São Gonçalo do Amarante, na região metropolitana de Natal, foi afastado das funções ministeriais durante uma investigação sobre suposto abuso sexual de um adolescente.

A informação foi confirmada pela Arquidiocese de Natal. O arcebispo Dom Jaime Vieira Rocha determinou o afastamento do padre e a instauração de uma investigação prévia. A medida foi tomada na última terça-feira (18).

“A dimensão e a gravidade da denúncia obrigam a assumir o compromisso pela verdade, justiça e reparação dos danos. Nesse sentido, a Arquidiocese de Natal se colocará à disposição das autoridades civis para que o caso seja elucidado em vista do bem das partes e da própria Igreja”, afirma a nota divulgada pela igreja.

g1 procurou o padre por telefone, mas não teve as ligações atendidas.

Denúncia

O caso veio à tona após a denúncia da mãe de um adolescente de 14 anos, que teria sofrido um abuso na igreja, no último domingo (16). Segundo a mulher, que terá a identidade preservada, o caso aconteceu dentro da sacristia.

Ela contou que o filho conheceu o religioso há cerca de três meses e o padre pediu que ele e os amigos ficassem indo à igreja, incluindo os adolescentes em atividades religiosas. Segundo a mãe, o filho era levado para lanches e inclusive passou a receber R$ 200 do padre para que retirasse os dízimos e ofertas.

“Domingo passado meu filho me ligou pedindo para eu ir buscá-lo o mais rápido possível na igreja. Eu perguntei o que tinha acontecido, mas ele não quis falar na hora. Depois que eu cheguei, ele contou que tinha ido tomar água, quando o padre chegou, abraçou ele, ficou chupado a orelha dele, beijando o pescoço e empurrando ele contra a parede”, disse a mãe.

De acordo com ela, o jovem se desvencilhou do padre e saiu da igreja. Após deixar o local, o menino ainda revelou à mãe conversas com o padre por meio de um aplicativo de mensagens. Em um dos diálogos, o religioso teria perguntado ao adolescente se ele gostava de homem ou de mulher. Em outro, ele relatou ao garoto que estava na cama “como veio ao mundo”.

A família decidiu registrar um boletim de ocorrência na delegacia do município na segunda-feira (17).

“Meu filho está traumatizado, quando vê um carro parecido, acha que é ele (padre), não está conseguindo raciocinar direito na escola. Vamos levá-lo a um psicólogo”, relatou a mãe.

De acordo com ela, após o caso do seu filho ser divulgado, outras duas denúncias teriam sido feitas por famílias da região.

Segundo a Polícia Civil de São Gonçalo do Amarante, o jovem e a mãe deram depoimento sobre a suposta importunação sexual na última terça-feira (18). Outro adolescente foi ouvido pela corporação na quarta (19) e outro foi convidado a prestar depoimento nesta sexta (21). O padre deverá ser ouvido pela corporação no início da próxima semana.

Do G1 RN

Rate this post

Policial

Polícia Civil prende três condenados por tráfico de drogas na região de Sapé

Publicados

em

Três homens já condenados por tráfico de drogas foram presos nesta sexta-feira, 20 de janeiro, por policiais civis da 24ª Delegacia Seccional, sediada em Sapé. As prisões ocorreram neste município e na cidade de Mari.

Apesar de já estarem sentenciados, eles estavam na condição de foragidos e/ou procurados pela justiça. De acordo com as investigações, eles também têm envolvimento com crimes de roubo.

A justiça já foi comunicada dos mandados de prisão cumpridos.

Seis municípios

Sediada em Sapé, a 24ª DSPC é responsável também pelas investigações nos municípios de Mari, Caldas Brandão, Riachão do Poço, Sobrado e Gurinhém.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Polícia Militar apreende arma de fogo, munições e colete com suspeito de tráfico

Publicados

em

O policiamento preventivo segue intensificado na região norte de João Pessoa. Na noite da última quarta-feira (26) a Polícia Militar apreendeu uma arma de fogo, mais de 20 munições e até um colete balístico que estavam com um suspeito de 33 anos de idade que foi preso.

A ação foi realizada pelos policiais do 1º Batalhão, que realizavam rondas na região do bairro de Mandacaru. De acordo com o comando da Unidade, ao perceber a chegada da PM na região, um grupo de suspeitos conseguiu fugir mas um deles foi capturado em uma casa. No local, os policiais também encontraram um revólver calibre 38, 24 munições, um colete balístico e 13 porões de substância semelhante à maconha, além de dinheiro (foto abaixo).

Todo o material e o suspeito preso foram encaminhados para a Central de Flagrantes. Novas ações devem acontecer nos próximos dias.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

João Pessoa

Operação prende acusados de homicídios, roubos e tráfico de drogas na grande João Pessoa

Publicados

em

As Polícias Militar, Civil e Penal cumpriram, nas primeiras horas da manhã desta quinta-feira (26), 18 mandados de prisão contra acusados de homicídios, roubos, tráfico de drogas e outros crimes, na Grande João Pessoa (foto acima).

A operação mobilizou 150 policiais, com apoio do helicóptero Acauã e drones, e aconteceu em vários bairros de João Pessoa e Santa Rita. Na capital, os principais bairros foram Mandacaru, Rangel e Gramame.

Os presos foram levados para a Central de Polícia, no Geisel.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas