Conecte-se conosco

Policial

Polícia Militar prende cinco acusados por crimes patrimoniais na orla de João Pessoa

Publicados

em

Cinco pessoas já foram presas pela Polícia Militar por crimes patrimoniais na região da orla de João Pessoa, entre a última segunda-feira e a tarde desta terça-feira (26). Um dos acusados já respondia por outros delitos, mas havia saído do presídio há cerca de 10 dias com alvará de soltura (foto acima ilustrativa). As prisões são resultado das ações preventivas do Batalhão Especializado em Policiamento Turístico (BEPTur).

As últimas prisões ocorreram na noite de segunda e manhã de hoje. “Durante a noite de ontem, frustramos um assalto contra uma mulher, no bairro de Manaíra, onde o acusado usava um simulacro de pistola para cometer o crime (foto abaixo). Esse mesmo acusado já estava preso pelo cometimento de outros crimes, mas há dez dias havia sido colocado em liberdade com um alvará de soltura”, explicou o major Bruno, comandante do BEPTur.

Anúncio


Nesta terça, uma motocicleta roubada foi recuperada, e o suspeito que estava com o veículo foi autuado por receptação. Outras duas prisões e uma apreensão de adolescente ocorreram na segunda, contra um homem procurado pela Justiça por um crime de roubo, em Tambaú, e uma dupla que tentou assaltar na praia do Bessa, tendo o delito sido frustrado pelos policiais, e os pertences devolvidos à vítima. Novas ações preventivas devem ocorrer.

Assessoria

Rate this post
Anúncio


Policial

Polícia Civil prende em flagrante homem que recebeu 20 quilos de maconha enviada do Paraná

Publicados

em


A Polícia Civil da Paraíba, em ação realizada por equipes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) e Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (DCCPAT), prendeu em flagrante, nessa sexta-feira, 19 de abril, um homem investigado por tráfico de drogas.

O criminoso estava sendo monitorado pelas equipes policiais e foi surpreendido quando recebia grande quantidade de ‘Skank’, variedade de Cannabis com maior concentração de substâncias psicoativas. 

Anúncio


O investigado aguardava a encomenda em uma agência transportadora. De acordo com as investigações, a droga veio do estado do Paraná. Foram apreendidos 20 tabletes da substância, que estavam acondicionados em embalagens de chá de Erva-mate. 

As investigações tiveram início com a uma informação repassada ao Disque-Denúncia 197, da Polícia Civil.

Sigilo total

A PCPB dispõe do site https://197.pc.pb.gov.br/ A ferramenta possibilita o envio de textos, vídeos e imagens que possam contribuir com as investigações, além do Disque-Denúncia 197. Em qualquer das opções, o usuário não precisa se identificar. O sigilo é absoluto.

Ascom

Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Policial

OPERAÇÃO TIRADENTES: Polícia Militar impede ataque de grupo criminoso e apreende três armas em Santa Rita

Publicados

em

O reforço da Operação Tiradentes, conduzida pela Polícia Militar, impediu um ataque de um grupo criminoso, resultando na prisão de quatro suspeitos e na apreensão de três armas de fogo e drogas. A ação ocorreu na noite deste sábado (20) no distrito de Várzea Nova, em Santa Rita.

Os policiais militares do 7º Batalhão receberam denúncias sobre um possível confronto armado entre grupos criminosos naquela localidade e montaram um cerco na região. Dezesseis munições intactas e drogas também foram apreendidas e encaminhadas para a delegacia, juntamente com os acusados e as armas.

Ascom

Anúncio


Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Policial

DDF: Polícia Civil prende correspondente bancário que confessou intermediar empréstimos fraudulentos

Publicados

em

A Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Defraudações e Falsificações (DDF) da Capital, prendeu em flagrante, nessa sexta-feira, 19 de abril, um consultor de correspondente bancário que aplicava golpes em aposentados do INSS. A prisão contou com o apoio da Unintelpol/PCPB, da Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (DCCPAT) e da Delegacia de Acidentes de Veículos (DAV).

O alvo da investigação é um escritório de uma empresa situada no centro de João Pessoa, para onde as vítimas eram atraídas com falsas promessas de benefícios, mas, na realidade, deixavam o local apenas com juros de empréstimos a pagar.

Anúncio


O investigado confessou que intermediava empréstimos indevidos, visando unicamente bater uma meta mensal, fixada pela empresa, e que poderia chegar a R$ 300 mil em contratações. Em troca, o investigado recebia comissões de até 10% dos valores contratados.

A prática é nacionalmente conhecida como “Golpe da Selfie”, tendo em vista que a validação da contratação é feita por meio de uma fotografia da vítima, encaminhada por aplicativo de assinatura digital.

Em levantamento realizado pela DDF, foi constatada a existência de pelo menos 48 ações cíveis ajuizadas em desfavor da empresa alvo da ação policial, em razão da mesma prática e tendo como vítimas aposentados do INSS.

Foram conduzidos e ouvidos os 13 funcionários da empresa, sendo um deles autuado em flagrante delito e posteriormente encaminhado à carceragem da Cidade da Polícia Civil, onde deverá permanecer à disposição da justiça. As proprietárias da empresa já foram identificadas e serão ouvidas nos próximos dias.

Ascom

Rate this post
Anúncio


Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas