Conecte-se conosco

Policial

Polícia faz perícia em carro alegórico que atropelou 20 pessoas na Sapucaí

Publicados

em

Foto: Agência Brasil

A Polícia Civil abriu hoje (27) uma investigação para apurar as circunstâncias do atropelamento de 20 pessoas por um carro alegórico na Marques de Sapucaí. O incidente ocorreu nesse domingo (26), na concentração do desfile da Paraíso do Tuiuti, e alguns feridos chegaram a ser espremidos contra uma grade.

Após o atropelamento, o carro seguiu até o fim do desfile, e agentes impediram que o veículo fosse retirado do Sambódromo. A alegoria passou por uma primeira perícia na dispersão e deve ser vistoriada novamente ao longo do dia. Os policiais também vistoriaram o trecho do Sambódromo onde houve a colisão contra a grade e as cabines de transmissão.

Oito pessoas foram levadas a hospitais municipais, sendo os três casos mais graves para o Hospital Souza Aguiar e os outros cinco para o Miguel Couto. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde informou por volta de 3h, as vítimas estavam acordadas e estáveis, e os quadros cirúrgicos ainda estavam sendo avaliados.

Mais 12 pessoas se feriram e foram liberadas após atendimento nos postos médicos do Sambódromo.

Investigação

O delegado da 6ª Delegacia de Polícia, da Cidade Nova, William Lourenço, disse que ainda é cedo para falar em responsáveis pelo ocorrido. Segundo ele, as vítimas começarão a ser ouvidas depois da perícia.

Poucas horas depois do acidente, o motorista do carro alegórico não havia sido identificado. O caso foi registrado como lesão corporal culposa.

Em nota, a escola Paraíso do Tuiuti disse lamentar profundamente o ocorrido. “A diretoria da escola manifesta o seu pesar e prontifica-se a prestar esclarecimentos assim que todas as causas do acidente forem apuradas. Esclarecemos que ofereceremos toda a assistência necessária às vítimas deste irreparável episódio. Informamos que a alegoria envolvida no acidente será periciada pela Polícia Civil.”

Com informações da Agência Brasil

Policial

Em Bayeux: Adolescente é apreendido com quase 200 embalagens de drogas

Publicados

em

Foto: Divulgação/PMPB

Um adolescente de 16 anos foi apreendido por suspeita de ter ligação direta com o tráfico de drogas, nessa quarta-feira (23), no bairro Alto da Vista, na cidade de Bayeux. Com ele, foram apreendidos 127 porções de crack e outras 27 de maconha. Os entorpecentes estavam prontos para a venda.

O jovem foi abordado pelos policiais da Força Tática da 4ª Companhia Independente da PM (4ª CIPM) na principal do bairro, a avenida Marechal Rondon. Parte da droga estava com ele, a outra parte escondida em um terreno e ainda houve apreensão na residência dele.

O caso foi levado para a 6ª Delegacia Distrital, em Santa Rita.

Fonte: pm.pb.gov.br

Continue lendo

Policial

Em Sertãozinho: Motorista atropela e ciclista morre

Publicados

em

Um acidente no final da tarde desta sexta-feira (25) deixou um ciclista morto numa rodovia, na saída de Duas Estradas para Sertãozinho, Agreste paraibano.

De acordo com as informações, um ciclista por nome de Carlos Campelo que é motorista da prefeitura de Sertãozinho, foi atingido por um carro conduzido por um jovem da cidade de Duas Estradas. Com o impacto da colisão, o ciclista teve ferimentos graves e foi socorrido por uma equipe do SAMU, mas não resistiu e foi a óbito.

O motorista teve ferimentos leves e também foi socorrido para o hospital. Um inquérito policial foi aberto pela Polícia Civil para investigar as causas do acidente que tirou a vida do cidadão, querido na cidade em que morava com sua família.

Nas redes sociais amigos lamentam o ocorrido:

Fonte: Blog do Felipe Silva via Portal 25 Horas

Continue lendo

Policial

CNJ aprova restrição para soltura de presos por covid-19

Publicados

em

Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) aprovou hoje (22) a resolução que restringiu os casos em que presos podem ser soltos em função da covid-19. Na semana passada, o presidente do conselho, ministro Luiz Fux, assinou a recomendação, mas a norma ainda dependia de aprovação pelo plenário. A votação foi unânime.

De acordo com a Recomendação nº 78, pessoas acusadas de corrupção, lavagem de dinheiro, crimes hediondos e violência doméstica não poderão ser beneficiadas com a revisão da prisão provisória ou do regime de cumprimento de pena.

A decisão do ministro restringe a Recomendação nº 62, editada em março pelo ex-presidente Dias Toffoli. A norma anterior do CNJ abria a possibilidade de soltura a todos os presos.

Pelas duas resoluções do CNJ, juízes e tribunais devem reavaliar a necessidade das prisões efetuadas para evitar a propagação do novo coronavírus nas penitenciárias.

Devem ter prioridade os casos de gestantes, lactantes, mães ou pessoas responsáveis por criança de até 12 anos, idosos, indígenas, pessoas deficientes ou que se enquadrem no grupo de risco.

Na sessão desta tarde, o CNJ também aprovou uma resolução para estabelecer cotas raciais nas seleções de estagiários nos tribunais do país.

Fonte: Agência Brasil

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas