Conecte-se conosco

Policial

Polícia Federal prende suspeitos de desvio de dinheiro de bancos

Foto: Divulgação

Publicados

em

Uma organização criminosa que desviava dinheiro de contas bancárias, fraudando os sistemas informatizados, é alvo da Operação Bandeirantes, deflagrada hoje (7) pela Polícia Federal (PF). Estima-se que em 2018 o grupo tenha desviado R$ 30 milhões.

De acordo com as investigações, os autores das fraudes recrutavam estagiários e empregados terceirizados de bancos para que instalassem equipamentos que permitiam a invasão dos sistemas por parte de integrantes da quadrilha.

Desde as primeiras horas da manhã desta sexta-feira,  40 policiais federais cumprem quatro mandados de prisão preventiva e três de prisão temporária, além de oito buscas e apreensões, em endereços em Brasília, Goiânia e São Paulo. Os mandados foram expedidos pela 10ª Vara Federal do Distrito Federal.

Segundo a PF, as investigações, iniciadas em 2016, constataram que o grupo criminoso lesou contas de clientes de instituições financeiras em Alagoas, Rio Grande do Norte, Goiás, Santa Catarina, São Paulo e no Distrito Federal.

“Com acesso aos dados dos clientes, por meio de senhas de servidores das instituições financeiras, os criminosos transferiram valores de correntistas para contas de integrantes da organização”, disse a Polícia Federal.

O nome da operação – Bandeirantes – é uma referência à denominação dada aos sertanistas do período colonial que, a partir do início do século 16, penetraram no interior do Brasil em busca de riquezas minerais, sobretudo, ouro e prata.

Faz-se uma alusão à atuação do grupo investigado, que praticou fraudes em diversos estados, de Norte a Sul do país.

Fonte: Agência Brasil

Polícia Federal prende suspeitos de desvio de dinheiro de bancos
Avalie esta postagem
Apoio

Policial

Adolescente de 17 anos é apreendido por policiais em Guarabira e reconhecido por vítima de roubo em Sertãozinho

Publicados

em

Um adolescente de 17 anos de idade suspeito de ato infracional semelhante a roubo foi apreendido por policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) na noite dessa quinta-feira (14), no centro de Guarabira e, posteriormente, foi reconhecido por uma vítima como sendo o autor de um roubo que teria sido praticado na quarta-feira (13), na cidade de Sertãozinho. A guarnição comandada pelo soldado Paiva realizava rondas quando visualizou o adolescente que, segundo era do conhecimento dos policiais, teria realizado o roubo ao estabelecimento comercial.

De acordo com o relato de uma das vítimas, proprietária do estabelecimento, de posse de uma arma de fogo, o adolescente teria levado uma quantia em dinheiro dela e de um representante comercial que também estava no local no momento, fugindo em seguida. Após a abordagem policial, o adolescente foi conduzido, junto com a mãe, para a delegacia, onde também compareceu uma das vítimas, que fez o reconhecimento.

Ainda em Guarabira, a guarnição do CPU (Coordenador de Policiamento da Unidade), comandada pelo tenente Galdino, realizou o patrulhamento nas proximidades do Canal do Juá quando se deparou com um homem em atitude suspeita, conduzindo uma moto. Ao visualizar a aproximação da viatura, ele empreendeu fuga com velocidade incompatível com a via. A guarnição começou a seguir a moto e deu sinal de parada, mas o suspeito desobedeceu e continuou a fugir, realizando manobras de alto risco por várias ruas da cidade.

Após longa perseguição, a guarnição conseguiu efetuar a parada do suspeito, que ainda tentou fugir a pé, mas foi imobilizado e algemado. Ele foi conduzido à delegacia, onde foi autuado em flagrante por desobediência e direção perigosa.

Assessoria/4º BPM

Adolescente de 17 anos é apreendido por policiais em Guarabira e reconhecido por vítima de roubo em Sertãozinho
Avalie esta postagem
Continue lendo

Policial

Policiais prendem dois e apreendem um adolescente acusados de homicídios em Belém

Publicados

em

Na tarde desta quarta-feira (13), policiais militares e civis prenderam dois homens e apreenderam um adolescente de 17 anos de idade suspeitos de envolvimento em dois homicídios registrados na cidade de Belém. Uma arma de calibre indefinido foi apreendida com um dos suspeitos, que estava escondido na residência da sua mãe, em um assentamento em Araçagi. A outras prisão e apreensão aconteceram em Belém, onde os dois residem.

Um dos homens presos teve dois irmãos detidos por policiais militares no dia 1º deste mês, através do cumprimento de mandados de prisão. Eles são acusados de integrar uma facção criminosa responsável pela prática de vários crimes na região do Brejo.

Participaram da operação integrada policiais da guarnição do Comando e da 3ª Companhia do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar), sob o comando do capitão Leite, e do GTE (Grupo Tático Especial) da 8ª Delegacia Seccional de Polícia Civil.

Todos os detidos foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para serem adotadas as medidas previstas em lei.

Assessoria/4º BPM

Policiais prendem dois e apreendem um adolescente acusados de homicídios em Belém
Avalie esta postagem
Continue lendo

Policial

Quadrilha especializada em roubo de caminhões de carga é presa em Guarabira

Publicados

em

Foto: Divulgação/PM

No início da manhã desta terça-feira (12), a Polícia Civil e a Polícia Militar deflagram a Operação Nefasta (deusa da destruição). Na cidade de Guarabira, foram cumpridos 5 mandados de prisão expedidos pela comarca de Mamanguape contra PEDRO PAULO AVELINO FERNANDES, ELISSON EVARISTO DA COSTA, DIOMAR PEREIRA e o casal MAGNA DA SILVA INÁCIO e WELLINGTON DA CONCEIÇÃO (presidiário local).

Os acusados são membros de uma quadrilha especializada em roubo a caminhões de carga. Além desses mandados, outros foram cumpridos na região Mamanguape, onde teve início a investigação após um crime lá praticado, no ano de 2018.

O grupo ainda foi responsável por roubar um revólver de um vigilante do campus da UFPB de Areia, em 2018. Os acusados estão sendo interrogados na Central de Polícia de Guarabira e encaminhados ao presídio Vicente Claudino de Pontes.

De acordo com a Polícia Civil, foram presos dois grupos criminosos. Um deles, em Guarabira, era responsável pelo roubo de veículos de carga, momento em que sequestravam os motoristas. Depois que roubavam todos os pertences, liberava.

A prisão que aconteceu em Baía da Traição também tem ligação com esse grupo. O homem preso é suspeito de fazer o levantamento de quais veículos de carga seriam roubados.

Fonte: Polícia Civil via Portal 25 Horas

Quadrilha especializada em roubo de caminhões de carga é presa em Guarabira
Avalie esta postagem
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas