Conecte-se conosco

Brejo/Agreste

Iniciadas primeiras colunas de concreto para ampliação da ponte central de Pilõezinhos

Publicados

em

A Prefeitura de Pilõezinhos, através da Secretaria de Infraestrutura, deu início a concretagem das primeiras colunas para a ampliação da ponte central do município, que fica localizada na Praça São Sebastião, no centro da cidade, no último sábado (22).
Esta ampliação da passagem molhada do centro da cidade dará maior possibilidade para tráfego de veículos de grande porte, e ainda possibilitará também, mais espaço para a realização dos eventos tradicionais do município, a exemplo da festa do padroeiro São Sebastião.
A prefeita Mônica Cristina esteve acompanhando, junto ao secretário de infraestrutura Fabrício Almeida, toda a realização das implantações das primeiras colunas de concreto que foram colocadas na manhã deste sábado.
“Graças a Deus estamos realizando um sonho que há muitas décadas a população esperava por este feito. Deixo aqui meus sinceros agradecimentos ao Governo do Estado pela parceria, por acreditar em nosso trabalho e na nossa gestão. Pois é assim que a gente trabalha, com respeito e, acima de tudo, com compromisso para com o nosso povo”- disse a prefeita Mônica Cristina.
A Gestão Municipal vem trabalhando diariamente para dar melhor condições de vida para a população do município, com realizações de pavimentações, perfurações de poços artesianos, melhoria nas estradas da zona rural do município. Além da realização dos pagamentos dos funcionários devidamente em dia, bem como o terço de férias e décimo terceiro salário.
Assessoria/PMP

Iniciadas primeiras colunas de concreto para ampliação da ponte central de Pilõezinhos
Avalie esta postagem
Apoio

Brejo/Agreste

Lei que torna 2019 o “Ano Jackson do Pandeiro” é sancionada em Campina Grande

Publicados

em

O Projeto de Lei de autoria do vereador Renan Maracajá (PRB), que institui 2019 como o “Ano Jackson do Pandeiro” foi sancionado e publicado no Semanário Oficial 2.601 da Prefeitura Municipal de Campina Grande e tornou-se a Lei 7.064, alusiva ao centenário de nascimento do artista e prevê uma série de homenagens do dia 01 de Janeiro a 31 de Dezembro de 2019, com atividades que envolvam pesquisa, vídeos, documentários, fotos, arte, música, fatos e tudo mais que possibilite maior conhecimento sobre a expansão, resgate da obra e da vida do Rei do Ritmo.

Jackson do Pandeiro, nome artístico de José Gomes Filho, nascido em Alagoa Grande, 31 de agosto de 1919, falecido em Brasília no dia 10 de julho de 1982, aos 62 anos. Foi cantor e compositor de forró e samba brasileiro, se destacando pela habilidade com o pandeiro e como letrista de inúmeros sucessos como baião, xote, xaxado, coco e outros, marcando época por sua versatilidade e talento, cuja discografia registra mais de 300 músicas. A obra de Jackson do Pandeiro é ainda hoje uma rica referência em várias partes do mundo, se constituindo num importante divulgador de Campina Grande, não apenas por onde passava, mas, principalmente por imortalizar esta cidade nas letras das suas músicas.

A lei decreta que Prefeitura Municipal, todas as secretarias e a Câmara Municipal de Campina Grande, utilizem o logotipo oficial ou referências a ‘’2019 – Ano Jackson do Pandeiro” em todo e qualquer material de expediente, seja graficamente impresso ou eletrônico no decorrer do ano de 2019. O poder executivo coordenará ainda a programação dos eventos institucionais comemorativos ao centenário junto às escolas públicas municipais.

Para o vereador Renan Maracajá, toda ações realizadas em homenagem a Jackson do Pandeiro são insuficientes comparadas com a sua contribuição para cultura brasileira, nordestina e por difundir nome de Campina Grande e da Paraíba para o mundo em forma de música. Destacou ainda que esta lei traz à tona toda a importância da sua obra e valoriza a nossa música, traduzindo o valor do nossos talentos e divulga Campina Grande exatamente na sua força maior que é o forró.

Fonte: blogdobrunolira

Lei que torna 2019 o “Ano Jackson do Pandeiro” é sancionada em Campina Grande
Avalie esta postagem
Continue lendo

Brejo/Agreste

Cadastramento para fiscal do Concurso da Prefeitura de Pilõezinhos acontece até a próxima quarta, 26

Publicados

em

Está aberto, até a próxima quarta-feira (26),  o prazo de cadastramento para os interessados em trabalhar como fiscal durante a aplicação das provas do Concurso Público da Prefeitura de Pilõezinhos. As vagas são destinadas a servidores  do Centro de Humanidades e da educação básica de ensino municipal e estadual.

Para efetuar o cadastro, é preciso se dirigir à secretaria da Direção do Campus III da Universidade Estadual da Paraíba  (UEPB), nos turnos manhã ou tarde.

Ascom-CH

Cadastramento para fiscal do Concurso da Prefeitura de Pilõezinhos acontece até a próxima quarta, 26
Avalie esta postagem
Continue lendo

Brejo/Agreste

Cagepa encontra desvio de água em Alagoa Nova que servia para irrigar capim

Publicados

em

A Cagepa realizou na última semana uma fiscalização na cidade de Alagoa Nova, Brejo paraibano, onde foi detectado desvios e furtos de água para pequenos reservatórios, abastecimento de residências e até para irrigar plantação de capim.

A informação foi divulgada pelo gerente regional da Cagepa, Ronaldo Meneses, durante entrevista à Rádio Campina FM nesta sexta-feira, 05.

Ele disse que foi percebido, no mês de setembro, uma diminuição na vazão do volume de água que provocou um desabastecimento na cidade.

– Inicialmente investigamos se era um problema de ordem eletro mecânica no sistema e foi verificado que não havia nenhum problema nessa ordem. Depois percorremos toda a adutora para encontrar o que estava causando essa diminuição de água. Verificamos irregularidades como vazamentos provocados e rompimentos na adutora para que a água fosse desviada, além de ligações clandestinas – disse.

Ronaldo disse que a quantidade de água, que normalmente deve chegar ao município, é de pelo menos 14 litros por segundo e houve dias em que a vazão estava entre 3 e 4 litros por segundo.

Ele ressaltou que as ações foram realizadas junto com a Polícia Militar Florestal. As ligações clandestinas foram retiradas e os reparos realizados e que a mais de 70% da população de Alagoa Nova já está com o abastecimento normalizado.

Ronaldo ainda disse que um relatório será enviado ao Ministério Público para que os responsáveis sejam punidos e alertou que é preciso coibir esse tipo de prática que é crime.

As informações são da Rádio Campina FM

 

Paraiba Online

Cagepa encontra desvio de água em Alagoa Nova que servia para irrigar capim
Avalie esta postagem
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas