Conecte-se conosco

Cidades

Produção de mangaba melhora renda de famílias indígenas

Foto: Secom-PB

Publicados

em

A produção de mangaba por meio do sistema extrativista, com a subvenção do governo com a Garantia de Preços Mínimos (PGPM), está melhorando a renda de centenas de famílias indígenas, mesmo ainda se deparando com a presença de atravessadores. A organização das famílias, a conscientização para a preservação ambiental e as ações que estão melhorando a qualidade de vida vêm sendo empreendidas pela extensão rural desenvolvida pela Empresa Paraibana de Pesquisa, Extensão Rural e Regularização Fundiária (Empaer), a antiga Emater.

Foi no ano de 2015, depois de cadastramento das famílias indígenas, que elas passaram a se beneficiar com a Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio), começando com 179 extrativistas cadastrados. Em 2016, o número de participantes aumentou para 351, mas em 2017 ficou em 295 e, finalmente em 2018 atingiu o número de 597 participantes.

Destaca-se também a quantidade de mangaba colhida e comercializada que foi crescendo a cada ano, passando de 149 mil quilos em 2015, para chegar a mais de 979 mil quilos no ano passado, perfazendo um total de R$ 1.234.410,90 de subvenções pagas, possibilitando para cada família extrativista o valor em R$ 2.067,69.

Como os atravessadores geralmente compram o quilo da mangaba colhida por R$ 1,20, o restante é complementado pela Conab, de modo a garantir o preço mínimo de R$ 2,50 do quilo do produto, garantindo ao extrativista o valor de mercado.

A grande parte da mangaba produzida pelos 300 extrativistas, principalmente nos municípios de Baía da Traição, Rio Tinto e Marcação, é vendida para os mercadores consumidores de Recife, Natal e João Pessoa. Um pé de mangaba produz em média 100 quilos, durante três safras.

Residente na Aldeia Estiva Velha, a agricultora Josélia Ferreira dos Santos desde muito tempo trabalha como extrativista, percorrendo os tabuleiros colhendo mangaba. Sua mãe Emerita da Conceição Ferreira há 50 anos trabalha nessa atividade, na maioria das vezes passando o dia nos tabuleiros.

A extrativista Josélia Ferreira, que reside numa casa junto a da sua mãe, disse que a atividade de colher mangaba melhorou a vida de sua família, inclusive ajudou custear a operação de vista de seu marido. “Tudo o que temos devemos à produção de mangaba”, comentou.
A família trabalha com participação de 30 pessoas e, nesta safra deve chegar a 900 caixas de 25 quilos, cuja unidade é vendida por média de R$ 20,00.

Ela ressaltou que há cinco anos a antiga Emater local, com a participação do extensionista rural José Carlos Felix de Moraes, começou um trabalho de conscientizar a todos da importância de fazer o cadastro para obter os benefícios da Conab. “Houve resistência, mas num trabalho persistente conseguimos que muitos extrativistas se habilitassem e depois do primeiro ano, vendo os resultados, outros também buscaram se inserir. Tanto que, neste ano, chegou a quase 600 participantes. Um bom avanço”, comentou o técnico. José Carlos explicou que os cadastrados foram feitos visitando cada casa, explicando sua importância.

Como funciona – A Política de Garantia de Preços Mínimos para os Produtos da Sociobiodiversidade (PGPM-Bio), executado pela Conab, garante o preço mínimo para 17 produtos extrativistas que ajudam na conservação dos biomas brasileiros, entre os quais está a mangaba.

Com essa política, a PGPM-Bio quer fomentar a proteção ao meio ambiente, contribuindo com a redução do desmatamento, como forma de minimizar os efeitos das mudanças climáticas. A Conab apoia a comercialização e o desenvolvimento das comunidades extrativistas, por meio da Subvenção Direta a Produtos Extrativistas.

Secom-PB

Avalie esta postagem
Apoio

Cidades

Em Araçagi: Policiais do 4º BPM localizam desmanche e apreendem peças e moto roubada

Publicados

em

Foto: Divulgação/4º BPM

Nessa terça-feira (17), policiais do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar), após informações recebidas pelo Copom de que um homem estaria desmanchando uma moto no Sítio Pitomba, zona rural do município de Araçagi, deram início às diligências.

Ao chegarem ao local, os militares constataram a veracidade da informação e, nas proximidades da residência do suspeito, encontraram várias peças de motos, além de uma moto Honda de cor vermelha e placa placa QFZ 4660, com restrição de roubo ou furto.

O homem, suspeito de receptação, juntamente com a moto e as peças apreendidas, foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil.

Assessoria 4º BPM

Avalie esta postagem
Continue lendo

Cidades

Colégio Estadual de Guarabira continua em reforma; em visita, secretário do ODE destaca investimento

Publicados

em

O secretário fez uma postagem nas redes sociais, destacando importância da obra, lembrando que foi uma demanda do ODE.

Um dos mais tradicionais centros de ensino da região está passando por uma transformação em sua estrutura física. A reforma e ampliação da Escola Cidadã Integral José Soares de Carvalho, o conhecido Colégio Estadual de Guarabira, está a pelo vapor e estão sendo investidos mais de R$ 3,5 milhões.

Nesta quinta-feira (19), o secretário-executivo do Orçamento Democrático Estadual, Célio Alves, fez uma visita técnica às obras de reforma, em companhia do diretor da unidade de ensino, Tiago Xavier e do ex-prefeito de Guarabira, Josa da Padaria.

Nas redes sociais, o secretário fez uma postagem destacando importância da obra, lembrando que foi uma demanda da população em audiências do ODE e agradecendo ao governador João Azevêdo pelo investimento.

“Nesta quinta (18), visitei as obras de reforma e ampliação da Escola Cidadã Integral José Soares de Carvalho, em Guarabira, que seguem a todo vapor. Lá, estão sendo investidos R$ 3,5 milhões. É o Governo da Paraíba investindo na educação dos guarabirenses, é a reivindicação do Orçamento Democrático e das lideranças girassóis sendo atendida. Obrigado, governador João Azevêdo! Comigo, na visita, estava o ex-prefeito Josa da Padaria. Fomos recebidos por Thiago e Jacqueline, da direção da escola, e por Divan, representante da construtora responsável pela execução da obra”, escreveu Célio.

Portal25horas

Avalie esta postagem
Continue lendo

Cidades

Duas Estradas: Dia do Evangélico será comemorado neste sábado, 20

Publicados

em

A prefeita Joyce Renally se reuniu com pastores evangélicos em preparação para o Dia do Evangélico em Duas Estradas, a comemoração acontece neste sábado (20), como prevê a lei municipal que dedica o terceiro sábado de Julho para a festa cristã.

O evento, que mais uma vez, conta com o apoio da Prefeitura Municipal de Duas Estradas, é organizado pelas Igrejas Assembleia de Deus, Batista Missionária, Igreja Cristã Evangélica e Assembleia de Deus Ministério Ebenezer, e neste ano contará com a preleção do Evangelista Eduardo Silva e da cantora Gerusa Barros e Banda.

Com o tema “Eis que cedo venho”, a festa religiosa contará com a presença de várias caravanas para um grande dia de louvor e adoração a Jesus Cristo.

Blog do Felipe Silva

Avalie esta postagem
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas