Conecte-se conosco

Policial

‘SUPERMACONHA’: Servidor público é preso pela Polícia Civil suspeito de tráfico de drogas

Publicados

em

A Polícia Civil da Paraíba prendeu nessa terça-feira, 21 de junho, um funcionário público federal, de 40 anos de idade, investigado por tráfico de drogas. A prisão foi realizada pela Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) de João Pessoa, no bairro do Cristo.

O suspeito foi surpreendido pelos policiais quando portava uma caixa com um pacote de skunk, maconha com alto teor de THC. O homem foi levado para a delegacia, onde foi autuado por tráfico de drogas.

Supermaconha

Conhecida como ‘supermaconha’, a Skank é manipulada em laboratório para provocar um efeito quase oito vezes mais forte do que a erva tradicional. “Isso explica a grande procura por essa droga”, disse o delegado Bruno Victor.

Assessoria

Rate this post

Cidades

Polícia Militar vai atuar na segurança de mais de 700 eventos juninos até o fim do mês na Paraíba

Publicados

em

A Polícia Militar vai atuar na segurança de 712 eventos juninos confirmados para este mês, em 174 municípios paraibanos. Para isso, foi montado um planejamento que mobiliza 6.446 policiais. O período é considerado um de maiores demandas operacionais e logísticas para a corporação.

Para 2022, após dois anos sem acontecer eventos juninos, a PM projeta um crescimento de mais de 40% em relação ao número de pessoas que devem participar dos festejos. O policiamento para garantir a segurança dos participantes conta com 816 viaturas (entre carros e motos), 20 vans, 15 ônibus, 87 Pontos de Observação Policiais (POPs) e a tecnologia de quase 250 câmeras, drones e outros recursos para complementar o que vem sendo oferecido pela Secretaria de Estado da Segurança e Defesa Social e prefeituras locais.

Diariamente as ações vêm sendo avaliadas pelo próprio comandante-geral da PM, coronel Sérgio Fonseca, que, além de acompanhar o andamento da operação para a segurança do público, tem destacado a importância de proporcionar toda assistência possível aos policiais que estão trabalhando nesses eventos.

Apesar da demanda, o policiamento nos bairros e comunidades continuará sendo feito de forma normal.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Investigado por roubo de veículos é preso pela Polícia Civil em Alagoa Nova

Publicados

em

Foto: ilustração/PCPB

Uma investigação da Delegacia de Lagoa Seca resultou na prisão de um homem de 20 anos de idade, apontado como autor de roubos de veículos na região. Ele foi preso nesse sábado, 18 de junho, no município de Alagoa Nova. O Grupo Tático Especial (GTE) sediado em Esperança deu apoio na captura do investigado.

De acordo com o delegado seccional Cristiano Santana, o homem preso atuava de forma violenta em suas ações criminosas, sempre ameaçando as vítimas de morte, com o uso de arma de fogo.

“Uma excelente resposta por parte da Delegacia de Lagoa Seca, que, com sua investigação, conseguiu o mandado de prisão preventiva em desfavor desse investigado.

A prisão foi comunicada à justiça. A Polícia Civil continua investigando um dos comparsas desse homem no cometimento dos crimes.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo

Policial

Investigação policial resulta na prisão de homem processado pela justiça em três municípios paraibanos

Publicados

em

Foto: Pixabay/ ilustração

Um procurado da justiça em três municípios paraibanos foi preso nesta quarta-feira, 15 de junho, após uma investigação da Polícia Civil chegar ao seu paradeiro. O trabalho foi realizado pela Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (DCCPAT) de João Pessoa, com o apoio da Secretaria da Administração Penitenciária.

O investigado foi preso no município de Cabedelo. Ele é apontado como autor e/ou partícipe em crimes de roubo, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de uso restrito, além de representar uma facção criminosa na região polarizada por Cajazeiras, no sertão paraibano.

“Estamos investigando alguns crimes patrimoniais aqui em João Pessoa, cuja investigação aponta esse rapaz como linha de frente nas ações”, disse o delegado João Paulo Amazonas.

Uso restrito

As armas de fogo de uso restrito têm um ‘poder de fogo’ mais elevado do que as armas de uso permitido, o que implica uma pena mais severa às pessoas que são presas por infringir a legislação pertinente ao caso.
Como o próprio nome indica, as armas de uso restrito são destinadas apenas a categorias específicas, sendo proibido sua posse ou porte pelo cidadão comum.

Assessoria

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas