Conecte-se conosco

Cidades

Projetos da UEPB são premiados como melhores trabalhos no 25º ENIC

Fotos: Tatiana Brandão

Publicados

em

Dentre os 503 projetos de pesquisa apresentados durante o 25º Encontro de Iniciação Científica (ENIC) da Universidade Estadual da Paraíba, dois do Centro de Humanidades (CH) estão entre os 24 mais bem avaliados pela comissão do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).  Trata-se dos projetos “Produção da oclusiva glotal [?] por falantes brasileiros de inglês L2”, coordenado pelo professor Leônidas José da Silva, e “Questões de alegoria e cultura popular na peça A donzela Joana, de Hermilo Borba Filho”, coordenado pelo professor Eduardo Henrique Cirilo Valones. Ambos lotados no Departamento de Letras do Campus III.

Os docentes, juntamente com seus orientandos, Mariane dos Santos Monteiro Duarte e Rafael Damião de Lima Santos, foram contemplados, respectivamente, com o primeiro e o segundo prêmios na área de conhecimento “Linguística, Letras e Artes”, em cerimônia realizada, nesta quarta-feira (4), em Campina Grande, pela Pró-Reitora de Pós-Graduação e Pesquisa (PRPGP).  As demais categorias avaliadas foram: Ciências da Saúde, Ciências Biológicas, Ciências Sociais Aplicadas, Ciências Exatas e da Terra, Engenharias, Ciências Agrárias e Ciências Humanas.

O reitor Rangel Junior anunciou que todos os projetos premiados vão resultar em uma série de publicações da Editora Universitária (EDUEPB) e, posteriormente, serão transformados em e-book. Em sua fala, ele destacou a importância da manutenção dos trabalhos voltados para a iniciação científica, como ação que dá sentido à Universidade. Rangel ressaltou, ainda, a necessidade de professores e alunos entenderem a educação em todos os níveis como um caminho de descobertas e não somente como ato de ensinar.

Para o reitor, não faz sentido, em uma instituição superior, o ensino sem a pesquisa, embora no futuro nem todos se tornem doutores ou doutoras em suas áreas, devido às mudanças de rumo no curso da vida. “A Universidade deve buscar construir caminhos, abrir vagas e garantir condições para que todas as pessoas possam sair daqui com alguma compreensão do que é fazer pesquisa científica, do que é conhecimento, da realidade e buscar construir, a partir de métodos, a racionalidade para compreender a dinâmica do mundo”, frisou o reitor.

O vice-reitor Flávio Romero Guimarães também parabenizou os estudantes e professores pela premiação e, em um recorte histórico, mostrou a evolução do PIBIC na Instituição. “Para mim, o Programa de Iniciação Científica é, talvez, uma das estratégias pedagógicas mais importantes no que diz respeito a formação, em uma perspectiva integrada e cidadã. Sabemos o diferencial que é um aluno que participa de um programa desse”, destacou.

A pró-reitora de Pós-Graduação e Pesquisa, professora Maria José Lima, parabenizou os estudantes bolsistas e professores premiados e ressaltou a importância da pesquisa na UEPB. Ela observou que a avaliação e a seleção dos melhores trabalhos foi uma tarefa difícil da comissão, devido à qualidade dos projetos, e salientou que a avaliação do CNPq sobre o Encontro de Iniciação Científica foi mais uma vez extremamente positiva. “O ENIC foi elogiado pela qualidade dos trabalhos que foram apresentados. Alguns dos trabalhos avaliados pelo CNPq tinham perfil de dissertações e eles ficaram impressionados”, destacou. Maria José lembrou que a UEPB, apesar da crise, manteve o investimento na pesquisa, bancando inclusive uma cota de bolsas superior às ofertadas pelo CNPq.

O professor Carlos Henrique Salviano, coordenador geral de pesquisas da UEPB, enfatizou a relevância dos trabalhos apresentados do ENIC e salientou o quanto é enriquecedor para o aluno da graduação estar envolvido com a pesquisa científica, uma vez que ela agrega conhecimento, enriquece o currículo e dá perspectivas de um trabalho comprometido com a sociedade. “A iniciação científica é um diferencial acadêmico na graduação que abre horizontes de estudos para uma carreira acadêmica produtiva e de impacto social. O aluno que faz pesquisa científica se sobressai na sua formação”, destacou.

Realizado entre 6 a 8 de novembro desde ano, o ENIC reuniu mais de 1.500 estudantes das diversas áreas do conhecimento, tendo como tema principal “Sociedade, Educação, Ciência e Tecnologia”. A Iniciação Científica é um programa coordenado pelo Conselho Nacional de Ciência e Tecnologia que, desde 1952, vem estimulando os estudantes de graduação a enveredar pela pesquisa. Os graduandos da UEPB têm participado ativamente do programa, desenvolvendo pesquisas nas mais variadas linhas do conhecimento.

Confira a relação completa dos trabalhos premiados clicando AQUI.

 

Por Severino Lopes/ Simone Bezerrill

Avalie esta postagem
Apoio

Cidades

FIAN é sucesso de público em sua segunda edição em Guarabira. Confira!

Publicados

em

Fotos: brejo.com

O Centro de Documentação Cel. João Pimentel – CEDOC se tornou, na noite desta quarta-feira (22), o palco das cores e das formas com a abertura do Festival Internacional de Arte Naif (FIAN), que entra em sua segunda edição atraindo os olhos do Brasil e do mundo com a exposição de 174 obras pertencentes a 115 pintores de 13 países durante 40 dias.

O prefeito Zenóbio, o vice Marcus Diogo, a primeira-dama Léa, representantes da Administração Municipal e os vereadores Elias Filho e Renato Toscano estiveram presentes, tal como a deputada Camila Toscano, da prefeita de Belém Renata Christinne, os artistas plásticos Clóvis Júnior, Alexandre Filho, Luis Tananduba, além da representante da Bienal Naif do Brasil na cidade de Piracicaba-SP Margarete Regina.

Tendo como atrações musicais o cantor Artur Neto, Tinho Santos e Messias do Acordeon, a solenidade de abertura ficou marcada pela presença do público e dos artistas que vieram de diversos estados do país para prestigiar a vernissage com suas respectivas obras que integram a mostra. Vale destacar a apresentação da artista Shila Joaquina, tal como o discurso do prefeito Zenóbio que, de forma incisiva, afirmou que valeu a pena se tornar prefeito de Guarabira pra poder tornar real este evento, escrevendo assim mais um capítulo na história cultural do município. Na noite anterior (21), o chefe do executivo recebeu os artistas ao chegarem na cidade e, após o jantar de recepção, ciceroneou-os pelo Casarão da Cultura.

As homenagens também deram o tom da solenidade. O baiano Waldomiro de Deus, um dos maiores expoentes dessa estética da pintura, foi o homenageado especial, além de Josenildo Suassuna (In Memoriam) representado por seu filho Kauê Rocha. Finalmente, como convidada especial, a museóloga Jacqueline Finkelstein, diretora do Museu Internacional de Arte Naif, sediado no Rio de Janeiro, foi homenageada por seus serviços prestados à promoção e difusão de vários artistas naifs no Brasil e exterior. Os três foram agraciados com o Troféu Pavão Misterioso. Também foram premiados com o Pavão dois trabalhos de aquisição e um de reveleção.

O II FIAN conta com uma curadoria formada por três importantes conhecedores da arte do Brasil: Robson Xavier, membro da Associação Brasileira de Críticos de Arte; Eudes Rocha, que também integra a Associação Brasileira de Críticos de Arte; e Augusto Luitgards, PHD em História da Arte pela PUC.

Pessoas interessadas em agendar visitas poderão entrar em contato com a Secretaria de Cultura e Turismo, pessoalmente ou pelo seguinte endereço eletrônico: secultgba@gmail.com. O FIAN é uma realização da Prefeitura Municipal de Guarabira, através da Secretaria de Cultura e Turismo, em parceria com o Ateliê Adriano Dias.

Texto: Codecom/PMG
Fotos: Gentil/brejo.com

Avalie esta postagem
Continue lendo

Cidades

Colégio da Luz realiza sua XXX Gincana Cultural

Publicados

em

Nesta sexta-feira, 24/05, acontece a XXX GINCANA  CULTURAL  DO  CENSL. A abertura às 8h terá a apresentação das turmas participantes e início da tarefas propostas. As 14h. continuará as tarefas, vindo em seguida a premiação e encerramento.

As tarefas da XXX GINCANA  CULTURAL  DO  CENSL abrangerão os seguintes temas:

  • CAMPANHA DA FRATERNIDADE / 2019: Tema: “Fraternidade e Políticas Públicas”. Lema: “Serás libertado pelo direito e pela justiça”  (Is 1, 27)
  • ENTRETENIMENTO E CURIOSIDADES
  • 30 ANOS DE GINCANA CULTURAL DO COLÉGIO DA LUZ
  • 100 ANOS DE JACKSON DO PANDEIRO
  • 500 ANOS DA MORTE DE LEONARDO DA VINCI
  • 2019: ANO INTERNACIONAL DAS LÍNGUAS INDÍGENAS
  • TAREFAS SURPRESA
  • CAMPANHA JUVENTUDE SOLIDÁRIA 2019

A premiação para as turmas será:

  • 1º  Lugar : Troféu  e passeio (a critério da Direção)
  • 2º  Lugar : Troféu
  • 3º  Lugar : Troféu
  • Troféus  de  Honra ao  Mérito  para destaques  especiais.

Brejo.com (com assessoria)

Colégio da Luz realiza sua XXX Gincana Cultural
4.5 (90%) 2 votes
Continue lendo

Cidades

Comissão da Mulher vai apoiar campanha do MPPB ‘Não é Não também no São João’

Publicados

em

A deputada estadual e presidente da Comissão dos Direitos da Mulher na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), Camila Toscano (PSDB), participou nesta quinta-feira (23) de uma reunião no Ministério Público da Paraíba (MPPB) com integrantes do Núcleo Estadual de Gênero para discutir, entre outros assuntos, o projeto “Não é Não” durante as festas de São João em todo o Estado. Na ocasião, a parlamentar disse que a comissão que preside vai participar da ação e defendeu a necessidade de conscientização sobre a proteção e os direitos às mulheres.

“Importunação sexual é crime com pena de um a cinco anos de reclusão, prevista na Lei 13.718/2018 e isso precisa ser difundido para inibir que crimes sejam praticados. Esse é um projeto importante e tem todo o nosso apoio para que possamos conscientizar o maior número de mulheres e também de homens na Paraíba. A violência contra a mulher tem se tornado cada vez  mais constante e precisamos nos mobilizar para evitar que mais paraibanas sejam agredidas e mortas”, disse a deputada.

A campanha “Não é Não, também no São João” tem o objetivo de atuar em todo o estado, durante as festas juninas, distribuindo materiais informativos, como panfletos do projeto, em pontos de grande circulação de turistas que visitam as cidades nesse período. Peças com informações sobre a iniciativa também serão veiculadas em rádios, TVs e nas redes sociais.

A reunião contou com a participação de representantes do Governo do Estado (com a secretária da Mulher e da Diversidade Humana, Gilberta Soares), Prefeitura Municipal de Campina Grande (com chefe de gabinete Bruno Cunha Lima) e da Assembleia Legislativa (com Camila Toscano e Estela Bezerra).

Avalie esta postagem
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas