Conecte-se conosco

Cultura

Artistas homenageiam Guarabira e ex-diretor Angel Valdez em exposição

Publicados

em

Além das pinturas em torno da cidade, a exposição presta homenagem em memória do artista plástico e ex-diretor da Galeria de Artes.

Uma exposição de arte mostrando lugares, personalidades e aspectos da história de Guarabira. É o que vai acontecer na noite desta quinta-feira (28), na Galeria de Artes Antônio Sobreira, dentro das comemorações dos 132 anos do município.

O evento é uma realização da Prefeitura Municipal de Guarabira dentro das comemorações de aniversário de emancipação política do município. Trata-se de uma vernissage com mais de 20 obras temáticas, criadas por 19 artistas, com um olhar sobre várias aspectos da cidade ao longo dos seus 132 anos.

“Guarabira no Olhar do Artista”, como está sendo chamada a exposição, tem a coordenação da Secretaria de Cultura e Turismo (Secult) através da sua galeria de artes. Os 19 artistas, em sua maioria, são naturais de Guarabira, alguns residentes na cidade e outros que se encontram fora do município, além de nomes da região do Brejo. Será um salão para se contemplar vários aspectos do município através do olhar do artista, segundo informe da Secult.

Além das pinturas em torno da cidade, a exposição presta uma grande homenagem em memória do artista Angel Valdez, argentino que faleceu em 2019 e que por vários anos foi diretor da Galeria de Artes Antônio Sobreira. Ao longo dos anos, Valdez foi responsável por várias exposições e também ministrou oficinas de iniciação à pintura para jovens artistas em fase de formação.

A exposição “Guarabira no Olhar do Artista” será aberta às 20 horas desta quinta-feira, na Galeria de Artes, com entrada aberta ao público. As obras que estarão expostas são de autoria de Adriano Dias, Carlos Damião, João Silva, Márcio Bizerril, Joilson Pontes, João Marcos, Matheus Matias Salvador, Edson Santos, Dante Alighieri, Jocélio Francisco, José Wellington, Daniel Gomes, Antônio Marcos, Eugênio Max, Sílvio Lima, Elias dos Santos, Ronaldo Ferreira, Alan Rodrigo e Heloísa Helena.

SERVIÇO
Exposição “Guarabira no Olhar do Artista”
Data: 28 de novembro (quinta-feira)
Local: Galeria de Artes Antônio Sobreira
Horário: 20h00.
Entrada franca.

Cultura

Prefeito Cícero recebe visita de Laís Menezes, cantora que representa JP no The Voice Kids

Laís faz parte do time Teló e já chegou até a etapa dos shows ao vivo, que funcionam como as quartas de final da competição

Publicados

em

O prefeito Cícero Lucena recebeu, na tarde desta quarta-feira (8), a cantora Laís Menezes, de 11 anos, que representa a capital paraibana no programa The Voice Kids, da Rede Globo. Na ocasião, o gestor manifestou apoio à participante e agradeceu por ela representar a cidade nacionalmente.

“É o talento de João Pessoa sendo levado para o Brasil e também um grande exemplo que é dado com sua capacidade e alegria para todas as nossas crianças. Tenho fé em Deus que ela vai ser bem-sucedida nesta caminhada, que está só no começo”, declarou o prefeito.

Laís faz parte do time Teló e já chegou até a etapa dos shows ao vivo, que funcionam como as quartas de final da competição. “Estou muito feliz e conto com todos assistindo e votando em mim no próximo domingo”, convocou a cantora.

O pai da cantora, Rafael Menezes, agradeceu o encontro. “Temos muito orgulho pois ela está num lugar onde poucos têm a oportunidade de chegar. Nos preparamos muito para no domingo podermos representar bem nossa cidade e nosso Estado”, afirmou.

Da Secom-JP

Continue lendo

Cidades

IV Festival de Música da Paraíba seleciona últimos finalistas

O evento aconteceu com transmissão ao vivo, no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa

Publicados

em

Foto: Reprodução

A 4ª edição do Festival de Música da Paraíba classificou sete novas músicas na noite do último sábado (04), durante a segunda eliminatória. O evento aconteceu com transmissão ao vivo, no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa. 

Dentre as 15 canções apresentadas, estarão na finalíssima as seguintes: ‘Terra do Acaiz’ (Laiz de Oyá); ‘Desgoverno’ (Tom Drummond); ‘Pássaro’ (Samir); ‘Pelas Calçadas’ (Tiago Sotero); ‘Coco Aperreado’ (Larry Brasil); ‘Bandeira’ (Alcides Prazeres) e ‘Pega o Beco’ (Totonho).

A competição será encerrada no próximo dia 10, quando serão conhecidos os cinco grandes vencedores. Todas as apresentações dos participantes estão disponíveis no canal TV Funesc, no YouTube (www.youtube.com/TvFunesc ).

Além das sete finalistas, foram apresentadas no festival as canções ‘Mardoce’ (Priscila Cler); ‘Côco Saudade’ (Jessica Melo); ‘Quiçá ou Manifesto Afroindígena’ (Rhuda); ‘Feliz Dia dos Pais’ (Head Li); ‘Mestre do Coco’ (Cristiano Lucena); ‘Caboco da Jurema’ (Chiquinho Mino di Souza); ‘Pincel Encantado’ (Artur Neto) e ‘Extremo’ (Calazans).

ClickPB

Continue lendo

Cultura

Secretário de Cultura de Guarabira ganha prêmio de literatura na Capital

Publicados

em

Foto: Reprodução

O Secretário de Cultura e Turismo da cidade de Guarabira, Tarcísio Pereira, ganhou o prêmio “Políbio Alves” de literatura, promovido pela Fundação Cultural de João Pessoa – FUNJOPE.

Entre os critérios adotados pela comissão julgadora do prêmio estiveram a originalidade e relevância da obra, qualidade estética e literária, qualidade de escrita do texto, impacto na sociedade e contribuição à cultura, além da qualidade dos aspectos formais da obra.

Tarcísio recebeu o primeiro lugar na premiação com o seu romance intitulado de ‘Velho Flor’. “Recebi a notícia na noite desta sexta com muita alegria, um motivo de comemorar e dormir feliz”, frisou o secretário.

Secretário de Cultura e Turismo de Guarabira, Tarcísio Pereira foi o principal responsável em tornar a cidade pioneira em todo o estado a lançar os editais de cultura e realizar o repasse da Lei Aldir Blanc, criada para a situação emergencial de cultura causada pela pandemia de coronavírus.

Também foi proposta de Tarcísio a realização das “lives culturais” comemorativas, a exemplo da Festa da Luz, Dia das Mães, São João, Dia dos Namorados e dos Pais, entre outros, ajudando artistas da terra que sofreram grande impacto com a pandemia.

VELHO FLOR

Velho Flor é a história do homem moderno e atribulado com tantos encargos. São sete personagens e todos eles são a mesma pessoa.

Um conflito entre eles, quando se reúnem para que seja iniciado um processo de aniquilamento gradual de si mesmo.

Um único ser que é Pai, Marido, Professor, Artista, Executivo (entre outras atividades) e chega à conclusão de que não está dando conta de cada um desses encargos. Matando cada pedaço, o personagem vai continuando até terminar sozinho, sem nada e com a decisão de se assumir como uma nova criatura. É quando ele se transforma em Velho Flor, o novo personagem que se torna um personagem folclórico da cidade e que ajuda a transformar tantas vidas com mensagens e práticas de amor e esperança.

Portal25horas

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas