Conecte-se conosco

Cultura

Governo lança editais com ações voltadas para a Cultura e beneficia artistas paraibanos

Edital Cultura PB na WEB, prevê investimentos da ordem de R$ 180 mil. Projetos selecionados vão receber apoio de R$ 1,2 mil cada.

Publicados

em

Governo do Estado da Paraíba anunciou para o mês de junho ações direcionadas à cultura, que somam mais de R$ 700 mil. O objetivo é proporcionar cultura, arte, entretenimento e atividades formativas para a população que se encontra em isolamento social e beneficiar artistas de diversas áreas afetados pela pandemia. Somados os recursos do projeto Meu Espaço, ainda execução, são mais de R$ 800 mil investidos em ações de apoio aos artistas impossibilitados de se apresentar em espaços que promovem atividades culturais.

Na última terça-feira (9), foi publicado no Diário Oficial, o edital Cultura PB na WEB, que prevê investimentos da ordem de R$ 180 mil. Os projetos selecionados vão receber um apoio de R$ 1,2 mil cada. A Secretaria de Estado da Cultura também executará o projeto São João na Rede, em parceria com a Associação Balaio Nordeste, dentro das comemorações do Ano Cultural Mestre Sivuca, adequadas à época junina. Ainda esta semana também deverá ser divulgado o projeto Arte em Cena: Festival de Arte e Cultura na Escola’, da Secretaria de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia, voltado para alunos da Rede Estadual de Ensino da Paraíba, que envolverá recursos da ordem de R$ 516 mil e fará alusão ao Ano Cultural Mestre Sivuca.

#CULTURAPBNAWEB – O edital Cultura PB na WEB oferece 150 vagas de propostas artísticas nas categorias: Apresentação e Performance Artística, Curso, Oficina e Workshop, E-Books e História em Quadrinhos, Podcast, Exibição de Curta-Metragem e Exposição, Intervenção e Galeria de Arte Virtual. As propostas culturais em formato digital serão divulgadas em plataformas e tecnologias disponíveis on-line.

As inscrições poderão ser feitas a partir desta terça-feira (9) até as 23h59 do próximo dia 21. O procedimento de inscrição, incluindo o envio de documentos digitalizados, deverá ser efetuado exclusivamente pela Internet, por meio do endereço eletrônico https://paraiba.pb.gov.br/diretas/secretaria-da-cultura/edital-cultura-pb-na-web

SÃO JOÃO NA REDE – Esta ação tem a finalidade de manter viva a festa de São João, focada em Sivuca, com shows on-line e gravados, disponibilizados por meio da internet. Esse projeto recebe sugestões do Fórum Nacional do Forró de Raiz, que reúne 14 Estados brasileiros. A programação, em parceria com a Associação Balaio Nordeste, elenca artistas e bandas do seguimento do forró, xote e baião, reunindo grandes nomes nacionais e da Paraíba; e será exibida no dia 18 de junho, a partir das 8h até meia noite, pelo canal São João na Rede, do Youtube, com apresentações virtuais, entrevistas, palestras, documentários, contado com a participação de poetas, cantores, compositores, cantadores, forrozeiros, músicos, cordelistas, repentistas, e muita música.

ARTE EM CENA – O ‘Arte em Cena: Festival de Arte e Cultura na Escola’, voltado para alunos da Rede Estadual de Ensino da Paraíba, envolverá recursos da ordem de R$ 516 mil e fará alusão em 2020 ao Ano Cultural Mestre Sivuca. O festival consiste em fomentar, selecionar e valorizar práticas exitosas do cotidiano escolar por meio de cinco modalidades artísticas: Artes Visuais, Teatro, Música, Dança e Literatura, que devem fazer articulação com experiências culturais e artísticas das comunidades locais.

Por conta da suspensão das aulas presenciais em decorrência do novo coronavírus, o edital vai detalhar como as equipes vão produzir e enviar de modo remoto suas produções culturais em cada modalidade para que sejam avaliadas por uma banca.

Os objetivos do Arte em Cena são: estimular o interesse, a apreciação e a produção artístico-cultural entre os educandos, valorizando a arte como forma de crescimento social e estético; fomentar ações que promovam o encontro entre o projeto pedagógico da escola e experiências culturais e artísticas das comunidades locais, e realizar mapeamento da produção artística nas escolas.

Paraiba.Pb

Cultura

Prefeito Cícero recebe visita de Laís Menezes, cantora que representa JP no The Voice Kids

Laís faz parte do time Teló e já chegou até a etapa dos shows ao vivo, que funcionam como as quartas de final da competição

Publicados

em

O prefeito Cícero Lucena recebeu, na tarde desta quarta-feira (8), a cantora Laís Menezes, de 11 anos, que representa a capital paraibana no programa The Voice Kids, da Rede Globo. Na ocasião, o gestor manifestou apoio à participante e agradeceu por ela representar a cidade nacionalmente.

“É o talento de João Pessoa sendo levado para o Brasil e também um grande exemplo que é dado com sua capacidade e alegria para todas as nossas crianças. Tenho fé em Deus que ela vai ser bem-sucedida nesta caminhada, que está só no começo”, declarou o prefeito.

Laís faz parte do time Teló e já chegou até a etapa dos shows ao vivo, que funcionam como as quartas de final da competição. “Estou muito feliz e conto com todos assistindo e votando em mim no próximo domingo”, convocou a cantora.

O pai da cantora, Rafael Menezes, agradeceu o encontro. “Temos muito orgulho pois ela está num lugar onde poucos têm a oportunidade de chegar. Nos preparamos muito para no domingo podermos representar bem nossa cidade e nosso Estado”, afirmou.

Da Secom-JP

Continue lendo

Cidades

IV Festival de Música da Paraíba seleciona últimos finalistas

O evento aconteceu com transmissão ao vivo, no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa

Publicados

em

Foto: Reprodução

A 4ª edição do Festival de Música da Paraíba classificou sete novas músicas na noite do último sábado (04), durante a segunda eliminatória. O evento aconteceu com transmissão ao vivo, no Teatro Paulo Pontes, no Espaço Cultural, em João Pessoa. 

Dentre as 15 canções apresentadas, estarão na finalíssima as seguintes: ‘Terra do Acaiz’ (Laiz de Oyá); ‘Desgoverno’ (Tom Drummond); ‘Pássaro’ (Samir); ‘Pelas Calçadas’ (Tiago Sotero); ‘Coco Aperreado’ (Larry Brasil); ‘Bandeira’ (Alcides Prazeres) e ‘Pega o Beco’ (Totonho).

A competição será encerrada no próximo dia 10, quando serão conhecidos os cinco grandes vencedores. Todas as apresentações dos participantes estão disponíveis no canal TV Funesc, no YouTube (www.youtube.com/TvFunesc ).

Além das sete finalistas, foram apresentadas no festival as canções ‘Mardoce’ (Priscila Cler); ‘Côco Saudade’ (Jessica Melo); ‘Quiçá ou Manifesto Afroindígena’ (Rhuda); ‘Feliz Dia dos Pais’ (Head Li); ‘Mestre do Coco’ (Cristiano Lucena); ‘Caboco da Jurema’ (Chiquinho Mino di Souza); ‘Pincel Encantado’ (Artur Neto) e ‘Extremo’ (Calazans).

ClickPB

Continue lendo

Cultura

Secretário de Cultura de Guarabira ganha prêmio de literatura na Capital

Publicados

em

Foto: Reprodução

O Secretário de Cultura e Turismo da cidade de Guarabira, Tarcísio Pereira, ganhou o prêmio “Políbio Alves” de literatura, promovido pela Fundação Cultural de João Pessoa – FUNJOPE.

Entre os critérios adotados pela comissão julgadora do prêmio estiveram a originalidade e relevância da obra, qualidade estética e literária, qualidade de escrita do texto, impacto na sociedade e contribuição à cultura, além da qualidade dos aspectos formais da obra.

Tarcísio recebeu o primeiro lugar na premiação com o seu romance intitulado de ‘Velho Flor’. “Recebi a notícia na noite desta sexta com muita alegria, um motivo de comemorar e dormir feliz”, frisou o secretário.

Secretário de Cultura e Turismo de Guarabira, Tarcísio Pereira foi o principal responsável em tornar a cidade pioneira em todo o estado a lançar os editais de cultura e realizar o repasse da Lei Aldir Blanc, criada para a situação emergencial de cultura causada pela pandemia de coronavírus.

Também foi proposta de Tarcísio a realização das “lives culturais” comemorativas, a exemplo da Festa da Luz, Dia das Mães, São João, Dia dos Namorados e dos Pais, entre outros, ajudando artistas da terra que sofreram grande impacto com a pandemia.

VELHO FLOR

Velho Flor é a história do homem moderno e atribulado com tantos encargos. São sete personagens e todos eles são a mesma pessoa.

Um conflito entre eles, quando se reúnem para que seja iniciado um processo de aniquilamento gradual de si mesmo.

Um único ser que é Pai, Marido, Professor, Artista, Executivo (entre outras atividades) e chega à conclusão de que não está dando conta de cada um desses encargos. Matando cada pedaço, o personagem vai continuando até terminar sozinho, sem nada e com a decisão de se assumir como uma nova criatura. É quando ele se transforma em Velho Flor, o novo personagem que se torna um personagem folclórico da cidade e que ajuda a transformar tantas vidas com mensagens e práticas de amor e esperança.

Portal25horas

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas