Conecte-se conosco

Cidades

Azevêdo entrega pavimentação de Cachoeira dos Guedes e autoriza reforma e ampliação do HRG

Publicados

em

O governador João Azevêdo inaugurou, nesta segunda-feira (29), as obras de recuperação e recapeamento asfáltico do acesso ao Distrito de Cachoeira dos Guedes, em Guarabira, no Brejo paraibano. No município, o chefe do Executivo estadual visitou o Hospital Regional, onde anunciou a reforma e ampliação da unidade de saúde com o objetivo de fortalecer o atendimento nas linhas de cuidado materno e neonatal, tornando-a referência nas especialidades, e inspecionou o terreno onde será construída a Vila Olímpica.  As ações são alusivas ao aniversário de 134 anos de emancipação política do município, completados no último dia 26.

Na ocasião, o chefe do Executivo estadual ressaltou o compromisso do governo de melhorar a vida das pessoas e investir em obras que asseguram emprego, renda e movimentam a economia do estado. “Essa é uma ação que representa o nosso respeito com o povo. Em Guarabira, nós temos um grande volume de obras rodoviárias, a exemplo da recuperação da estrada que vai ligar Guarabira a Pirpirituba até Belém; a estrada de Pilões até Borborema, Arara; de Serraria a Arara; Tabuleiro a Bananeiras e a Dona Inês; o contorno de Bananeiras, oferecendo condições de  ampliar linhas de produção e melhorar a qualidade de vida das pessoas através da iniciativa do governo que aqui chegou”, frisou. 

A recuperação e recapeamento asfáltico do acesso ao Distrito de Cachoeira dos Guedes representam investimentos superiores a R$ 4 milhões de recursos próprios do tesouro estadual e contemplam diretamente cerca de 60 mil habitantes. As obras têm o objetivo de facilitar o escoamento da produção econômica local; promover o desenvolvimento socioeconômico da região; modernizar e ampliar a infraestrutura rodoviária estadual; reduzir os custos de transportes; e oferecer conforto e segurança aos moradores do distrito e motoristas que trafegam pelo local.

O superintendente do Departamento de Estradas de Rodagem (DER), Carlos Pereira, evidenciou que a gestão estadual realiza, atualmente, o maior programa rodoviário da história da Paraíba. “São R$ 1,2 bilhão de obras, seja de pavimentação, restauração, travessias urbanas em todo o estado e apenas no Brejo são R$ 80 milhões em investimentos no setor, como foi feito em Cachoeira dos Guedes onde moram paraibanos que muitas vezes não chegavam na cidade porque o carro atolava ou o ônibus não chegava ao distrito”, pontuou. 

“A estrada tem um grande valor agregado porque traz desenvolvimento, geração de emprego e renda, tornando o produto mais valorizado e oportunizando qualidade de vida às pessoas”, disse o deputado federal Efraim Filho. 

O deputado estadual Raniery Paulino enalteceu a iniciativa do governo de concretizar a demanda da população de Cachoeira dos Guedes. “Essa obra resolve de vez o problema do distrito que concentra o maior número de empregos, que desenvolve atividades na agricultura, avicultura e olaria, por isso, hoje é um momento histórico porque o Governo olhou para as pessoas que mais precisam com uma obra de excelente qualidade em Cachoeira dos Guedes, um símbolo para a nossa cidade”, comentou. 

“Essa é uma ação emblemática que resgata a esperança da população e representa empoderamento popular. A obra está mais do que realizada, mas aprovada e a população está agradecida por essa conquista”, falou o secretário executivo do Orçamento Democrático, Célio Alves. 

Morador de Cachoeira dos Guedes, o comerciante José Figueiredo aprovou a obra. “Ficou bom demais. Todo mundo ficou feliz e satisfeito. Aqui antes era uma buraqueira, o calçamento afundava, os carros atolavam com tijolos e, agora, passa caminhão com galinha, com areia tranquilamente”, relatou. 

A empresária Vera Lúcia Costa também comemorou a obra. “Desde 1988 que esperávamos por esta ação. Nós temos cerca de 150 colaboradores e a gente precisa transportar a mercadoria para outras cidades e estados e essa estrada foi primordial para nós”, celebrou. 

Hospital Regional de Guarabira – Nas obras de reforma e ampliação serão investidos R$ 13 milhões. A iniciativa está inclusa no Projeto de Aprimoramento do Modelo de Atenção na Rede de Saúde do Estado da Paraíba (Projeto Amar) que visa melhorar as condições de saúde da população paraibana, através da consolidação das Redes de Atenção à Saúde e do fortalecimento das capacidades de gestão da saúde por parte do Estado.

No local, será reformado um anexo do hospital destinado aos serviços exclusivos de Maternidade de média e alta complexidade, que compreenderá UTI Neonatal, Unidade de Cuidados Intermediários (Ucinco), Centro de Parto Normal (CPN), Internação mãe-canguru. 

As adequações e melhorias das demais áreas contemplam a Urgência e Emergência, Reordenação dos Fluxos das Enfermarias, ampliação para seis salas cirúrgicas, sendo duas exclusivas para obstetrícia. O hospital, que hoje conta com 111 leitos, terá 145 leitos, abrangendo novos serviços de atendimento ao paciente, como a UTI Adulta e aumento de leitos de alojamento conjunto. Ainda serão realizadas melhorias nas áreas de apoio, adequando-as às normas sanitárias vigentes, com a construção de novo Centro de Materiais e Esterilização (CME), ampliação e relocação da Unidade de Processamento de Roupa (UPR) (Lavanderia), ampliação da Unidade de Alimentação e Nutrição (UAN/cozinha), acréscimo do serviço de alimentação parenteral e enteral (sondaria) e relocação da subestação.

O governador João Azevêdo afirmou que o projeto Amar proporcionará uma nova realidade para a saúde da Paraíba. “Nós queremos com isso regionalizar o atendimento e chegar mais perto do cidadão, indo na direção de requalificar o serviço público. A nossa saúde tem competência e gestão, dando dignidade a quem precisa do atendimento”, falou. 

“Nós temos uma maternidade com uma alta demanda, chegamos a ter 20 partos por dia e, com a reforma, poderemos habilitar o hospital com uma maternidade de alto risco, com UTI neonatal, sala de parto e bloco cirúrgico. A ideia é também ofertar um serviço de ortopedia e traumatologia, o que representa, sem dúvida, um benefício para a região”, comentou o secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros.

Os deputados estaduais João Gonçalves e Ricardo Barbosa, prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e auxiliares da gestão estadual estiveram presentes.

Secom-PB

Rate this post

Cidades

Roberto e Raniery Paulino participam de lançamento de projeto social do Governo em Guarabira

O lançamento foi na Câmara Municipal de Guarabira, com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira.

Publicados

em

O Secretário Chefe do Governo, Roberto Paulino, e o deputado estadual Raniery Paulino, participaram, nesta segunda-feira, 20, em Guarabira, do lançamento do programa “Família Acolhedora”, desenvolvido pela Secretaria de Desenvolvimento Humano do Governo da Paraíba.

O lançamento foi na Câmara Municipal de Guarabira, inclusive com a presença do secretário estadual de Desenvolvimento Humano, Tibério Limeira. O secretário executivo do Orçamento Democrático, Célio Alves, também prestigiou o evento.

Família Acolhedora – Famílias cadastradas e habilitadas poderão acolher, provisoriamente, crianças ou adolescentes afastados da família devido a medida protetiva. O Estado destinará 1 salário mínimo para as despesas do menor, sendo a sua aplicação orientada e acompanhada por uma equipe do programa.

Maior município da região, Guarabira não aderiu à iniciativa, diferentemente de outros 22 que assinaram a parceria (Alagoinha, Araçagi, Araruna, Bananeiras, Belém, Borborema, Cacimba de Dentro, Caiçara, Casserengue, Cuitegi, Dona Inês, Duas Estradas, Logradouro, Pilões, Pilõezinhos, Pirpirituba, Riachão, Serra da Raiz, Serraria, Sertãozinho, Solânea e Tacima).

Do Fato a Fato

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Audiência debate municipalização do trânsito em Solânea, Arara e Casserengue

Publicados

em

O Grupo de Trabalho (GT) interinstitucional para a municipalização do trânsito – órgão integrado pelo Ministério Público da Paraíba (MPPB) – realizou, na tarde desta terça-feira (18/01), uma audiência para tratar do processo de municipalização em Solânea, Arara e Casserengue. 

Participaram o coordenador do Núcleo de Políticas Públicas do MPPB, procurador de Justiça Valberto Lira; o promotor de Justiça de Solânea, Henrique Cândido Ribeiro de Morais; os prefeitos de Solânea, Kayser Nogueira Rocha Pinto; de Casserengue, Antônio Judivan de Sousa; o representante do Município de Arara, Antônio Gregório; o assessor juridico do Conselho Estadual de Trânsito (Centran); o psicólogo Ricácio Lima da Cruz; o membro do Conselho Estadual de Trânsito, Amauri Azevedo; o representante do  Departamento de Estradas de Rodagem (DER/PB), Fleming Cabral; o servidor do MPPB, Renato Barroso.

Durante a audiência, foram discutidas questões relacionadas ao trânsito de Caaporã, ao Código Brasileiro de Trânsito; à Resolução 811/2020 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran); a possibilidade de celebração de consórcios e convênios e as vantagens da municipalização do trânsito (como atendimento à exigência legal, gestão de trânsito voltada às necessidades do município com intervenções mais rápidas e melhor planejamento urbano voltado para a segurança viária, dentre outros). 

Também foi apresentado aos prefeitos um roteiro simplificado para a integração do município ao Sistema Nacional de Trânsito e dados estatísticos referentes ao trânsito nos três municípios.

Os prefeitos expuseram as principais dificuldades enfrentadas pelos municípios e apresentaram pontos que foram debatidos com os membros do GT Interinstitucional. O prefeito de Solânea informou que dará andamento com relação às medidas no município.

Ao final, o promotor de Justiça Henrique Cândido concedeu prazo de 15 dias para os prefeitos se manifestarem sobre o interesse de realizarem a municipalização.

Assessoria/MPPB

Rate this post
Continue lendo

Cidades

Governador anuncia reajuste salarial para todos servidores e aposentados do estado

Com esse aumento implantado já nos contracheques do mês de janeiro, o impacto anual na folha de pagamento do estado será de R$ 840 milhões.

Publicados

em

Foto: Secom-PB

O governador João Azevêdo enviou nesta sexta-feira (21) para a Assembleia Legislativa, Medida Provisória reajustando os salários dos servidores públicos estaduais em 10%, mesmo índice concedido aos policiais militares, civis e penais. As forças de segurança também terão incorporados aos seus salários o valor da Bolsa de Desempenho em 100 %, sendo 20% de imediato e o restante implantados em 48 meses. Os aposentados e pensionistas, que ficavam de fora em reajustes de anos anteriores, também terão direito ao mesmo índice do pessoal da ativa.

Com esse aumento implantado já nos contracheques do mês de janeiro, o impacto anual na folha de pagamento do estado será de R$ 840 milhões, sendo R$ 253 milhões só com as forças de segurança. Os professores terão implantados em seus vencimentos o reajuste previsto do piso nacional do magistério de 31,3 %, com o governador garantindo aos dirigentes das entidades da categoria elevar ainda este índice caso sofra qualquer alteração nacional.

“Este é um esforço enorme que estamos fazendo para valorizar cada vez mais nosso servidor, mesmo com a grave crise financeira que se abate no país. Só para se ter uma ideia, tem estados que não puderam ainda colocar em dia seus salários e o Governo Federal anuncia que vai dar zero de reajuste para os servidores públicos de um modo geral. Além de promovermos mais de 20 concursos e seleções públicas e criando PCCR de algumas categorias em menos de três anos de governo, agora estamos reajustando em 10 por cento os vencimentos dos servidores, incluindo os aposentados que eram sempre esquecidos anteriormente. Também aumentamos plantões e gratificações específicas de categorias que há anos reivindicavam tais benefícios”, anunciou o governador João Azevêdo.

Do MaisPB

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas