Conecte-se conosco

Saúde

Campanha pede empatia com pessoas que sofrem de depressão

Publicados

em

Foto: Ilustração

Foi lançada hoje (13), na capital paulista, a campanha de esclarecimento sobre a depressão Pode Contar, com enfoque na empatia, ou seja: a capacidade de familiares e amigos se colocarem no lugar da pessoa que sofre  com a depressão. O conteúdo da campanha está disponível no site.

Carmita Abdo, presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), explica que a empatia não é passar a mão na cabeça ou sentir pena de quem sofre com a doença, mas se colocar no lugar do outro: “É se reconhecer no outro. Nós na ABP falamos muito de combater o estigma da depressão e nada melhor que exercitar a empatia”, disse.

De acordo com a médica, a empatia envolve processos afetivos e cognitivos e se traduz na capacidade de perceber os sentimentos e emoções da outra pessoa, sem julgamentos. Segundo ela, as doenças mentais estão entre as dez patologias mais prevalentes de um total de 32 doenças incapacitantes para o trabalho.

A engenheira Bernadete de Araújo, de 64 anos, conta que a depressão a afetou de diversas formas. Ela sofreu de forma recorrente desde a infância, mas notou sintomas exarcebados na vida adulta. Ainda assim, demorou oito anos para conseguir o diagnóstico.

“Houve um tempo na minha vida em que eu não conseguia raciocinar, somar ou subtrair. Eu fazia relatórios em outras línguas, mas não conseguia ler uma manchete de jornal. De repente, eu me tornei impaciente, ansiosa e até agressiva. Eu sentia uma tristeza enorme e não entendia a razão”, lembrou.

Diagnóstico

Para a cardiologista Roberto Miranda, da Faculdade de Medicina da USP, muitas vezes é o médico primário – como cardiologista ou ginecologista – que identifica os sintomas.

“Muitos pacientes têm alterações cardíacas, dor de cabeça, dor no peito, palpitações e crises de hipertensão. Eles vinham ao pronto-socorro com essas crises e, após o tratamento contra a depressão, não voltavam mais ao atendimento de emergência”, alerta.

O especialista explica que a depressão tem também relação com outros eventos cardiovasculares e está associado ao aumento do risco de infarto.

Tratamento

Táki Cordás, coordenador de ambulatório no Instituto de Psiquiatria do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP, disse que quanto menos desenvolvida é a sociedade, maior a demora para se buscar ajuda. “Estima-se que 70% das pessoas que precisam de tratamento não estão recebendo”, disse ele.

Depois de alcançar o diagnóstico, de 30% a 50% dos pacientes não continuam com o tratamento, um índice preocupante para Cordás. “Preciso lembrar que o antidepressivo não vícia, não muda a personalidade, não vai te deixar ligado. Assim como o indivíduo que tem hipertensão, diabetes, o depressivo precisa do medicamento”, disse.

Ele avalia que o tempo do tratamento pode variar conforme a quantidade de crises apresentadas pelo paciente. Dependendo do caso, pode ser de um ano ou, para aqueles que sofreram mais de três crises na vida, o tratamento pode durar a vida inteira. “A nossa medicina ainda é apenas controladora da doença”, explicou.

De acordo com ele, o paciente que toma a medicação por seis meses e decide descontinuar o uso tem 80% de chances de sofrer uma recaída.

Fonte: Agência Brasil

Rate this post

Saúde

Dia D da Campanha Outubro Rosa acontece no Centro de Referência da Saúde da Mulher e da Criança, nesta quinta, 28

Publicados

em

Com ações e promoção de atenção à saúde voltadas às mulheres, a Prefeitura de Guarabira, através das Secretarias de Saúde e de Políticas Públicas para a Mulher, realiza na manhã desta quinta-feira, dia 28 de outubro, o Dia D da Campanha Outubro Rosa.

A atividade acontece às 8h30 no Centro de Referência da Saúde da Mulher e da Criança (antigo IAPM), do lado da sede da SMS. Onde, na ocasião, serão oferecidos os seguintes serviços, à saber:

 Palestras e depoimentos
 Consulta Médica
 Exames de Glicemia
 Testes rápidos
 Aferição de Pressão arterial
 Atualização da caderneta de vacinação adulto
 Ações Vigilância em Saúde
 Agendamento de exames de Ultrassonografias e de Mamografia
 Atividade Física
 Dia de Beleza: corte, escova, unhas, sobrancelha
 Música – caraoquê
 Coffee Break

Vale destacar que, durante todo o mês de outubro, atividades semelhantes, relacionadas ao Outubro Rosa, estão sendo promovidas nas Unidades Básicas de Saúde, onde se realiza exames citológicos e solicitação para exames de mamografia, além de palestras. E conta com o importante apoio da Secretaria de Saúde, por meio da sua Coordenação de Atenção Básica.

Codecom

Rate this post
Continue lendo

Saúde

Paraíba registra uma morte, 50 novos casos e 21% de ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 21%.

Publicados

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta terça (26), 50 casos de covid-19. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) ao ClickPB desde a última atualização, 28 (56%) são moderados ou graves e 22 (44%) são leves. 

Agora, a Paraíba totaliza 445.012 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios. Até o momento, 1.195.570 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

Também foi confirmado 01 novo óbito desde a última atualização, ocorrido no dia 24 de outubro, em hospital público. Com isso, o estado totaliza 9.399 mortes. O boletim registra ainda um total de 337.941 pacientes recuperados da doença. 

* Dados oficiais preliminares (fonte: e-SUS Notifica, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 26/10/2021, sujeitos à alteração por parte dos municípios.

Óbitos

Até esta terça, 222 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. O óbito confirmado neste boletim ocorreu em um homem, de 79 anos, residente no município de Cajazeiras (1) e portador de cardiopatia. 

Ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 21%. Fazendo um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 27%. Em Campina Grande, estão ocupados 15% dos leitos de UTI adulto e no sertão 30% dos leitos de UTI para adultos. De acordo com o Centro Estadual de Regulação Hospitalar, 07 pacientes foram internados nas últimas 24h. Ao todo, 123 pacientes estão internados nas unidades de referência. 

Cobertura Vacinal 

Foi registrado no sistema de informação SI-PNI, a aplicação de 4.846.622 doses. Até o momento, 2.917.799 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 1.828.569 completaram os esquemas vacinais, onde 1.764.938 tomaram as duas doses e 63.631 utilizaram imunizante de dose única.  Sobre as doses adicionais, foram aplicadas 5.259 em pessoas com alto grau de imunossupressão e 94.995 doses de reforço na população com idade a partir de 60 anos. A Paraíba já distribuiu um total de 5.562.946 doses de vacina aos municípios.

ClickPB

Rate this post
Continue lendo

Saúde

Paraíba registra apenas uma morte por covid-19, 216 novos casos e 24% de ocupação de leitos

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 24%.

Publicados

em

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) registrou, nesta sexta (22), 216 casos de Covid-19. De acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES) ao ClickPB desde a última atualização, 16 (7,4%) são moderados ou graves e 200 (92,6%) são leves. Agora, a Paraíba totaliza 444.568 casos confirmados da doença, que estão distribuídos por todos os 223 municípios. Até o momento, 1.194.249 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. 

Também foi confirmado 01 novo óbito desde a última atualização,  ocorrido nas últimas 24h e em hospital público. Com isso, o estado totaliza 9.386 mortes. O boletim registra ainda um total de 337.646 pacientes recuperados da doença. 

 
* Dados oficiais preliminares (fonte: e-SUS Notifica, Sivep Gripe e SIM) extraídos às 10h do dia 22/10/2021, sujeitos à alteração por parte dos municípios.

Óbitos

Até esta sexta, 222 cidades paraibanas registraram óbitos por Covid-19. O óbito confirmado neste boletim é uma mulher de 70 anos, residente do município de João Pessoa e portadora de doença renal e neoplasia. 

Ocupação de leitos Covid-19

A ocupação total de leitos de UTI (adulto, pediátrico e obstétrico), em todo estado, é de 24%. Fazendo  um recorte apenas dos leitos de UTI para adultos na Região Metropolitana de João Pessoa, a taxa de ocupação chega a 27%. Em Campina Grande, estão ocupados 20% dos leitos de UTI adulto e no sertão 35% dos leitos de UTI para adultos. De acordo com o Centro Estadual de Regulação Hospitalar, 10 pacientes foram internados nas últimas 24h. Ao todo, 134  pacientes estão internados nas unidades de referência. 

Cobertura Vacinal 

Foi registrado no sistema de informação SI-PNI, a aplicação de 4.682.311 doses. Até o momento, 2.939.980 pessoas foram vacinadas com a primeira dose e 1.684.230 completaram os esquemas vacinais, onde 1.616.649 tomaram as duas doses e 67.581 utilizaram imunizante de dose única.  Sobre as doses adicionais, foram aplicadas 3.323 em pessoas com alto grau de imunossupressão e 54.778 doses de reforço na população com idade a partir de 60 anos. O SI-PNI, que informa sobre as doses aplicadas, está fora do ar, portanto os dados de vacinação não foram atualizados neste boletim. A Paraíba já distribuiu um total de 5.562.946 doses de vacina aos municípios.

Do ClickPB

Rate this post
Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas