Conecte-se conosco

Paraíba

João Azevêdo entrega dragagem, novos armazéns e lança programa cidadão nesta segunda no Porto de Cabedelo

Publicados

em

O governador João Azevêdo entrega nesta segunda-feira (11), às 10h, a dragagem do canal de acesso e bacia de evolução do Porto de Cabedelo, uma obra esperada há décadas e que vai permitir a atracação de navios de grande porte, tornando o porto mais competitivo, gerando mais emprego e fomentando a economia. Foram investidos cerca de R$ 120 milhões, recursos próprios do Governo da Paraíba. 

Os serviços consistiram no aprofundamento do canal de acesso, que passou de 9,14m a 11 metros de profundidade, permitindo o recebimento de navios de até 55 mil toneladas, possibilitando, dessa forma a ampliação das suas operações. A ação é um momento histórico para o município de Cabedelo e toda a Paraíba e representa o resgate de uma dívida de muitos anos com o Porto, equipamento que tem importância fundamental para a economia do Estado.

Anúncio


Na ocasião, o chefe do Executivo estadual também entrega os armazéns 1 e 7, que passaram por uma ampla reforma. Os outros três armazéns estão com melhorias em andamento, totalizando investimentos de cerca de R$ 5 milhões.

Na mesma solenidade, João Azevêdo lança o programa “Porto Cidade”, uma série de ações que visam a promoção do desenvolvimento social dos trabalhadores e toda a comunidade de Cabedelo nas áreas de educação, cultura, tecnologia, sustentabilidade e saúde, fundamentado nas práticas ESG (Governança Ambiental, Social e Corporativa, na sigla em inglês). A iniciativa busca estreitar os laços entre as ações do Porto e a população local, refletindo modelos de sucesso adotados globalmente.

Secom-PB

Rate this post
Anúncio


Paraíba

Menina atendida pela equoterapia da Polícia Militar da Paraíba é destaque em competição em São Paulo

Publicados

em

Rebeca tem 12 anos e nasceu com paralisia cerebral que comprometeu a coordenação motora do lado direito do corpo. Mas as dificuldades não impediram em nada a vontade dela vencer, de sonhar. Há mais de um ano sendo atendida pela equoterapia da Polícia Militar, Rebeca vem desenvolvendo melhor suas atividades e isso ajudou no esporte que ela tanto ama: o atletismo.

Este mês, Rebeca, que é aluna do 6º ano de uma escola particular do bairro de Mangabeira, zona sul de João Pessoa, foi destaque nos jogos paraescoloares brasileiros, realizado no Estado de São Paulo, onde ela representando a Paraíba ganhou três medalhas: ouro na corrida de 150 metros, prata na corrida de 60 metros e prata no arremesso de pelote.

A Equoterapia oferecida pela Polícia Militar, por meio do Regimento de Polícia Montada (RPMont), atende mais de 40 pacientes com algum tipo de deficiência ou transtorno. As atividades, que usam o cavalo como “ferramenta”, são desenvolvidas por uma equipe multidisciplinar, composta por terapeutas ocupacionais, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, equitadores e seus auxiliares, que são policiais militares.

Ascom

Anúncio


Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Paraíba

PCPB: Governo do estado convoca quase 500 alunos para segunda turma do Curso de Formação

Publicados

em

O governo do estado publicou no Diário Oficial da última terça-feira, 21 de novembro, a convocação da segunda turma para o Curso de Formação Policial da Polícia Civil da Paraíba, referente ao concurso público 2021. Foram convocados 495 candidatos classificados para o treinamento, que é a última etapa do certame.

A matrícula será das 15h do dia 24 de novembro de 2023 até as 23h59 do dia 08 de dezembro de 2023, por meio de link que será encaminhado para o endereço de e-mail informado pelo candidato no ato da inscrição do concurso público.

Anúncio


As aulas práticas e teóricas serão realizadas na Academia de Ensino da Polícia Civil da Paraíba (Acadepol/PB), que está pronta para receber os novos alunos, em breve. 

Este é o maior concurso público já realizado pela Polícia Civil paraibana, com a oferta de 1.400 vagas. 

Rate this post
Anúncio


Continue lendo

Paraíba

Onda de calor aumenta consumo de água em até 34% e Cagepa alerta população para uso consciente

Publicados

em

Foto: Reprodução

Devido à forte onda de calor registrada no estado e em todo o País, o consumo de água na Paraíba aumentou consideravelmente nos últimos dias. Em Campina Grande, o crescimento foi de aproximadamente 34%, de 1 a 31 de outubro. Nesse mesmo período, o salto em João Pessoa foi de 30%, em média.  A Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) alerta que as altas temperaturas podem causar desabastecimento momentâneo em várias áreas e, portanto, pede apoio da população para evitar o desperdício.

De acordo com o diretor de Operação e Manutenção da Cagepa, Thiago Pessoa, a maior parte dos reservatórios do estado está cheia e o sistema de produção normalizado. No entanto, a elevação brusca do uso de água devido aos recordes de temperatura pode provocar suspensões temporárias no fornecimento. “Apesar de termos disponibilidade hídrica nos mananciais, agora lidamos com o consumo elevado de água, que é justificado pela necessidade dos paraibanos diante do forte calor. Esse aumento repentino tem sobrecarregado o sistema”, explicou.

Anúncio


Thiago ainda pediu a contribuição da população no uso responsável da água para que o sistema suporte o consumo atípico. “Estamos fazendo a nossa parte, como o reforço de diversas redes de distribuição, a instalação e reativação de poços para o abastecimento e a fiscalização de ligações irregulares, mas é fundamental que os moradores tenham consciência e colaborem fazendo o bom uso da água. Com atitudes simples de economia no cotidiano é possível poupar muito”, avaliou o diretor.

Outro fator sensível que prejudica ainda mais a oferta de água são os furtos e ligações clandestinas. “O uso indevido dos ramais e redes de água retiram pressão do sistema e podem reduzir a oferta em algumas regiões. Estamos intensificando as fiscalizações para coibir essa prática, que, inclusive, é crime, segundo o artigo 155 do Código Penal Brasileiro. A pena é de reclusão, de 1 a 4 anos, e multa. A pessoa que furta água da Cagepa está também furtando esse bem de toda a população, e pode responder criminalmente”, alertou.

Secom

Rate this post
Anúncio


Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas