Conecte-se conosco

Paraíba

Cagepa renova pedido para população usar água de forma racional

Publicados

em

Com os paraibanos em casa durante o período de quarentena e medidas de higiene sendo reforçadas, o consumo de água no Estado cresceu acima do normal na última semana. Diante desse quadro, a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) apela aos seus usuários para que façam o uso racional em casa. Segundo a companhia, não há risco de racionamento ou desabastecimento total na Grande João Pessoa, mas a importância da água tratada para a higiene neste momento de pandemia exige medidas de economia.

O presidente da Cagepa, Marcus Vinícius Fernandes Neves, explicou que o alto consumo tem implicado em interrupções pontuais no abastecimento de água em algumas localidades, principalmente na Grande João Pessoa. “Temos que ponderar o equilíbrio entre oferta e demanda. O consumo desenfreado pode baixar o nível dos reservatórios. Mas estamos com 100% de nossas equipes de operação e manutenção para monitorar os sistemas de abastecimento e consertar rapidamente os vazamentos de água. Entendemos que somos um serviço essencial neste momento de pandemia”, afirmou.

O senso coletivo da população é imprescindível nesse processo, segundo Marcus Vinícius. O presidente alertou sobre a necessidade de priorizar o uso da água apenas para atividades essenciais. “Em tempos de coronavírus, quando lavar as mãos com frequência vira recomendação geral, a orientação é para que a água seja usada prioritariamente para higienização das mãos e em banhos rápidos. Além disso, a máquina de lavar roupa deve ser acionada só quando estiver cheia. Não podemos abusar, agora mais do que nunca”, advertiu. 

As equipes de manutenção e operação da Cagepa seguem trabalhando com os devidos protocolos de prevenção contra a Covid-19, com fardamentos e acessórios de trabalho devidamente higienizados, proteção com luvas e máscaras, portando álcool em gel e evitando contato pessoal.

 Como economizar água sem descuidar da limpeza?

 – Feche bem as torneiras durante o ensaboamento das mãos e após o uso. Torneira aberta em 1 minuto gasta 3 litros de água;

– Feche a torneira enquanto escova os dentes ou faz a barba;

– Evite banhos demorados. O chuveiro aberto em 15 minutos gasta 60 litros de água;

– Antes de lavar a louça, remova restos de comida dos pratos e das panelas, ensaboe e só abra a torneira para o enxague;

– Evite lavar as calçadas com mangueira. Elas podem ser varridas;

– Molhe plantas e jardins ao entardecer ou amanhecer. Isso evita a evaporação rápida da água. Utilize regador em vez de mangueira;

– Evite que as crianças brinquem de tomar banho com mangueira;

– Fique atento aos vazamentos em pias, chuveiros e vasos sanitários;

– Conserte imediatamente os vazamentos, trocando as partes danificadas das canalizações. Não faça remendos provisórios.

 CANAIS DE ATENDIMENTO

– Teleatendimento 115

– Redes sociais (Facebook, Twitter e Instagram)

– Agência virtual (www.cagepa.pb.gov.br)

– App Cagepa, que está disponível para smartphones com sistema Android

Fonte: Secom PB

Cidades

ALPB retoma atividades administrativas com medidas sanitárias contra o coronavírus

Publicados

em

O expediente presencial na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB) foi retomado, nesta semana, com as atividades acontecendo nos setores administrativos, que funcionam no Centro Administrativo, localizado no Paraíba Palace. Os servidores ressaltaram a satisfação de retornar após cinco meses trabalhando de forma remota e elogiaram as medidas de segurança implantadas para impedir a contaminação do novo coronavírus. Um grupo de trabalho foi formado para acompanhar o retorno gradual das ações na Casa.

O Centro Administrativo está com a quantidade mínima de funcionários para garantir o funcionamento da unidade. “Essa retomada representa mais um avanço nas ações da ALPB, pois depois de cinco meses de pandemia começamos a voltar dentro das possibilidades. Os servidores que pertencem ao grupo de risco permanecem trabalhando de forma remota, assim como as ações parlamentares”, destacou o presidente da Casa, Adriano Galdino.

Já o secretário de Controle Interno, Álvaro Dantas, ressaltou que a Casa está garantindo a segurança dos funcionários, já que todos estão sendo identificados previamente. O cidadão que precisar dos serviços da Assembleia Legislativa também precisam agendar antecipadamente com o setor que ele pretende  visitar. “Estamos fazendo todo esse controle, pois é uma preocupação que nos acompanhou durante todo esse tempo de pandemia. Nós estamos tomando várias precauções para que a saúde do servidor seja preservada da melhor forma possível”, disse. 

Álvaro Dantas explicou ainda que, para esta volta, foi formado um grupo de trabalho responsável por acompanhar o retorno gradual dos servidores. “Eles vão ficar se reunindo periodicamente para avaliar se houve contágio do Coronavírus. Também vão observar o funcionamento da segurança para que possam ir escalando mais servidores para ocupar os setores de forma presencial. Para que assim possamos voltar de maneira integral”, afirmou.

O expediente está ocorrendo de terça-feira a quinta-feira, das 8h às 13h. “Foram cinco meses trabalhando em casa e o sentimento é de alegria por poder voltar e continuar contribuindo com o serviço na Casa. A nossa satisfação é imensa. O trabalho aqui no Centro Administrativo está com o horário reduzido, mas nós estaremos atendendo com muito esforço para que toda demanda seja realizada sem grandes problemas”, destacou José Rudson, que trabalhar na Procuradoria da ALPB.

Na entrada foram adotadas as seguintes medidas: aferição da temperatura corporal, por meio de termômetro digital sem contato direto; distanciamento mínimo de segurança de 1,5m; intensificação da higienização diária dos ambientes de trabalho, com ampliação da frequência de limpeza e desinfecção, além da obrigatoriedade do uso de máscaras. (*)

Agência ALPB

Continue lendo

Cidades

IFPB prorroga suspensão das atividades presenciais até 30 de setembro

Decisão foi referendada pelo Colégio de Dirigentes da instituição

Publicados

em

As atividades didático-pedagógicas presenciais do Instituto Federal da Paraíba estão suspensas até o dia 30 de setembro. A decisão foi referendada na última reunião do Colégio de Dirigentes da instituição ocorrida no dia 28 de agosto. A medida colabora com o isolamento social e se torna eficaz para evitar a disseminação do novo coronavírus no país.

O IFPB faz o acompanhamento sistemático do cenário da pandemia e analisa junto com o comitê de crise as medidas a serem tomadas em relação ao enfrentamento do coronavírus. Sem aulas presenciais desde o dia 16 de março, o Instituto Federal vem prorrogando a suspensão das atividades presenciais para proteger a saúde de sua comunidade, sempre lastreado pelas informações e orientações científicas advindas das autoridades sanitárias e da Organização Mundial de Saúde (OMS).

“Reafirmamos nosso compromisso com a vida humana, a segurança e a saúde pública. Nós só retornaremos as atividades presenciais, quando tivermos certeza de que a nossa comunidade estará devidamente protegida” disse o reitor Nicácio Lopes.

Nesta segunda-feira (31) os campi Esperança, Patos, Cabedelo, Cabedelo-Centro, Mangabeira, Campina Grande, Guarabira, Soledade e Itabaiana iniciaram as aulas no formato não presencial. 

Outras dez unidades já vêm ofertando aulas para os estudantes no formato on-line. No dia 04 de setembro será a vez do Campus Princesa Isabel iniciar esse tipo de oferta e no dia 08 de setembro o campus João Pessoa, totalizando 21 Campi. Os servidores técnico-administrativos continuam com suas atividades em home-office.

Via ClickPB

Continue lendo

Educação

UEPB lança editais com 800 bolsas para auxílio a estudantes sem acesso à internet ou equipamentos

O Auxílio Conectividade oferta 500 vagas na modalidade “Acesso à internet em caráter emergencial”, e 300 vagas na modalidade “Aquisição de equipamento”

Publicados

em

A Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) lançou novos editais do Programa Auxílio Conectividade, ofertado pela Instituição aos estudantes regularmente matriculados em componentes curriculares e/ou atividades acadêmicas que estão sendo ofertadas de forma não presencial, devido à pandemia.

O segundo edital do Auxílio Conectividade está ofertando 500 vagas na modalidade “Acesso à internet em caráter emergencial”, que concede bolsa mensal no valor de R$ 100,00 para aquisição de serviço de internet enquanto durarem as atividades regulamentadas pela Resolução UEPB/Consepe/0229/2020; e 300 vagas na modalidade “Aquisição de equipamento”, que concede bolsa em cota única, no valor de R$ 1 mil, para aquisição de equipamento adequado ao acompanhamento das aulas remotas.

As inscrições estão abertas até as 23h59 do dia 17 de agosto, por meio de formulário eletrônico disponível no endereço https://cpcon.uepb.edu.br/form… . Para receber o Auxílio Conectividade, é necessário que o aluno declare não possuir acesso à internet e/ou equipamento de qualidade para o desenvolvimento das atividades não presenciais, além de possuir renda per capita menor ou igual a R$ 785,77 (média da renda per capita da Região Nordeste, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE).

Mais de um estudante da mesma família poderá ser contemplado pelo auxílio, que pode ser cumulativo com outras modalidades de auxílio, bolsas ou programas de ensino, pesquisa e extensão.

Conforme o cronograma dos editais, o resultado preliminar dos alunos selecionados para o Auxílio Conectividade será divulgado no dia 21 de agosto. Aqueles que não foram contemplados e desejarem apresentar recurso, poderão realizar o procedimento de 21 a 24 de agosto, mediante envio de documento, conforme modelo disponibilizado no site da Pró Reitoria Estudantil (Proest), para o e-mail proest@uepb.edu.br. O resultado final será divulgado no dia 28 de agosto.

Outras informações sobre o Auxílio Conectividade podem ser obtidas junto à Proest, pelo telefone (83) 9 8753-8757 ou através do e-mail proest@uepb.edu.br.

ClickPB

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas