Conecte-se conosco

Variedades

Infortel Solar conclui mais um projeto fotovoltaico com sucesso

Fotos: Divulgação/Infortel Solar

Publicados

em

A INFORTEL SOLAR, localizada em Guarabira-PB, concluiu com sucesso mais um projeto fotovoltaico de energia solar.

Segundo informações, o projeto foi finalizado, 7,1 Kwp, com 22 módulos Canadian 355W Half-Cell inversor Sofar de 7.5 Kw proporcionando uma geração de até 1050 kwh mês, e uma economia de até 95% em sua conta de energia.

Faça sua proposta sem compromisso e comece a usufruir de todos os benefícios proporcionados por um sistema de energia solar.

Contate a INFORTEL SOLAR através do celular/Whatsapp 83-99352-0090 ou 83-3271-3200

Fonte: Instagram/Infortelgba

Cidades

Major Maxsuel é o novo subcomandante do 4º BPM

Publicados

em

O major Maxsuel de Lima é o novo subcomandante do 4º BPM (Batalhão de Polícia Militar) de Guarabira, conforme nomeação publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira (2). A posse aconteceu durante a manhã, no gabinete do comandante geral da Polícia Militar, coronel Euller, e contou com as presenças de alguns oficiais, entre eles o comandante regional, coronel Valério. O major Maxsuel assume a função que estava sendo exercida pelo tenente-coronel Brandão, que vai comandar o 9º BPM, sediado em Cuité.

Natural de Guarabira, o major Maxsuel começou a carreira policial na cidade, em 1990, como soldado do 4º BPM, onde permaneceu por dois anos até ser aprovado para o Curso de Formação de Oficiais da Academia de Polícia Militar do Cabo Branco, em João Pessoa. Para o novo subcomandante do 4º BPM, retornar a sua cidade natal é um presente.

“Retorno para Guarabira com alegria, consciente das responsabilidades que irei dividir com o tenente-coronel Gilberto, mas confiante em Deus e no apoio da tropa e de toda a sociedade”, disse. O major Maxsuel tem 49 anos de idade e estava exercendo a função de subcomandante do 8º BPM, sediado em Itabaiana.

O comandante do 4º BPM disse que, no primeiro momento, sentiu a saída do tenente-coronel Brandão por ser um exemplo de profissional de segurança pública, além de um notável ser humano, mas, ficou feliz por saber que foi uma promoção profissional, já que ele irá assumir o comando de um importante Batalhão de Polícia Militar. Ao mesmo tempo, com alegria, recebe outro exímio policial militar, o major Maxsuel, que estará sequenciando o exitoso trabalho até então desenvolvido magistralmente pelo tenente-coronel Brandão. “Desejamos a ambos um trabalho abençoado e proativo, sobretudo voltado para o bem comum da coletividade, o que eles fazem muito bem”, acrescentou o tenente-coronel Gilberto.

O major Maxsuel é bacharel em Segurança Pública e especialista em Segurança Pública e em Gestão e Tecnologia Educacional, além de bacharel também em Teologia e Direito.

Assessoria / 4º BPM

Continue lendo

Variedades

Coronavírus: máscaras caseiras podem reduzir contaminação por Covid-19

Recomendações de proteção mudaram e agora a orientação é que a população faça máscaras de pano.

Publicados

em

Na quinta-feira, 2, a recomendação do Ministério da Saúde sobre o uso de máscaras pela população em geral, incluindo pessoas assintomáticas e sem registro de contato com casos confirmados de Covid-19, mudou. Até então, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta (DEM), e a equipe técnica que atua na linha de frente do combate ao coronavírus, vinham reafirmando que a necessidade de uso de máscaras era somente para pessoas com algum sintoma. Agora, depois que a marca de 1 milhão de pessoas contaminadas foi ultrapassada, Mandetta afirmou que um protocolo sobre a ação será publicado. 

De acordo com uma nota técnica, “pesquisas têm apontado que a sua utilização impede a disseminação de gotículas expelidas do nariz ou da boca do usuário no ambiente, garantindo uma barreira física que vem auxiliando na mudança de comportamento da população e diminuição de casos. Nesse sentido, sugere-se que a população possa produzir as suas próprias máscaras caseiras em tecido de algodão, tricoline, TNT, ou outros tecidos, que podem assegurar uma boa efetividade se forem bem desenhadas e higienizadas corretamente. O importante é que a máscara seja feita nas medidas corretas cobrindo totalmente a boca e nariz e que esteja bem ajustada ao rosto, sem deixar espaços nas laterais”.

A Organização Mundial de Saúde ainda não mudou a recomendação sobre o uso de máscaras. De acordo com a instituição, “se você está saudável, só precisará usar uma máscara se estiver cuidando de uma pessoa com suspeita de contaminação por Covid-19. Use uma máscara de estiver tossindo ou espirrando. Máscaras são eficientes somente quando utilizadas em conjunto com a higienização das mãos com álcool em gel ou água e sabão”. Contudo, nem todas as pessoas contaminadas poderão ser testadas para o coronavírus. Estudos mostram que as pessoas assintomáticas podem ser responsáveis por dois terços da transmissão da doença.

Na coletiva de imprensa de quarta-feira, 1º, Mandetta afirmou que qualquer pessoa pode fazer as máscaras em casa. “Funciona muito bem como barreira”, disse. A orientação é que o item seja lavado após o uso com água sanitária ou hipoclorito de sódio por vinte minutos, com uso individual e que cada pessoa tenha quatro ou cinco máscaras. “É lutar com as armas que a gente tem”, disse. O ministro pediu que as máscaras cirúrgicas N95, que oferecem maior proteção, sejam deixadas para os profissionais de saúde, que estão em maior risco de contaminação. 

Veja

Continue lendo

Paraíba

Corpo de Bombeiros alerta sobre acidentes domésticos no período da quarentena

Publicados

em

Foto: Ilustração

Seguindo as recomendações de isolamento social durante a quarentena, muitos se preocupam com a permanência de crianças e idosos em casa durante o período. Visando minimizar os riscos de acidentes domésticos, o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba (CBMPB) orienta sobre quais as medidas devem ser tomadas para tornar a casa mais segura.

Brinquedos – Sempre observar a faixa etária indicada na embalagem dos produtos, pois algumas podem conter peças pequenas que crianças menores e bebês podem vir a se engasgar, caso as leve à boca. Também atente à presença do selo do Inmetro nas caixas.

Banheiros – Mantenha a tampa do vaso sanitário sempre abaixada e nunca deixe uma criança sem supervisão no momento do banho. Instale barras nas paredes para que idosos possam se apoiar quando for utilizar o vaso sanitário ou no banho.

Cozinha – gire os cabos das panelas que estiverem no fogão para dentro e mantenha utensílios cortantes ou com pontas fora do alcance. Enquanto estiver cozinhando, evite deixar que crianças se aproximem, podendo utilizar, por exemplo, grades de proteção.

Material de limpeza – Para evitar intoxicação, armazene os materiais em prateleiras altas ou instale travas nas portas onde eles estão guardados. Mantenha os baldes sempre secos e virados para baixo, a fim de evitar afogamentos.

Tomadas – Para evitar acidentes que envolvam choque elétrico, instale protetores em todas as tomadas da casa, evite conectar mais de um equipamento elétrico na mesma tomada através do uso de T’s (benjamins) e mantenha os fios fora do alcance dos pequenos.

Precauções – Sempre utilize telas ou grades de proteção em janelas e piscinas. Dê preferência a não utilizar tapetes ou instalar os que são antiderrapantes, para que idosos e crianças não tropecem.

Prefira cortinas ou persianas com tecidos grossos e pesados, que são mais difíceis para a criança manusear, e sem cordas, que causem risco de estrangulamento. Fixe protetores de quinas nas mesas e em móveis pontiagudos.  Evite posicionar camas, cadeiras ou qualquer outro móvel perto da janela, pois eles podem ser usados para a criança escalar.

Instale grades de proteção para dificultar acesso às escadas, de modo a evitar acidentes que envolvam altura.

Fonte: Secom/PB

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas