Conecte-se conosco

Cidades

Camila cobra incentivo fiscal para empresa contratar grávidas na Paraíba

Publicados

em

A deputada estadual Camila Toscano (PSDB) solicitou ao Governo do Estado, por meio de requerimento apresentado na Assembleia Legislativa da Paraíba (ALPB), para que sejam viabilizadas as ações necessárias a concessão de incentivos fiscais às empresas paraibanas que contratarem mulheres grávidas para compor seu quadro de funcionários. Neste domingo (12), Dia das Mães, a deputada lamentou a situação de gestantes que esbarram em diversas barreiras como a falta de compreensão, flexibilidade e oportunidade, além de desrespeito à legislação, no ambiente corporativo.

Camila destacou que a contratação de gestante não poderá ser restringida, por se tratar de prática discriminatória, como está expressa na Lei 9.029/95 em que o empregador fica proibido de exigir teste, exame e/ou atestado médico de gravidez ou atestado de esterilização da futura empregada. Tais exigências configuram conduta criminosa.

“Conciliar trabalho e maternidade continua sendo um desafio para a maior parte das mulheres, que esbarram com preconceito e incompreensão no ambiente corporativo. Não é raro que chefes e colegas duvidem da capacidade delas de se dedicarem tanto ao emprego quanto faziam antes de se tornarem mães, já que, na sociedade brasileira, as atividades domésticas e de cuidado com os filhos são vistas quase como exclusivamente femininas”, destacou a deputada.

Pesquisa do site Trocando Fraldas revelou que três em cada sete mulheres sentem medo de engravidar e serem demitidas. Pela legislação da maior parte dos países, inclusive a brasileira, seria proibido perguntar sobre os planos para engravidar numa entrevista de emprego, já que isso é discriminatório. Na prática, porém, a realidade é bem diferente.

“Independentemente da legislação, há muito descumprimento de norma: há anúncios de emprego que fazem a observação de que gestantes não serão entrevistadas. Logo, diante deste quadro, apresentamos este requerimento ao governador da Paraíba para que sejam viabilizadas as ações necessárias para a concessão de incentivos fiscais às empresas paraibanas que contratarem mulheres grávidas para compor seu quadro de funcionários, visando reduzir o quantitativo de desempregos e beneficiar as mulheres e mães de nosso Estado”, explicou Camila.

Na contramão – Já existem empresas no Brasil que contratam mulheres grávidas, algumas delas com até nove meses de gestação. O fundador da empresa Trackmob, Jonas Araujo, disse que as contratações acontecem pela capacidade e talento da mulher e não se ela está grávida. Ele garantiu ainda que o afastamento por quatro meses não gera prejuízo a empresa que poderá ganhar muito mais com o trabalho da mulher no retorno da licença maternidade.

Pesquisa – Uma pesquisa divulgada pela Catho aponta que 30% das mulheres deixam o mercado de trabalho para cuidar dos filhos. Entre os homens, essa proporção é quatro vezes menor, de 7%. Os dados apontam que 20% relaram terem sido demitidas – apesar de a lei trabalhista vetar demissão sem justa causa durante a gravidez e até 5 meses depois do parto. Segundo a pesquisa da Vagas.com, quase 71% das entrevistadas disseram ter sido perguntadas sobre filhos e planos de engravidar em seu processo seletivo mais recente.

Assessoria

Galerias de Fotos

Mix Festas e Descartáveis realiza cursos de confeitaria nesta terça, 12

Publicados

em

Fotos: Divulgação

A loja Mix Festas e Descartáveis, voltada para artigos de festas, descartáveis e confeitaria, realiza nesta terça, 12 de janeiro de 2021, durante a manhã e tarde, cursos de confeitaria na área de decoração de bolos. Confira logo abaixo como foi a aula presencial.

A Mix Festas e Descartáveis neste momento de pandemia mantem a sala de cursos funcionando com número reduzido de alunos e respeitando o distanciamento.

A loja disponibiliza de um recipiente com álcool 70% INPM para a higienização dos participantes. A loja informa para que todos os participantes dos cursos ministrados a partir deste momento, levem máscaras de proteção, pois é necessário a utilização da mesma no recinto.

A loja Mix Festas e Descartáveis fica localizada na Rua Augusto de Almeida, 48, ao lado do ENSL (Educandário Nossa Senhora de Lourdes), também conhecido como “Colégio de Socorro Amorim”, no Centro da cidade, fone: (83) 3271-8100. Siga a Festas e Descartáveis: instagram.com/mixfestasedescartaveis e facebook.com/festasedescartaveis

Continue lendo

Cidades

206 vagas de emprego estão disponíveis no SINE da capital até 15 de janeiro

Publicados

em

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) de João Pessoa está com 206 vagas de emprego disponíveis a partir desta segunda-feira (11) e até a sexta-feira (15), para os níveis fundamental, médio, superior, técnico, além de oferecer vagas que não exigem escolaridade.

O maior número de vagas é para operador de telemarketing ativo, com 21 oportunidades, 20 para vendedor de consórcio e 20 para costureira em geral.

O Sine-JP funciona na Avenida Cardoso Vieira, 85, Varadouro, e atende das 8h às 12h, de segunda a sexta-feira. O trabalhador deve apresentar RG, CPF e Carteira de Trabalho.

Para concorrer às oportunidades em que o empregador exige apenas o currículo, o interessado deve enviá-lo para o endereço [email protected]

Vagas de emprego em João Pessoa

  • 1 – Açougueiro
  • 1 – Agente de coleta de lixo
  • 1 – Ajudante de cozinha
  • 1 – Ajudante de serralheiro
  • 4 – Aplicador de insulfil
  • 1 – Atendente de consultório médico
  • 1 – Atendente de farmácia (balconista)
  • 2 – Atendente de lanchonete
  • 1 – Atendente de padaria
  • 1 – Auxiliar de cozinha
  • 3 – Auxiliar administrativo
  • 5 – Auxiliar de cozinha
  • 1 – Auxiliar de escritório
  • 2 – Auxiliar de mecânico
  • 2 – Auxiliar de pintor de automóveis
  • 1 – Balconista de açougue
  • 1 – Cabeleireira
  • 3 – Camareira
  • 1 – Chapeiro
  • 7 – Consultor de vendas
  • 1 – Copeiro hospitalar
  • 1 – Costureira
  • 20 – Costureira em geral
  • 5 – Cozinheiro
  • 2 – Cozinheiro de restaurante
  • 2 – Cozinheiro em geral
  • 1 – Cozinheiro hospitalar
  • 1 – Cozinheiro industrial
  • 3 – Cuidadora de idoso
  • 2 – Cumin
  • 1 – Desenhista industrial gráfico (designer gráfico)
  • 12 – Eletricista
  • 1 – Eletricista automotivo
  • 1 – Empregado doméstico nos serviços gerais
  • 1 – Encarregado de oficina mecânica
  • 1 – Engenheiro mecânico
  • 1 – Estoquista
  • 6 – Garçom
  • 1 – Gerente de produção
  • 2 – Instalador de insulfilm
  • 3 – Manicure e pedicure
  • 5 – Marceneiro
  • 2 – Mecânico de automóveis
  • 1 – Mecânico de manutenção de ar condicionado
  • 2 – Montador de automóveis
  • 3 – Montador de móveis de madeira
  • 1 – Motorista
  • 2 – Motorista carreteiro
  • 1 – Motorista de caminhão
  • 1 – Móveis planejados
  • 5 – Oficial de serviços gerais de manutenção de edificações
  • 1 – Operador de empilhadeira elétrica
  • 1 – Operador de laminação
  • 1 – Operador de laminador
  • 1 – Operador de máquinas fixas, em geral
  • 1 – Operador de retroescavadeira
  • 21 – Operador de telemarketing ativo
  • 6 – Pedreiro
  • 1 – Pintor de estruturas metálicas
  • 2 – Pizzaiolo
  • 2 – Polidor de automóveis
  • 1 – Promotor de vendas
  • 3 – Serralheiro
  • 4 – Servente de pedreiro
  • 20 – Vendedor de consórcio
  • 8 – Vendedor externo
  • 1 – Vendedor pracista
  • 1 – Vidraceiro

Fonte: G1 PB

Continue lendo

Guarabira

Guarabira: servidores do Município cedidos, permutados e à disposição devem se apresentar até o dia 30/1

Publicados

em

Foto: Divulgação/PMG

O Prefeito de Guarabira, Marcus Diôgo, determinou através do decreto municipal nº 122/2021 o cancelamento de todas as cessões, requisições, permutas e atos administrativos similares de “disposição” dos servidores municipais expedidos até 31/12/2020. 

Diante disso, todos os servidores da Prefeitura de Guarabira que se enquadram nestes quesitos devem comparecer até o dia 30 de janeiro na Secretaria de Administração e Recursos Humanos para realização de recadastramento funcional.

O descumprimento da retorno implicará na imediata suspensão do pagamento do servidor até sua regularização. Com a determinação, o objetivo da Prefeitura é verificar e analisar o real quadro efetivo de pessoal, inclusive para determinação das lotações e carências.

Plugados

Continue lendo
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio
Apoio

Mais Lidas